O consumo excessivo de álcool terá efeitos devastadores em seu corpo, seja antes ou depois. Para que você entenda os possíveis resultados do álcool sobre seu organismo e tenha mais consciência do que ele pode causar, listamos algumas das doenças que podem ser resultado de um consumo irresponsável e sem moderação.

Câncer é uma das doenças causadas pelo álcool

Este é o que mais atrai a atenção das pessoas. De acordo com um grande volume de pesquisas, o consumo excessivo de álcool aumenta o risco de câncer na boca, garganta, laringe, esôfago, fígado, mama e região colorretal.

Doenças cardíacas são também problemas causados pelo álcool

O consumo excessivo de álcool causam aglomeração das plaquetas que podem levar a coágulos sanguíneos e o consequente aumento no risco de ataque cardíaco e acidente vascular cerebral. Há uma série de outros problemas cardíacos que o abuso de álcool leva, tais como músculos do coração enfraquecidos, fibrilação auricular e ventricular, e arritmia no coração.

A cirrose é outra das consequências do álcool

Esta é a doença clássica associada ao consumo excessivo de álcool. O álcool mata as células do fígado. Em casos extremos, o fígado é incapaz de funcionar mais. Tanto as mulheres como os homens são vulneráveis, embora as taxas das mulheres afetadas sejam maiores.

Problemas com álcool

O excesso de bebidas alcoólicas pode causar sérios problemas de saúde, e é necessário atenção aos sinais de problemas para evitar que eles se agravem. (Foto: OnHealth)

O álcool pode causar demência

Quantidades excessivas de álcool também matam células cerebrais. O consumo crônico leva a um encolhimento anormal do cérebro, especialmente aqueles setores relacionados à memória, pensamento lógico, julgamento, capacidade de discernir a realidade, resolução de problemas e outras habilidades complexas.

Depressão é outra consequência do consumo do álcool

As pessoas deprimidas escolhem o álcool para se auto-medicar. Mas também está estabelecido que o álcool pode ser um fator contribuinte na formação da depressão em muitos adultos que bebem excessivamente, podendo até piorar uma condição já existente.

Pancreatite é outra doença causada pelo álcool

O pâncreas pode ficar inflamado pelo consumo excessivo de álcool. Quando o ato de beber é crônico, a pancreatite perturba o sistema digestivo, levando a dor crônica e uma diarreia constante. É um problema que pode se agravar mais, pois o pâncreas é essencial para o funcionamento saudável do organismo.

Convulsões epilépticas podem ser causadas pelo álcool

O alcoolismo crônico pode produzir convulsões epilépticas em pessoas, mesmo aquelas que não tenham epilepsia. O álcool também irá interferir com a medicação anti-convulsão em epilépticos. Ele deve ser evitado completamente por pacientes de risco ou pelo menos reduzido o consumo.

Pressão alta pode ser agravada pelo consumo de álcool

Uma das doenças causadas pelo consumo excessivo de álcool é a pressão arterial elevada. Quando uma pessoa bebe excessivamente, seu sistema nervoso pode ser interrompido. Os resultados incluem a constrição dos vasos sanguíneos que levam à pressão arterial elevada, acidente vascular cerebral, doença cardíaca e doença renal.

Doenças infecciosas causadas pelo álcool

O forte consumo de álcool suprime o sistema imunológico. Isso pode torná-lo mais suscetível a uma ampla gama de doenças infecciosas, incluindo pneumonia, tuberculose, HIV / AIDS e outras DSTs. É necessário um consumo responsável para se evitarem esses problemas.

Dano dos nervos causados pelo álcool

O abuso de álcool prejudica os nervos. Os resultados podem ser dores nas extremidades, sentimentos de ser picado por agulhas e entorpecimento dos membros. À medida que o dano dos nervos piora, seus efeitos podem incluir fraqueza muscular, constipação, incontinência e disfunção erétil.

Estas são as doenças mais comuns causadas pelo abuso de álcool, mas há mais. Para diminuir seu risco, procure tratamento de alcoolismo se você for um bebedor excessivo. Os programas de tratamento de álcool provaram ser eficazes para milhões, reduzindo seu risco de doença e melhorando sua qualidade de vida.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.