Os psiquiatras diferem de psicólogos e outros conselheiros de saúde mental pois são médicos com formação médica que se especializam em questões de saúde mental. Agendamentos com psiquiatras podem variar dependendo se eles têm um consultório particular ou trabalham para um hospital psiquiátrico, mas muitos deveres e responsabilidades são semelhantes para todos os tipos de psiquiatras.

O preconceito contra o psiquiatra

Por centenas de anos, os distúrbios mentais foram vistos com olhares maldosos e extremamente preconceituosos. Podemos dizer que isso é de certo modo ainda um preconceito muito presente na nossa sociedade. O psiquiatra era o médico responsável pelos considerados loucos e inaptos pela sociedade. Porém, os tempos mudaram, assim como os problemas.

Muitos dos diagnósticos de “loucura” foram descobertos como distúrbios. Outros, foi descoberto que nem sequer existiam e que se baseavam em puras crenças e no imaginário da sociedade. O papel do psiquiatra foi mudando para algo mais apaziguador, um profissional da saúde que junto com psicólogos e outros tão capacitados quanto ele, podem cuidar para que a saúde mental, biologicamente falando, esteja em equilíbrio, afim de proporcionar uma boa qualidade de vida para o indivíduo e assim, ele possa atingir a felicidade em sua plenitude.

A ciência da mente é algo ainda recente e pouco a pouco a sociedade compreende um pouco mais dela.

Diagnósticos e testes pelo psiquiatra

Psiquiatras fazem históricos de saúde, aplicação dos questionários de triagem de saúde mental ou ordenam tomografias computadorizadas ou outros exames de imagem para diagnosticar distúrbios e doenças em seus pacientes. Um psicólogo não poderia ser responsável por tal parte, já que que foca no comportamento. Se pudermos colocar as duas profissões lado a lado, poderíamos dizer que o psicólogo é um cientista do comportamento e o psiquiatra um cientista da mente. Porém, um não consegue funcionar sem conhecer o trabalho do outro.

Prescrições de medicamentos

Os psiquiatras, ao contrário de outros profissionais de saúde mental, têm a capacidade de escrever prescrições para medicamentos psiquiátricos para tratar doenças mentais, como ansiedade, depressão, estresse e burnout e até a esquizofrenia.

Seu conhecimento da química do cérebro e sua influência nos comportamentos e doenças de pacientes o capacita a atuar como um profissional capacitado a ajudar o paciente a chegar ao equilíbrio comportamental adequado para viver uma vida com qualidade.

Trabalho do psiquiatra

Ao contrário do psicólogo, um psiquiatra pode ajudar o paciente com medicamentos. Porém, ele não tem a formação necessária para ajudar o paciente a compreender comportamentos e suas origens. (Foto: nytimes.com

Terapia

Os psiquiatras também se envolvem em terapias, seja em conversas individuais ou sessões de terapia de grupo. Um psiquiatra pode conversar com um paciente sobre seu histórico familiar e quaisquer problemas atuais e tentar ajudar o paciente a encontrar soluções. Cabe lembrar que o psicólogo nesse momento tem um papel crucial em um trabalho em grupo para compreender os comportamentos do paciente, as origens biológicas e de vivência destes e assim, fazer uma cura global do paciente.

Outras terapias

Em certos casos, os psiquiatras podem solicitar outros tipos de tratamentos, como a hospitalização, cirurgias, entre outros. Ao compreender melhor o que está acontecendo a um paciente, ele pode fazer um encaminhamento, já que muitos problemas mentais podem influenciar muitos outros problemas corporais.

Supervisão e suporte

Psiquiatras em prática trabalham em equipe com outros profissionais da saúde mental para proporcionar o atendimento global que um paciente carente destes atendimentos precisam.

Como o psiquiatra pode te ajudar?

Muitos problemas de saúde surgem porque nossa mente não está bem. Alguns deles podem ser apenas mentais. Outros, podem já ser biológicos. o importante aqui é compreender que a saúde mental é sim um problema que todos nós devemos encarar com seriedade e menos preconceito. Não é loucura, é o funcionamento normal de sua mente. E assim como todas as outras partes de seu corpo, um profissional que compreende melhor o funcionamento e é especializado neste atendimento poderá te ajudar a atingir a saúde que você precisa para uma vida completa e feliz.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “Como o psiquiatra pode te ajudar? A importância de perder o preconceito contra o psiquiatra!”

  1. Isabele Oliveira

    Gostaria de pedir ajuda pois eu me automutilo a um bom tempo…não sei mais o que fazer…minha familia não me entender.

    • Equipe Saúde Melhor

      Oi Isabele,
      A única ajuda que podemos lhe fornecer é o aconselhamento para procurar um profissional de saúde.
      No caso, procure ajuda de um psicólogo e este profissional poderá lhe encaminhar ou sugerir o tratamento.
      Espero que entenda que esta resposta não é insensível, mas é que não podemos dar um diagnóstico ou sugerir tratamentos sem a devida consulta ao médico.