A amnésia induzida pelo álcool ou amnésia alcoólica é quando a memória de uma pessoa é prejudicada devido a ingestão de álcool ou ou dependência do álcool. Isso não é o mesmo que desmaiar ou cair de sono por ter bebido demais. Eles são mais como uma forma temporária de amnésia que faz uma pessoa esquecer eventos imediatamente após a ingestão de álcool.

As estatísticas parecem sugerir que apagões de memória são uma indicação de alcoolismo, embora esta teoria não é apoiada por estudos científicos específicos.Vítimas de apagões pelo álcool são mais propensas a serem adultos jovens bebedores de risco. Blecautes de memória significa que os indivíduos são mais suscetíveis a se engajar em comportamentos de alto risco que eles não podem sequer se lembrar depois que o álcool se esgotou. Se você acha que tem um problema com o álcool, por favor, não hesite em contatar um profissional de saúde para aconselhamento.

Em determinadas circunstâncias, grandes quantidades de álcool pode realmente impedir o cérebro de uma pessoa de formar qualquer tipo de memória de curto prazo. Isto significa que os indivíduos não são suscetíveis de sempre lembrar o que aconteceu durante o período em que estavam bebendo

Amnésia alcoólica: causas

O risco de um indivíduo experimentar um apagão aumenta uma vez que os níveis de álcool passam de um certo ponto. Embora a quantidade real de álcool irá variar entre os indivíduos, é mais provável de acontecer quando o nível de álcool de uma pessoa chega a 0,15. Isso é extremamente elevado quando comparado com o limite legal de condução de 0,08. Apesar disso, algumas pessoas podem não sentir os efeitos do álcool a este nível. Beber rapidamente também aumenta as chances de uma pessoa de sofrer um apagão alcoólico, porque leva ao corpo humano uma média uma hora para processar um drinque.

A amnésia alcoólica têm sido usada em processos judiciais como uma desculpa para o comportamento criminal. Indivíduos têm reclamado que não conseguem se lembrar de infrações, como assalto, vandalismo, roubo e condução por causa de consumo excessivo de álcool e apagões.

Amnésia alcoólica: Riscos Potenciais

O risco óbvio associado a um apagão é que estar sob a influência de grandes quantidades de álcool não é o melhor momento para tomar decisões importantes. Esta situação não só coloca a segurança do indivíduo em risco, mas também a de outras pessoas ao seu redor. Uma pessoa que normalmente não bebe e dirige pode decidir correr o risco quando sob a influência de álcool. Ser incapaz de se lembrar de eventos do dia (ou da noite), antes significa que uma pessoa pode ser incapaz de recordar situações potencialmente perigosas. Um apagão causado pelo álcool é a maneira do corpo avisar a pessoas que elas beberam demais.

Cuidado com os excessos

Ao beber demais, você está arriscando sua saúde e não apenas sua memória. Tome cuidado! (Foto: www.projectknow.com)

Amnésia alcoólica: Efeitos a longo prazo

Embora seja verdade que a maioria das pessoas vai sofrer pelo menos um apagão induzido pelo álcool em suas vidas, repetidos apagões podem ter um efeito significativo sobre o cérebro de um indivíduo. Repetidos apagões alcoólicos podem causar:

  • Perda de memória permanente;
  • Desenvolvimento cognitivo deficiente;
  • Problemas de comportamento;
  • Lesão cerebral

Se um indivíduo apaga ou desmaia em uma base regular, isso pode ser um sinal de dano a determinadas células no cérebro da pessoa. Episódios repetidos de apagões não devem ser ignorados. As pessoas devem procurar o conselho de um grupo de apoio médico ou o Alcoólicos Anônimos. Se você acha que tem um problema com o álcool, por favor, não hesite em procurar um especialista de saúde. Indivíduos que sofrem de diabetes também são mais propensas a sofrer amnésia alcoólica.

Síndrome de Wernicke-Korsakoff ou síndrome de Korsakoff (Korsakov) e a amnésia alcoólica

A síndrome de Korsakov é causada pela carência de Vitamina B1 (tiamina). É muito comumente ao alcoolismo crônico, pois o álcool prejudica a capacidade do organismo de absorver a Vitamina B1. Se você está experimentando amnésia anterógrada, amnésia retrógrada e muito comumente a confabulação e uma desorientação temporoespacial, juntamente com o consumo excessivo de álcool, pode ser que seu caso seja de alcoolismo. Esta não é uma amnésia alcoólica normal, pois pode acontecer mesmo quando a pessoa não bebe. Portanto, vale o lembrete e o cuidado com com sua saúde!

Amnésia alcoólica: blecautes e alcoolismo

Embora alcoólatras costumam sofrer com apagões induzidos pelo álcool freqüentes, uma pessoa não tem que sofrer de alcoolismo para sofrer um apagão. Blecautes são um resultado direto de quanto álcool uma pessoa bebe de uma só vez ou em uma única sessão e não de quanto eles bebem durante um período de tempo mais longo. As pessoas que bebem em uma base regular irão naturalmente desenvolver uma maior tolerância ao álcool. Isso não significa que eles não vão sofrer com apagões, só que os seus níveis de álcool serão muito maior quando ocorre o apagão.

Infelizmente, não há nenhuma maneira de saber o quanto de álcool uma pessoa pode tolerar. Um nível de álcool que pode não ter efeito em um indivíduo pode ter consequências fatais para o outro, fazendo beber grandes quantidades de álcool um negócio muito arriscado.

Mulheres que bebem grandes quantidades de álcool são mais propensas a sofrer conseqüências médicas do que os homens. Por exemplo, mais mulheres alcoólatras desenvolvem cirrose e outras doenças relacionadas com o álcool do que os homens.

Amnésia alcoólica: como evitar?

A única maneira garantida para evitar ter um apagão de memória é não beber álcool em excesso. Os indivíduos devem também seguir as mesmas bebidas e garantir a sua ingestão é grande e não apressada. O conselho é que as pessoas a não tenham mais do que duas bebidas por hora. As pessoas também devem tomar conhecimento do conteúdo real do que eles bebem de álcool, bem como assegurar que ficar dentro dos limites de segurança.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “Amnésia alcoólica tem cura? Tratamento e como evitar!”

  1. Pollyana

    Tem tratamento? Tenho aminesia qdo bebo, o pior é que mudo totalmente minha personalidade sendo uma mulher vulgar e sem vergonha!
    Como tratar sem parar de beber? Bebo só cerveja

    • Equipe Saúde Melhor

      Oi Pollyana,
      Confesso que seu comentário me surpreendeu.
      Possivelmente existe um tratamento para isto, mas dificilmente algum que não inclua para ou diminuir bem as doses alcoólicas.
      Sugiro procurar um psicólogo para avaliar a situação.