Quando você está vivendo com diabetes tipo 2, a última coisa que você quer se concentrar é em outra lista de coisas que você não pode fazer. Mas quando você está fazendo escolhas sobre a vida e alimentação saudável, existem muitas trocas que você pode fazer que colocam sua vida (e os níveis de insulina) na direção certa.

Para te ajudar, reunimos 9 alimentos que você deve excluir de qualquer forma de seu cardápio. Mas para que você não fique com água na boca e triste, escolhemos também os substitutos a altura para que sua rotina e alimentação não tenham que mudar demais, prejudicando sua qualidade de vida.

Panquecas e donuts/rosquinhas

Anunciada como a refeição mais importante do dia , café da manhã pode realmente definir o tom para seus níveis de açúcar, energia e confiança para o resto de suas horas de vigília. Alimentos ricos em açúcar, gordura , amidos brancos e frutas processadas podem aumentar o açúcar e dar-lhe uma crise no momento em que você chegar na porta. Em vez de bolos, panquecas, barras de frutas, geleias, cereais, granola, açúcar ou pão branco, opte por um alto teor de proteína e farinha de baixo teor de gordura. A clara de ovo, pão de trigo integral, aveia, bacon de peru, presunto ou cereais integrais são todos alternativas saudáveis ​e saborosas para começar o seu dia com o pé direito.

Carboidratos ricos em amido branco

Pão, cereais, arroz e massas são todos os grãos que são ricos em fibras, o que é bom para você. Mas certos grãos são tão fáceis para o seu corpo para processar que elevam o açúcar no sangue tão rapidamente quanto uma barra de chocolate. Pães brancos, cereais, arroz e massas foram despojados de seus cascos nutritivos, deixando apenas carboidratos ruins para trás. Prefira pães integrais e cereais, arroz integral, feijão, grãos integrais, como a linhaça, Kasha ou quinoa e trigo integral ou massa de semente de linhaça ou quinoa.

Fast food

Se a sua ideia de almoço tem a ver com uma visita a praça de alimentação do shopping, você ainda pode ganhar no jogo escolhas saudáveis. Basta dizer não a qualquer coisa frita (batatas fritas, anéis de cebola, tudo etiquetado como crocante, ou hambúrgueres que não são grelhados), ou qualquer coisa salgada demais (batatas fritas novamente, bacon ou queijo), e muitos condimentos doces ou gordurosos (ketchup, maionese ou molhos especiais). Diga sim para grelhados, saladas com molho de baixo teor de gordura, alface ou tomates adicionais, mostarda, ou pickles.

Bebidas açucaradas

Refrigerantes açucarados, bebidas isotônicas, limonadas e sucos de frutas devem ser substituídos por água, café e chá (quente ou gelado), refrigerantes sem açúcar e bebidas aromatizadas sem açúcar.

Cuidado com a glicose na diabetes

Não abuse de alimentos que vão aumentar a glicose no seu sangue, ou as consequências poderão durar para sempre. (Foto: divulgação)

Biscoitos, doces e batatas fritas

Alimentos embalados, como biscoitos, doces e batatas fritas podem ser facilmente evitados quando você for pegar um lanche rápido em uma máquina de venda automática ou supermercado. Prefira oleaginosas (como nozes e pistache), pipoca com baixo teor de gordura ou bolachas integrais, tomando cuidado com sua ingestão diária de sódio, é claro. Melhor ainda, poupe dinheiro e carregue com você sempre coma uma banana, maçã, pipoca com pouca gordura e sal ou um sanduíche natural como lanche  para qualquer lugar.

Buffets e restaurantes self-service

A idéia de um buffet ou um restaurante self-service pode Fazer com que até mesmo os mais conscientes diabéticos do tipo 2 sofram para resistir, mas isso não tem que ser o caso. Bata a salada primeiro e encha-se com alimentos verdes, então evite sopas cremosas e vá para caldos claros. Escolha alimentos frescos e coloridos, menos processados, ​​como vegetais cozidos ao invés de fritos, batata doce cozida, carnes grelhadas refogados cozidos, carnes com pouca gordura (como peixes e frango). Evite coberturas que são cremosas, gordurosas, grossas ou pegajosas como creme de queijo, creme de leite, molho branco e molhos cremosos.

Conservas de frutas e frutas secas

Todas as frutas não são criados iguais quando se trata de índice glicêmico. Conservas de frutos são embaladas em açúcar ou xarope, sendo pouco melhores do que doces e realmente desnecessárias considerando as outras opções que você tem disponível para você. As frutas secas podem ser uma grande fonte de fibras, mas os açúcares são concentrados e, portanto, podem aumentar seus níveis de açúcar no sangue, ao mesmo tempo em que muitas das vitaminas e minerais naturais das frutas são perdidos. Fique longe de tortas de frutas, geleias, frutas cristalizadas e outras frutas processadas ​​porque têm menos valor nutritivo e são mais altos em açúcares. Em vez disso, opte por maçãs assadas ou frutas frescas.

Sorvete

Sorvete pode ser um deleite satisfatório para algumas pessoas, mas não tão seguro para quem sofre de diabetes tipo 2. O alto teor de gordura e açúcar tornam o sorvete um golpe duplo. Melhor aposta: iogurte congelado com coberturas de frutas frescas, pudins com base de tofu, sobremesas congeladas, todos os picolés de fruta. Ou você pode evitar as delícias geladas completamente e tentar cortar bananas, maçãs frescas, frutas vermelhas e peras com baixo teor de gordura, cobertas com chantilly sem açúcar.

Álcool

O álcool é processado da mesma forma como o corpo processa a gordura e pode definitivamente mexer com os seus níveis de açúcar no sangue. Se você decidir beber álcool, consuma-o apenas nos dias em que os seus níveis de açúcar no sangue estão sob controle, e limite a ingestão para uma ou duas bebidas. Você poe optar também por bebidas sem álcool, mas seja comedido no consumo.

Como você controla sua dieta para diabetes? Não se esqueça de sempre entrar em contato com seu médico e comunicar qualquer alteração na sua dieta.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.