Seu filho ou filha acorda no meio da noite chorando inconsolável. Ele ou ela está quente ao toque, e você rapidamente tira sua temperatura. 39,5 graus. Você está compreensivelmente preocupado.

Você deve chamar o seu médico? Correr com o filhote para a sala de emergência? Aqui estão algumas dicas úteis e perguntas respondidas sobre febres em bebês, febres em crianças e febres em adolescentes.

As febres são a resposta natural do corpo à infecções, e não necessariamente um sinal de que algo grave está acontecendo. Febres baixas geralmente não são graves, além de ser facilmente tratadas, podendo esperar até a manhã para ser avaliada pelo seu médico.

Febres de 38,4-39,5 graus também geralmente não são graves e podem esperar até de manhã para serem avaliadas por um médico.

Febre alta de 40 graus ou superior, que baixam rapidamente para 37,8-38,3 graus com as medidas de tratamento caseiro abaixo, geralmente não são tão graves e podem esperar até de manhã para atenção médica.

O pediatra ou médico de seu filho é a pessoa mais apropriada, sempre, para te orientar sobre quando uma febre deve ser preocupante ou não, principalmente quando seu filho tem alguma condição especial de saúde. Nosso artigo é apenas uma breve orientação, te preparando para situações que possivelmente terá que lidar no meio do caminho de ser um pai ou mãe.

Cuidando da febre do seu filho

Não se desespere com a febre de seu filho ou filha. Analise os sintomas antes de sair ligando para todos os médicos de sua lista. (Foto: www.fairview.org)

Quando contatar o médico?

Estas são as situações que normalmente justificam uma chamada urgente para o seu médico.

Bebê tem 6 semanas ou é mais jovem, e tem uma febre de 38,3 graus ou mais, esta é considerada uma emergência médica. O seu médico deve avaliar o seu bebê imediatamente, seja no escritório do médico ou em uma sala de emergência. Não dê qualquer medicação para baixar a febre nesta situação. Certifique-se de confirmar quaisquer febres infantis com um termômetro retal (se disponível), antes de entrar em contato com o seu médico.

Bebês de 7 semanas a três meses, com febre acima de 38,3 graus. Você geralmente não precisa entrar em contato com o seu médico no meio da noite, nesta situação, se o horário comercial de atendimento do seu médico acontece nas próximas horas. Basta seguir as nossas recomendações básicas para tratar a febre e chamar o médico pela manhã. Se é o início da noite, você provavelmente deve chamar o seu médico, uma vez que o escritório não estará aberto até o dia seguinte. Certifique-se de confirmar quaisquer febres com um termômetro retal (se disponível), antes de entrar em contato com o seu médico.

Se a sua criança de qualquer idade tem um ou mais dos seguintes sintomas. Você provavelmente deve chamar o seu médico imediatamente:

  • Febre de 40 graus ou superior que não baixa para 38,3-38,9 graus com as medidas de tratamento abaixo;
  • Letargia. Isso significa que seu filho está mole, sem respostas normais, sem resposta ou não fazendo contato visual;
  • Irritabilidade. Uma criança verdadeiramente irritável vai chorar por horas com interação verbal mínima e é quase impossível de consolar com qualquer estratégia;
  • Meningite. Sintomas de meningite são febre alta, rigidez do pescoço ou dor na parte de trás do pescoço, vômitos, dor de cabeça, e luz brilhante ferindo os olhos. Antes de contatar o seu médico, você também deve procurar quaisquer outros sintomas que seu filho tem, como tosse, vômitos, erupções cutâneas, etc.

Febres infantis são perigosas?

Não. Muitos pais têm uma ideia errada de que as febres são uma coisa ruim e um sinal de que há alguma doença grave subjacente. Isso simplesmente não é verdade. Febres infantis são uma resposta normal e saudável do corpo a uma doença. O sistema imunológico do corpo libera substâncias químicas que aumentam a temperatura do corpo. Isso faz parte do processo normal de combate à infecções.

Quais temperaturas constituem febres?

A temperatura normal gira entre 36-37,2 graus Celsius. Febre baixa gira entre 37,3-38,3 Celsius. A febre comum gira entre 38,4-39,7 graus Celsius. Febre alta é qualquer temperatura acima de 39,8 graus Celsius.

Devo tratar uma febre baixa?

Não. febres baixas são úteis no combate à infecção. Você só deve tratar uma febre quando se está deixando seu filho muito prejudicado. Trate o seu filho, e não a febre.

Causas mais comuns de febres em crianças

Se o seu filho tem febre, as causas mais comuns podem ser.

Infecção Viral

Esta é a causa mais comum de febre em crianças. Os exemplos são: roséola, resfriados, gripes, varicela, catapora, sarampo, juntamente com muitos outros. A maioria dos vírus não são perigosos. Eles simplesmente precisam seguir seu curso ao longo de vários dias. Eles não são tratáveis ​​com antibióticos.

Infecção bacteriana

Alguns exemplos incluem a infecção de ouvido, sinusite, pneumonia, infecção da bexiga, infecção urinária e infecções na garganta. Estes são tratáveis ​​com antibióticos, embora o tratamento geralmente pode esperar 12 horas até que você entre em contato com o seu médico na parte da manhã.

Dentição

Dentição pode causar febres em criança, embora geralmente não superior a 38,4 graus.

Como faço para tirar a temperatura do meu filho?

Use qualquer um dos seguintes métodos para medir a temperatura do seu filho:

Termômetro de vidro nas axilas

Este método ainda é, provavelmente, o mais preciso. Tente manter no lugar durante 3 minutos, certificando-se que a ponta está no tecido macio das axilas

Termômetro de orelha

Este método rápido e fácil tornou-se mais popular. A precisão desses termômetros varia, no entanto.

Termômetro retal

Este método só deve ser usado para recém-nascidos até 3 meses de idade, uma vez que a precisão é fundamental para esta idade. Insira cuidadosamente o termômetro aproximadamente ½ polegada no ânus e mantenha no lugar por 3 minutos.

Termômetro digital

Estes são por via oral, retal ou nas axilas. Eles são muito mais rápidos do que um termômetro de vidro, embora você possa perder alguma precisão.

Tratamentos caseiros para a febre infantil

O primeiro passo é decidir se a febre merece um tratamento, como discutido acima.

Medicamentos

Não dê aspirina a crianças de até 12 anos. Use um medicamento, como ibuprofeno e devidamente recomendado pelo seu médico.

Vômitos

Se a criança estiver vomitando e não consegue engolir qualquer medicação, você pode usar supositórios para febre, desde que recomendados pelo seu médico.

Banho morno e toalhinha fresca

Isso pode ajudar a baixar uma febre rapidamente, especialmente se ela estiver alta. Use sempre com medicamentos para baixar a febre.

Muito líquido

A hidratação apropriada pode ajudar a arrefecer a febre e manter o seu filho bem hidratado.

Quando não se preocupar com as febres do seu filho?

Lembre-se, as febres são a resposta natural do corpo à infecção, e não necessariamente um sinal de que algo grave está acontecendo.

Febre baixa geralmente não são graves, são facilmente tratadas e pode esperar até a manhã a ser avaliada pelo seu médico.

Febres de 38,4-39,5 graus também geralmente não são graves e podem esperar até de manhã para serem avaliadas, salvo as exceções que já citamos acima.

Febres altas de 40 graus ou mais que baixam rapidamente para 37,8-38,3 Celcius com as medidas acima geralmente não são graves e podem esperar até de manhã.

Acima de tudo, se você tiver um “pressentimento” de que seu filho está gravemente doente, contate o seu médico imediatamente. Lembrando: SEMPRE siga as indicações de seu médico.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.