Com qual frequência devemos ir ao médico?

Escrito na categoria "Saúde" por André M. Coelho.

Que todos devemos freqüentar o médico com uma freqüência regular todos nós já sabemos. Alguns querem ir demais. Outros, querem ir de menos. E muitos tem medo de descobrir problemas que tem de ser solucionados. Qual é a freqüência ideal de visitas ao médico?

Antes de responder a essa pergunta, precisamos esclarecer algumas coisas. Primeiramente, se você é uma pessoa que está sempre cuidando bem da sua saúde, tem uma boa alimentação, pratica exercícios físicos e é bem ativa em sua vida, as chances são grandes de que você tenha de freqüentar menos ao médico. Por outro lado, aqueles que já tem problemas de saúde ou já estão em idade mais avançada precisam de uma freqüência um pouco maior ao doutor, buscando cuidados especiais.

Médico e criança

O costume de visitar o médico deve ser cultivado desde os primeiros momentos da vida de um indivíduo. Assim o fazendo, você garante que no futuro esta pessoa estará sempre buscando uma vida saudável, livre de dores e problemas que podem afastá-la da felicidade. (Fonte: cbc.ca)

Mas qual a quantidade certa para cada tipo de pessoa e por quê?

Médicos e a cultura do medo

Grande parte da população, principalmente os homens, tem medo dos médicos. E isso pode ter graves consequências, inclusive fatais. Hora de repensar os conceitos e agendar aquela consulta de check-up. (Fonte: 365painfreedays.blogspot.com)

Lembramos a todos que este site apenas orienta seus leitores a criar costumes saudáveis, mas que as informações aqui podem estar incorretas. É sempre recomendado buscar as palavras de um especialista, possibilitando uma orientação correta e que leve você a uma vida saudável e com menos riscos.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

André fez parte de uma das primeiras equipes de Parkour no Brasil. Desde então, atuou junto de educadores físicos, nutricionistas, fisioterapeutas e profissionais da saúde para aperfeiçoar seus conhecimentos. Desde 2012, escreve dicas de saúde e exercícios físicos que aprendeu e continua aprendendo. Em 2019 tornou-se instrutor de Muay Thai e Kickboxing, compartilhando com seus alunos para ensinar tudo que aprendeu.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista. Procure sempre orientação médica presencial antes de consumir ou utilizar qualquer produto ou substância terapêutica.