Se você está fazendo uma dieta responsável, a primeira coisa que está fazendo é procurando um nutricionista de dieta para definição, ou um nutricionista para dieta para subir peso, ou um nutricionista para dieta para perder barriga. Mas não é só esse profissional que tem de acompanhar sua dieta. Você precisa de mais profissionais acompanhando sua dieta, se você quer usar a ciência e a saúde como seus aliados em uma dieta de sucesso, duradoura

Especialistas em nutrição

Uma maneira de reunir informações é procurar um profissional para aconselhamento nutricional. Mas isso não é tão simples quanto possa parecer. Existem diferenças consideráveis ​​em matéria de formação entre as pessoas que oferecem ajuda nutricional, e vale a pena conhecer a fundo a pessoa de quem você procura por aconselhamento nutricional.

Quem são esses profissionais? O nutricionista monta a dieta com você, além de indicar a quantidade de alimentos e os hábitos saudáveis que você deve praticar. O médico nutrólogo orienta uma construção de dieta mais balanceada, visando corrigir o peso para ganho ou perda deste, focando mais no diagnóstico, tratamento e cuidados de doenças e distúrbios alimentares.

Nutricionistas

São treinados em todos os aspectos da nutrição, tudo, desde a nutrição básica até a bioquímica nutricional e terapia de nutrição médica, uma abordagem terapêutica para o tratamento de condições médicas relacionadas com a nutrição através do uso de uma dieta modificada. O currículo também contém cursos de anatomia, fisiologia, química, estatística e metodologia de pesquisa. Além do curso, o nutricionista também tem uma carga horária de estágio obrigatória na área.

Nutricionista e nutrólogo são a mesma coisa?

Não. O nutrólogo é um médico especializado em nutrição e problemas relacionados. O nutricionista é um profissional apenas focado em nutrição, não apenas nos problemas relacionados a ela. O primeiro, geralmente só age quando há um problema de saúde relacionado à nutrição. Já o segundo, pode trabalhar dietas com seus pacientes a qualquer momento.

Endocrinologista e clínico geral

O primeiro é um médico especialista em doenças e distúrbios relacionados à menopausa, obesidade, crescimento, excesso de pelos, doenças da glândula supra renal, distúrbios da puberdade e da menstruação, hipófise, diabetes, osteoporose, andropausa, tireoide, e mais problemas hormonais e de glândulas do corpo. Com o devido apoio desse profissional, você pode descobrir que algumas características metabólicas de sua alimentação estão atrapalhando ou ajudando você a ganhar/perder peso com uma ou outra dieta.

O segundo, é um profissional responsável por um diagnóstico geral da sua saúde. Ele poderá fazer um teste sobre seu metabolismo, seu sangue, e ver como a dieta está. Além disso, ele pode iniciar o diagnóstico de problemas de saúde que estejam prejudicando sua alimentação, te encaminhando ao profissional adequado quando você apresentar um desses problemas.

Profissionais da nutrição para uma melhor saúde

Os professionais envolvidos com a nutrição são parte de uma equipe multidisciplinar que trabalham para uma melhor saúde e qualidade de vida aos seus pacientes! (Foto: authoritynutrition.com)

Psiquiatra e psicólogo

Principalmente para quem está enfrentando distúrbios alimentares, essa dupla é essencial. O primeiro ajudará a controlar o distúrbio, como a compulsão alimentar e a anorexia, através de medicamentos e compreensão da situação específica do paciente. O segundo, ajudará no tratamento de longo prazo, através da terapia. Desta forma, as mudanças trazidas pelos medicamentos e sugeridas pelo psiquiatra serão mantidas por mais tempo, sendo duradouras e muito mais eficientes.

O trabalho desses dois profissionais é essencial também para que você aceite seu corpo de forma realista, dentro do que é possível para seu biótipo. Pois pedir demais de seu corpo vai sempre te deixar insatisfeito.

Educador físico ou fisioterapeuta

Estes profissionais irão construir com você uma carga de exercícios físicos para queima de calorias e fortalecimento muscular, de forma a consolidar a dieta para perda, ganho, ou manutenção do peso. Eles dão suporte a uma saúde boa com mais consistência, pois ajudam na hora de colocar seu metabolismo funcionando em níveis ótimos.

Fontes populares de Informações nutricionais: posso confiar?

O que acontece com todas as coisas que você ouve na mídia e ler em revistas, livros e na internet? Como você sabe no que acreditar e o que deve descreditar? Estudos de nutrição muitas vezes aparecem nas notícias e é tentador simplesmente assumir que você deve mudar a maneira de comer com base no que você vê ou ouve na imprensa popular. Tenha em mente, porém, que os repórteres devem condensar os resultados de um estudo de investigação em pouquíssimo tempo, sem qualquer filtro crítico para o assunto.

Os resultados relatados podem ser baseados em apenas um estudo pequeno, e um repórter não tem o tempo para descrever como esses resultados se comparam com a pesquisa anterior, como o resultado se alinha com pesquisas mais antigas, ou se é uma descoberta completamente nova que precisa ser mais bem estudada antes que quaisquer conclusões possam ser tiradas. A mídia muitas vezes relata sobre estudos que são feitos em animais e estende os resultados para os seres humanos, ou eles tomam os resultados de pesquisas feitas sobre um determinado segmento de pessoas e aplicam para toda a população. Isso não é uma maneira correta de aplicar os resultados da investigação.

Você também quer ter em mente que os repórteres de televisão raramente têm qualquer conhecimento real ou experiência em nutrição, de modo que eles apresentam pode ser uma simplificação da pesquisa e seus resultados. E todos nós sabemos que a mídia muitas vezes exagera coisas para captar a atenção dos telespectadores.

Revistas são outra fonte popular de informações nutricionais. Basta olhar em volta para as manchetes atraentes em capas de revistas quando você está em pé na fila do supermercado. São essas provocações que muitas vezes levam as pessoas a comprar as revistas. Quem não quiser ler sobre como perder 10 quilos em 10 dias? Embora seja verdade que os profissionais de muitas revistas sejam nutricionistas formados, muitos não o são. O que você leu em um artigo da revista pode ser verdade, mas você tem de filtrar as mentiras com muita habilidade e conhecimento.

Ao ler uma fonte popular de informações sobre nutrição, seja ela na internet, em revistas ou livros, você terá de considerar:

Quão grande foi o estudo?

Foi realizado com seres humanos ou animais de laboratório?

Quais são as credenciais do autor?

Existem quaisquer referências para apoiar as reivindicações que estão sendo feitas? (Se assim for, vá para essas referências. Só aceite como verdade se as referências forem para os artigos científicos e estudos)

Livros de dieta rotineiramente estão no topo da lista de mais vendidos e parece haver um novo plano de dieta quase toda semana. Escolha livros para ler da mesma maneira que você decide quais conselhos de nutrição ouvir e avaliar o conteúdo da mesma forma que você iria avalia um artigo de revista.

Navegar na Web para a informação nutricional ou de saúde é ainda mais arriscado. Existem milhares de sites com informações sobre nutrição e dietas, e é ainda mais difícil achar informações confiáveis. Nossa recomendação é, a partir de uma consulta com um profissional, usar as recomendações desse profissional. E quando acessando sites com informações nutricionais, prefira os que tem o endereço terminando em .org, .edu, ou .gov. Sites .com devem ser evitados. Quando utilizados, verifique as credenciais dos autores e quem financia o site.

Considerações Finais

Um clínico geral e um nutricionista são os dois profissionais que você deve procurar primeiro. Eles irão recomendar o encaminhamento a outros profissionais, como nutrólogos, psiquiatras, psicólogos, educadores físicos e fisioterapeutas. É uma equipe multidisciplinar, ou seja, que trabalha em conjunto. Só assim, você terá uma dieta saudável, uma saúde melhor, e tudo com o melhor acompanhamento profissional possível. É a única forma responsável de se fazer dieta, ao invés de ficar confiando em qualquer fonte ou dieta nova que surge a cada semana.

Ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários suas perguntas!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.