As pessoas com diabetes devem ser particularmente cautelosas quando se trata de beber álcool porque ele pode tornar algumas das complicações da diabetes piores. Para começar, o álcool impacta no trabalho do fígado para regular o açúcar no sangue. Ele também pode interagir com alguns medicamentos que são prescritos para pessoas com diabetes. Mesmo que você raramente beba álcool, fale com seu médico sobre isso para que ele ou ela saiba quais os medicamentos são melhores para você, e só consuma o álcool se seu médico autorizar. Aqui está as informações que você precisa saber sobre a combinação do álcool com a diabetes.

Quem tem diabetes pode beber álcool? Interações com medicamentos

O álcool pode fazer com que os níveis de glicose no sangue subam ou a caiam, dependendo do quanto você bebe. Algumas pílulas para o tratamento da diabetes também diminuem os níveis de glicose no sangue ao estimular o pâncreas a produzir mais insulina. Combinar os efeitos de redução de açúcar no sangue da medicação com álcool pode levar a hipoglicemia ou ao choque de insulina, que é uma emergência médica.

Quem tem diabetes pode beber cerveja ou outros tipos de álcool? Eles vão afetar a função do seu fígado

Quando você bebe álcool, seu fígado tem que trabalhar para removê-lo de seu sangue em vez de trabalhar para regular o açúcar no sangue. Por esta razão, você nunca deve beber álcool quando a sua glicose no sangue já estiver baixa. Tanto a cerveja quanto outros tipos de álcool vão provocar as mesmas reações.

Diabetes e consumo de álcool

Diabéticos tem que tomar cuidados especiais no consumo de álcool, pois as bebidas que contém esse elemento podem influenciar bastante os níveis de açúcar no sangue. (Foto: Reference.com)

Diabético pode beber cerveja e outras bebidas, mas nunca com o estômago vazio

O alimento retarda a taxa em que o álcool é absorvido na corrente sanguínea. É recomendável comer uma refeição ou lanche contendo carboidratos antes de consumir o álcool. Isso vai ajudar no controle da glicose e evitar que a diabetes atrapalhe sua saúde.

Antes de beber álcool, diabéticos devem testar o sangue

Álcool prejudica a capacidade do seu fígado em produzir glicose. Por isso, não se esqueça de saber o nível de glicose no seu sangue antes de beber qualquer bebida alcoólica. Isso ajudará no controle e monitoramento da glicose, bem como ajudando a regular as doses de insulina necessárias.

Cerveja e outras bebidas alcoólicas aumentam a glicose no sangue, e pode causar hipoglicemia

Após alguns minutos bebendo álcool e por até 12 horas depois, ele pode fazer com que o seu nível de glicose no sangue caia. Depois de consumir álcool, verifique sempre o seu nível de glicose no sangue para se certificar de que está na zona segura. Se a sua glicose no sangue estiver abaixo de 100 mg / dL, coma um lanche para aumentar o nível.

Quem tem diabetes pode beber vinho, whisky, cerveja, cachaça, qualquer bebida, desde que beba pouco e lentamente

Se você pesa 70 quilos, leva cerca de duas horas para o seu fígado processar uma bebida alcoólica. Beber muito álcool pode fazer você se sentir tonto, sonolento e desorientado, que são os mesmos sintomas da hipoglicemia. Certifique-se de usar uma pulseira que alerta as pessoas ao seu redor para o fato de que você tem diabetes, de modo que se você começar a se comportar como se estivesse bêbado, eles saibam que seus sintomas podem ser causados ​​pela hipoglicemia. Se você é hipoglicêmico, você precisa de alimentos e/ou comprimidos de glicose para aumentar seu nível de glicose no sangue.

Diabético: conheça seus limites para pode consumir o álcool

Seu médico irá dizer-lhe quanto álcool é seguro para você beber. Dependendo de sua condição de saúde, isso pode significar que você não pode beber qualquer quantidade de álcool que seja. Em alguns casos, as mulheres com diabetes podem não ter mais do que uma bebida alcoólica por dia. Os homens não devem ter mais do que duas.

Ficou claro sobre a quantidade de álcool que um diabético deve consumir e quanto ele deve consumir? Não se esqueça de consultar um médico antes de qualquer alteração na dieta. As recomendações dele são mais importantes do que qualquer conselho que possamos ter dado.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.