Quando você deve considerar a busca de ajuda para seus pais idosos? Com o envelhecimento da população, mais e mais pessoas enfrentam esta pergunta. A tendência de brasileiros que vivem vidas mais longas e saudáveis ​​deve continuar. Devido à melhoria das opções médicas, muitas pessoas são capazes de manter suas vidas inteiras independentes e ativas. Na verdade, hoje ter 65 nem sequer é considerada tão velho. Alguns dizem que é o novo “50”.

Uma maioria significativa dos brasileiros, porém, acabarão por precisar de ajuda com suas vidas diárias , devido ao aparecimento de problemas relacionados com a idad . Quanto mais velho o indivíduo, maior a probabilidade de enfrentar problemas de saúde graves que podem roubar-lhes a capacidade de funcionar com segurança de forma independente. De fato, com a idade avançada de seus pais, conversas regulares sobre como eles vêem a si mesmos e querem viver o resto de suas vidas se tornam mais importantes .

Se você está preocupado com a saúde de um dos seus pais, um dos melhores presentes que você pode dar a si mesmo, e seus pais idosos , é começar a conversa. Embora possa ser difícil de falar sobre o seu envelhecimento dos pais, é melhor começar a conversa quando eles estão em boas condições de saúde , em vez de no meio de uma crise.

Quais os problemas que seus pais podem passar com a idade?

Esta é uma lista bem completa, mas ela não está exaurindo todas as possibilidades de problemas com a idade. Ela serve como um guia básico para ajudar nossos leitores a encontrarem uma boa orientação sobre como lidar com o envelhecimento dos pais e o avanço de alguns problemas de saúde. A orientação de um médico geriatra pode é essencial nesse momento.

Cérebro: Memória e Doença de Alzheimer

As pessoas acham que o esquecimento é o primeiro sinal da doença de Alzheimer. No passado, a perda de memória e confusão foram aceitos como apenas parte de envelhecer. No entanto, os cientistas sabem agora que as pessoas podem permanecer tanto alerta e capazes com a idade, embora possam demorar mais tempo para lembrar das coisas. Caso a memória comece a afetar o cotidiano e tarefas básicas, é hora de uma visita ao médico para um diagnóstico mais profundo.

Ossos e articulações

Os ossos que suportam peso e as articulações móveis sofrem muito desgaste enquanto o corpo envelhece. As condições relacionadas à idade mais comuns são:

  • Osteoporose: A osteoporose é uma doença que enfraquece os ossos até o ponto onde eles quebram facilmente. Na maioria das vezes, são os ossos do quadril, coluna vertebral, pulso e na maioria das vezes, ocorre em mulheres. Quando as pessoas entram em seus 40 e 50, os ossos começam a enfraquecer. A camada externa dos ossos também fica mais fina. Dificuldade para andar e fraqueza são sintomas a serem observados;
  • Artrite: Existem diferentes tipos de artrite, cada um com diferentes sintomas e tratamentos. A artrite pode atacar as articulações em praticamente qualquer parte do corpo. Milhões de adultos e metade de todas as pessoas de 65 anos e mais velhos estão preocupados com esta doença. A osteoartrite é o tipo mais comum de artrite em pessoas idosas. Ela começa quando a cartilagem começa a se tornar irregular e desgasta. No caso da osteoartrite, toda a cartilagem numa junta desgasta, deixando os ossos friccionando uns contra os outros. Artrite reumatoide é uma doença auto-imune. Nela, o seu corpo ataca o revestimento de uma articulação, como seria se ele estivesse tentando protegê-lo de lesão ou doença. Leva à inflamação nas articulações. Esta inflamação causa dor, inchaço e rigidez, que pode durar horas. Em ambos os casos, é necessário observar dores, rigidez e dificuldade para mover articulações.
Saúde na terceira idade

Problemas com a idade surgem mais rapidamente para quem não leva uma vida saudável. Portanto, faça sua parte e busque ajudar seus pais a serem mais saudáveis! (Foto: www.topnews.in)

Olhos e ouvidos

Aos 40 anos de idade a visão enfraquece e em torno dos 60, catarata e degeneração macular podem se desenvolver. Ouvir também diminui com a idade. Com a visão, podem aparecer os seguintes problemas:

  • Presbiopia: é uma perda lenta da capacidade de ver objetos próximos ou letras pequenas  É um processo normal que acontece à medida que envelhecemos. Segurar o jornal no comprimento do braço para ler (muito próximo) é um sinal de presbiopia. Óculos de leitura costumam resolver o problema;
  • Cataratas:são áreas nubladas na lente do olho, causando perda da visão. A catarata geralmente se forma lentamente, sem nenhum sintoma. Algumas ficam pequenas e não mudam a visão muito. Outras podem se tornar grandes ou densas, atrapalhando a visão. A cirurgia de catarata pode ajudar. É uma cirurgia segura e uma das cirurgias mais comuns feitas nos Estados Unidos;
  • Glaucoma: vem de muita pressão do fluido no interior do olho. Ao longo do tempo, a pressão pode prejudicar o nervo óptico. Isto leva à perda de visão e cegueira. A maioria das pessoas com glaucoma não apresenta sintomas iniciais ou dor da pressão extra. Você pode proteger-se por ter exames oftalmológicos anuais que incluem a dilatação das pupilas;
  • Distúrbios da retina: uma das principais causa de cegueira no mundo. A mais comum é a degeneração macular relacionada à idade. Ela afeta a parte da retina, que lhe dá a visão central aguçada. A terapia fotodinâmica utiliza uma droga e uma luz forte para retardar o progresso da degeneração. Outro tratamento usa injeções. Pergunte ao um oftalmologista se você observar sinais de degeneração. Outro problema comum para quem tem 40 anos ou mais é a retinopatia diabética, uma doença degenerativa que afeta a visão. Atendimento médico adequado, mudanças de estilo de vida e freqüentes visitas ao médico podem ajudar a reduzir esse problema.

Para problemas de visão, é importante observar se seus pais estão tendo dificuldade em identificar objetos, letras e até rostos.

Problemas de audição comum com a idade são:

  • Presbiacusia: é a perda auditiva relacionada à idade. Torna-se mais comum em pessoas à medida que envelhecem. O declínio é lento;
  • Zumbido: acompanha muitas formas de perda auditiva, incluindo aquelas que às vezes vêm com o envelhecimento. Pessoas com zumbido podem ouvir um toque, rugido, ou algum outro ruído dentro de suas orelhas . O zumbido pode ser causado pelo ruído, perda auditiva, certos medicamentos e outros problemas de saúde como alergias, problemas no coração e vasos sanguíneos. O médico e o fonoaudiólogo são recomendados para o diagnóstico diferencial.

Problemas auditivos são facilmente identificados quando você tem que se repetir muitas vezes para seus pais e eles tem que aumentar demais o volume de músicas e/ou da televisão.

Digestão e metabolismo

À medida que envelhecemos, a prevalência de problemas gastrointestinais aumenta. A doença do refluxo gastroesofágico ocorre quando o esfíncter esofágico inferior não fecha corretamente e o conteúdo estomacal vaza de volta para o esôfago. A azia que ocorre mais do que duas vezes por semana pode ser considerado refluxo, eventualmente levando a problemas de saúde mais sérios. Cerca de 40 por cento dos adultos com idades entre 40 e 74 têm pré-diabetes, uma condição que aumenta o risco de uma pessoa desenvolver diabetes tipo 2, doenças cardíacas e acidente vascular cerebral. O cuidado aqui é observar se seus pais estão se alimentando direito, principalmente verificando a geladeira, acompanhando resultados de exames de sangue e acompanhando a alimentação deles de perto, com o suporte de uma nutricionista.

Urogenital

Problemas urogenitais comuns são:

  • Incontinência: a perda do controle da bexiga é chamada de incontinência urinária. Pode acontecer a qualquer um, mas é muito comum em pessoas mais velhas. Pelo menos 1 em cada 10 pessoas com 65 anos ou mais tem esse problema. Os sintomas podem variar de leve vazamento a uma vazão incontrolável. As mulheres são mais propensas que os homens a ter incontinência. Envelhecimento sozinho não provoca incontinência. Ela pode ocorrer por vários motivos: infecções do trato urinário, infecção vaginal ou irritação, constipação e alguns medicamentos. Na maioria dos casos, a incontinência urinária pode ser tratada e controlada, se não, curada. O problema pode ser identificado com pais que vão frequentemente ao banheiro ou que acordam com as roupas molhadas;
  • Hipertrofia prostática benigna:aA próstata envolve a uretra. Isto pode ser uma fonte de problemas quando o homem envelhece porque a próstata tende a crescer mais com a idade, podendo comprimir a uretra. Um tumor também pode fazer a próstata maior. Estas alterações ou uma infecção podem causar dificuldade de urinar. Às vezes, os homens na faixa dos 30 e 40 anos podem começar a ter esses sintomas urinários e precisam de atenção médica. Para outros, os sintomas não são notados até muito mais tarde na vida;
  • Câncer de Próstata: O câncer de próstata é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens neste país. Só o câncer de pele é mais comum. De cada três homens que são diagnosticadas com câncer a cada ano, um é diagnosticado com câncer de próstata.

Estes problemas podem ser delicados de conversar. Mas perceber uma dificuldade ao caminhar, gemidos de dor ao sentar entre outros sintomas pode ajudá-lo a entender que seus pais estão passando por um problema.

Dentais

A cárie dentária não é apenas um problema para as crianças. Isso pode acontecer enquanto você tem dentes naturais na sua boca. Cárie arruína o esmalte que cobre e protege os dentes. Quando você não cuida bem da sua boca, as bactérias podem grudar em seus dentes e formar uma película incolor e pegajosa chamada placa dental. Essa placa pode levar ao aparecimento de cáries e cavidades. A gengivite também pode levar os dentes a se decomporem. O flúor é tão útil para os adultos quanto para as crianças. Usando um creme dental com flúor e bochecho pode ajudar a proteger os dentes.

Doenças da gengiva são infecções que prejudicam a gengiva e o osso que segura os dentes no lugar. Quando a placa permanece nos dentes por muito tempo, forma-se uma cobertura prejudicial dura chamada tártaro que a escovação não limpa. Quanto mais tempo a placa bacteriana e tártaro ficarem em seus dentes, maior o dano que causam. O problema agravado pode fazer suas gengivas se afastar de seus dentes infectar partes mais internas das gengivas . Isto é chamado de periodontite. Se não for tratada , esta infecção pode arruinar os ossos, gengivas e tecidos que suportam os dentes. Com o tempo, pode causar dentes soltos que seu dentista pode ter que remover.

Verifique se seus pais tem sensibilidade a alimentos quentes/gelados. Isso vai ajudá-lo a identificar o problema.

Pele

A maneira mais simples e barata de manter sua pele saudável e jovem é ficar fora do sol. A luz solar é uma das principais causas das alterações da pele, tais como rugas, ressecamento e manchas da idade. Sua pele muda com a idade. Por exemplo, você sua menos, levando a um aumento da secura. Com o envelhecimento da pele, ela torna-se mais fina e perde gordura, por isso parece menos gorda e suave. Nunca é tarde demais para se proteger contra os efeitos nocivos do sol. As pessoas que fumam tendem a ter mais rugas do que os não-fumantes da mesma idade. Pode ser porque o tabagismo também desempenha um papel em proteínas da pele. Rugas faciais aumentam com a quantidade de cigarros e o número de anos que a pessoa fumou.

A pele seca afeta muitas pessoas mais velhas, especialmente em suas pernas, cotovelos e antebraços. A pele fica áspera e escamosa e muitas vezes é acompanhada por uma angustiante coceira intensa. Baixa umidade, causada por superaquecimento durante o inverno (aquecedores em casa) e ar condicionado durante o verão contribui para ressecamento e coceira. A perda de glândulas sudoríparas e óleo com a idade também pode piorar a pele seca. Qualquer coisa que mais resseca a pele, como o uso excessivo de sabonetes, desodorantes, perfumes ou banhos quentes vai piorar o problema. Desidratação, exposição ao sol, tabagismo e estresse também podem causar ressecamento da pele.

O câncer de pele é o tipo mais comum de câncer. Existem três tipos mais comuns de câncer de pele. Os carcinomas basocelulares são os mais comuns, respondendo por mais de 90 por cento de todos os cânceres da pele. Eles são os de crescimento lento que raramente se espalham para outras partes do corpo. Carcinomas de células escamosas também raramente se espalham, mas o fazem com mais freqüência do que os carcinomas basocelulares . O mais perigoso de todos os cânceres que ocorrem na pele é o melanoma. O melanoma pode se espalhar para outros órgãos, e quando isso acontece, muitas vezes é fatal.

Observe e procure por manchas irregulares na pele de seus pais. Consulte um dermatologista para informações sobre cremes e tratamentos preventivos para evitar que seus pais sofram com estes problemas.

Habilidades funcionais

À medida que envelhecemos, cair é uma razão cada vez mais comum para os ferimentos  Basta perguntar a qualquer um dos milhares de homens e mulheres mais velhos que caem a cada ano e quebram um osso. As quedas podem vir como resultado de outras mudanças no corpo: visão, audição, força muscular, coordenação e reflexos não são o que eram como quando mais novos. O equilíbrio pode ser afetado por diabetes e doenças do coração, ou por problemas com a circulação ou no sistema nervoso. Alguns medicamentos podem causar tontura. Qualquer uma dessas coisas pode fazer uma queda mais provável.

Desequilíbrio, precisar se apoiar em objetos entre outros fatores pode ser um indicativo de problemas funcionais.

Considerações Finais

Quanto mais você cuidar da saúde e bem-estar de seus pais, o mais provável é que você vai ser para diminuir as chances de eles terem problemas mais graves. Por mais teimosos que eles sejam, a ajuda e apoio de profissionais da saúde, como geriatras, fisioterapeutas, nutricionistas, fonoaudiólogos, psicólogos e outros irá te orientar para um melhor apoio a ser dado aos seus pais. Tenha também paciência e lembre-se sempre que quando você era uma criança foram eles que repetiram muitas vezes a mesma coisa com toda paciência do universo até você aprender.

Dúvidas? Sugestões? Compartilhe no espaço de comentários abaixo.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.