Muitos especialistas em saúde consideram o alho um superalimento devido aos seus inúmeros benefícios para a saúde. O alho é rico em compostos saudáveis ​​conhecidos como alicinas que podem ajudar a proteger contra o câncer e doenças cardíacas. Infelizmente, cozinhar alho destrói a capacidade do alho para fazer alicina e torna o alho cozido geralmente não é tão benéfico como alho cru. No entanto, ainda pode ser possível obter alguns benefícios de saúde do alho cozido.

Benefícios do alho para a saúde

O alho tem sido utilizado medicinalmente durante milhares de anos. Muitas culturas diferentes têm aprendido a usar o alho pelos seus benefícios para o sistema imunológico e sua capacidade de combater infecções. Além de ajudar o sistema imunitário, o alho tem vários efeitos positivos sobre a saúde do coração. O alho pode diminuir os níveis de colesterol e resultar em uma pressão arterial mais baixa. O alho também tem algumas propriedades que podem ajudar a prevenir o câncer e também reduzir os sintomas em pacientes com câncer.

A alicina vem do alho cru

A maioria dos benefícios de saúde do alho são atribuídos ao composto alicina. Este composto combate a doença cardíaca e câncer, e é formado a partir do alho quando o alho cru é cortado, triturado ou mastigado. Ao aquecer ou cozinhar o alho, a alinase fica inativada, impedindo a produção da alicina. Como resultado, cozinhar i alho diminui muitos dos seus benefícios para a saúde.

Consumindo o alho da forma correta

Consumir alhos crus ou cozidos da forma apropriada te dará todos os nutrientes apropriados para sua saúde e combate a vários problemas de saúde. (Foto: www.toptenz.net)

Tanto alho cru quanto cozido combatem o câncer

Além da alicina, o alho também contém outros compostos que podem ajudar a combater o câncer. Ao contrário da alicina, estes compostos não podem ser inativados pelo cozimento e pode ajudar a prevenir alguns tipos de câncer, mesmo que o alho seja cozido. Isso pode explicar porque as dietas ricas em alho cru ou cozido podem ajudar a prevenir câncer de estômago e de cólon.

Como cozinhar melhor o alho?

Mesmo com a destruição da alicina, ainda pode ser possível preparar alho com níveis de alicina semelhantes a alho cru. Se o alho cru é picado primeiro e depois deixado em repouso durante 45 minutos, pode chegar a produzir a alicina. Desta forma, o alho pode ser preparado com uma perda mínima de alicina, com efeitos para a saúde semelhantes ao alho cru.

Alho demais faz mal?

Alho não tem um limite de consumo documentado que você não deve exceder. Isto não implica, contudo, que você possa tomar quantidades ilimitadas sem riscos. Algumas recomendações de dosagem existem com base em estudos, e que podem servir como um guia.

Consumir quantidades grandes de um alimento ou suplemento nem sempre se traduz em aumento do benefício. A dose sugerida depende da forma: 2 gramas a 5 gramas de alho fresco; alho envelhecido 600 miligramas a 1200 miligramas; alho desidratado contém 0,6% a 1,3% alicina em cada 400 miligramas. Em última análise, o médico pode determinar a dose adequada para suas necessidades.

Alho emagrece?

Estudos usando o extrato de alho envelhecido descobriram que tomar 80 miligramas por dia deste suplemento durante 12 semanas ajudou as mulheres a perder peso e reduzir o seu índice de massa corporal. Não conte com alho para ajudar você a perder um monte de peso, no entanto, uma vez que os participantes dos estudos só perderam cerca de 3 kg ou cerca de 225 gramas por semana durante o estudo. Alho pode aumentar o número de calorias que você queima durante suas atividades diárias e diminuir a produção de gordura pelo seu corpo.

Antes de tentar alho para perda de peso, consulte o seu médico para se certificar que é seguro para você. O alho pode interagir com certos medicamentos, tais como diluentes de sangue, pílulas anticoncepcionais, medicamentos anti-inflamatórios não esteroides e medicamentos para a tuberculose dentre vários outros.

Alho aumenta o risco de sangramento

Alho possui propriedades anti-coagulantes. No lado positivo, isso pode diminuir o risco de acidente vascular cerebral e beneficiar o coração. Essa ação, no entanto, poderia representar um problema se você combinar com medicamentos como varfarina ou outros medicamentos anticoagulantes ou se você tem um distúrbio hemorrágico. Pare de tomar alho pelo menos uma semana antes de um procedimento cirúrgico.

Desconforto gastrointestinal causado pelo alho

Alho, particularmente em grandes quantidades, pode causar náuseas, distensão abdominal, gases, sensação de queimação no estômago e outros problemas gastrointestinais. Consumir com outros alimentos pode reduzir esses efeitos.

Outros efeitos adversos do alho

Outros efeitos adversos associados com alho incluem mau hálito, odor corporal, fadiga, tonturas, dores de cabeça, suores, tonturas, baixa de açúcar no sangue, dores musculares e perda de apetite. São observados relatos de casos de pessoas que sofrem hematomas renais, reações alérgicas graves e e queimaduras químicas na boca.

Resumindo: você pode até comer alho cru, mas controle a quantidade e só faça o consumo do alho com o acompanhamento de um médico e uma dieta balanceada. E não espere milagres: o alho vai ajudar a perder peso, mas não vai fazer todo o trabalho.

Você usa o alho na sua dieta? Já teve algum efeito adverso provocado pelo alho? Quais receitas usa com o alho?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.