Alguns afirmam que beber bebidas com as refeições é ruim para sua digestão. Outros dizem que isso pode causar a acumulação de toxinas, levando a uma variedade de problemas de saúde. Mas pode beber um copo de água com suas refeições realmente ter efeitos negativos? Ou isso é apenas outro mito? Fizemos uma análise baseada em evidências de como líquidos com refeições afetam sua digestão e saúde.

O básico da digestão saudável

Para entender por que a água é pensada como responsável por perturbar a digestão, é útil entender primeiro o processo digestivo normal.

A digestão começa em sua boca, assim que você começa a mastigar sua comida. A mastigação sinaliza para as glândulas salivares começares a produzir saliva, que contém enzimas que o ajudam a quebrar a comida. A saliva também ajuda a suavizar a comida, preparando-a para uma viagem suave no esôfago e no estômago.

Uma vez no seu estômago, a comida é misturada com suco gástrico ácido, que quebra o alimento e produz um líquido grosso e que eventualmente se move em direção à primeira parte do intestino delgado. No intestino delgado, esse líquido é misturado com enzimas digestivas do pâncreas e com o ácido biliar do fígado. Estes destroem o líquido, preparando cada nutriente para a absorção na corrente sanguínea.

A maioria dos nutrientes são absorvidos quando o líquido viaja através do intestino delgado. Apenas uma pequena porção permanece absorvida quando atinge o cólon. Uma vez na corrente sanguínea, os nutrientes são enviados para diferentes áreas do corpo. A digestão termina quando os materiais sobrantes são excretados do cólon através do reto. Dependendo do que você come, todo esse processo de digestão pode levar de 24 a 72 horas .

Resumindo: os alimentos são misturados com saliva na boca e suco gástrico no estômago. Uma vez no intestino delgado, a bile e as enzimas quebram os nutrientes e os preparam para a absorção na corrente sanguínea.

Beber água com alimentação

Beber líquidos durante as refeições é uma questão que envolve muitos fatos e mitos, e esclarecer cada um deles é uma boa ideia para melhorar seus hábitos de alimentação. (Foto: Prevention)

Beber liquido durante a refeição faz mal?

Não há dúvida sobre os benefícios de beber líquidos todos os dias. No entanto, alguns afirmam que o momento em que você bebe o líquido é importante, e beber durante as refeições é uma má ideia. Abaixo estão os três argumentos mais comuns utilizados para afirmar que os líquidos com as refeições são ruins para sua digestão.

Bebidas alcoólicas e ácidas afetam negativamente a saliva

Alguns argumentam que beber bebidas alcoólicas ou ácidas com as refeições seca a saliva, tornando mais difícil para o corpo digerir os alimentos. Isso tem alguma dose de verdade pois o álcool diminui o fluxo de saliva em 10% a 15% por unidade de álcool. No entanto, isto refere-se principalmente ao álcool de bebidas destiladas, e não às baixas concentrações de álcool na cerveja e no vinho. Em relação às bebidas ácidas, elas parecem aumentar a secreção de saliva. Não há provas científicas de que álcool ou bebidas ácidas, quando consumidas com moderação, afetem negativamente a digestão ou absorção de nutrientes.

Água, ácido estomacal e enzimas digestivas

Muitos afirmam que beber água com as refeições dilui o ácido estomacal e as enzimas digestivas, tornando mais difícil o corpo digerir os alimentos. Esta afirmação, no entanto, implica que seu sistema digestivo é incapaz de adaptar suas secreções à consistência de uma refeição, o que é falso.

Líquidos e velocidade de digestão

Um terceiro argumento popular contra beber líquidos com refeições afirma que os fluidos aumentam na velocidade em que alimentos sólidos saiam do estômago. Isso é pensado para reduzir o tempo de contato da refeição com ácido gástrico e enzimas digestivas, resultando em uma digestão mais baixa. Tão lógica quanto essa afirmação possa soar, nenhuma pesquisa científica suporta essa afirmação. Estudos que analisaram a velocidade de esvaziamento do estômago observaram que, embora os líquidos passem pelo sistema digestivo mais rapidamente do que os sólidos, eles não tem efeito sobre a velocidade de digestão dos sólidos.

Resumindo esses três argumentos, beber líquidos com refeições, seja água, álcool ou bebidas ácidas, é improvável que tenha efeitos negativos sobre a digestão.

Beber água antes das refeições e durante pode melhorar a digestão em alguns casos

Os líquidos ajudam a quebrar grandes pedaços de comida, tornando mais fácil para eles deslizar pelo seu esôfago e no estômago. Eles também ajudam a mover a matéria alimentar de forma suave, evitando inchaço e constipação. Além disso, seu estômago secreta água, juntamente com ácido gástrico e enzimas digestivas, durante a digestão. Essa água é necessária para promover o bom funcionamento dessas enzimas. Em outras palavras, seja consumida durante ou antes das refeições, os líquidos desempenham vários papéis importantes no processo de digestão.

Beber água durante refeições engorda ou emagrece?

Beber água com as refeições também pode ajudá-lo a pausar entre as mordidas, dando-lhe um momento para verificar com seus sinais de fome e plenitude. Isso pode evitar excessos, e pode até ajudá-lo a perder peso. Além disso, estudos mostraram que quem bebe mais de 500 ml de água antes de cada refeição podem perder até 2 kg mais do que aqueles que não o fizeram. As pesquisas também mostram que a água potável pode acelerar seu metabolismo em cerca de 24 calorias por cada 500 ml que você consome.

Curiosamente, a quantidade de calorias queimadas diminuiu quando a água é aquecida até a temperatura corporal. Isso pode ser devido ao fato de seu corpo usar mais energia trazendo a água fria até a temperatura do corpo. No entanto, as observações sobre os efeitos da água no metabolismo não são universais e os efeitos são pequenos nas melhores das hipóteses.

Finalmente, é importante notar que isso se aplica principalmente a água e não bebidas que contêm calorias. Em estudos, a ingestão calórica total foi de 8% a 15% maior quando as pessoas bebiam bebidas açucaradas, leite ou suco com refeições.

Beber água com as refeições pode ajudar a regular o seu apetite, prevenir os excessos e promover a perda de peso. Isso não se aplica às bebidas que contêm calorias.

Algumas pessoas não devem beber líquidos com refeições

Para a maioria das pessoas, é improvável que beber líquidos com alimentos afete negativamente a digestão. Dito isto, se você sofre de refluxo gastroesofágico, líquidos com refeições podem não ser para você. Isso ocorre porque os líquidos aumentam o volume do estômago, o que pode aumentar a pressão, de forma semelhante à de como seria uma grande refeição. Isso pode levar ao refluxo ácido para pessoas com refluxo. Se você sofre desse problema, limitar a ingestão de líquidos com as refeições pode diminuir seus sintomas de refluxo.

Questão de escolha e recomendação médica

Quando se trata de beber líquidos com as refeições, baseie sua decisão no que se parece melhor para você ou o que seu médico receitar. Se o consumo de líquidos com as refeições é doloroso, deixa sentir inchado ou piora seu refluxo gástrico, evite beber líquidos antes ou entre as refeições.

Caso contrário, não há provas de que você deva evitar beber com as refeições. Pelo contrário, as bebidas consumidas logo antes ou durante as refeições podem promover a digestão suave, levar a hidratação ideal e deixa você sentir-se mais cheio. Apenas tenha em mente que acima de tudo, a água é o melhor líquido para ser consumido.

Como você consome líquidos durante as refeições? O que seu médico diz sobre o consumo de líquidos nas refeições?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.