Exercícios vão te fazer sentir energizado e saudável, mas mesmo correr na esteira vai ficar monótono depois de um tempo. Para manter as coisas interessantes, você vai precisa alternar os tipos de exercício depois de algum tempo. O mesmo vale para quando você for fazer uma musculação específica para uma parte do corpo, ou buscar o melhor tipo de musculação para você. Ter a compreensão dos exercícios que proporcionam os melhores resultados para o seu tipo de corpo pode desempenhar um papel significativo na obtenção dos melhores resultados, mas não é tudo. É só o começo de uma tarefa que deve ter continuidade todos os dias de seus exercícios físicos. Mas vamos falar mais sobre isso.

Tipos de treino de musculação: qual o melhor tipo de musculação?

É complicado definir uma rotina de musculação ou treino que seja melhora para você. Pegue meu exemplo: eu não gosto de musculação, não me sinto confortável com o uso de aparelhos para musculação, e por ter duas hérnias de disco, acabo me lesionando nas máquinas após duas ou três semanas de treino. Isso me faz ser obrigado a ficar de repouso, e me desmotiva. Quando percebi isso, que musculação não era pra mim, mas eu precisava fazer por motivos de saúde, então fui criativo. Nos esportes que pratico (Muay Thai e natação), incluo rotinas de fortalecimento muscular em que uso meu próprio corpo. Não há nada de hipertrofia, mas de acordo com meus objetivos, esse tipo de treino funciona muito bem, pois quero perder peso, definir meus músculos, e ganhar força sem ganhar volume muscular.

Ao mesmo tempo, o educador físico que consultamos para escrever esse artigo tem uma rotina bem diferente. Ele malha de 3 a 4 horas por dia, além de praticar exercícios físicos com seus alunos de personal training (entre 6 e 8 por dia). Ele tem um corpo bem proporcional, mantém uma dieta bem estrita, e é bem forte. No caso dele, o melhor treino envolve um pouco de hipertrofia, porque ele precisa ter volume, força, e resistência muscular para seu trabalho e marketing pessoal.

Por último, conversamos também com uma fisiculturista, que tem uma rotina ainda mais intensa. Além de se preocupar com a força, resistência, e definição, ela tem que se preocupar com o peso, pois se ela ganhar uma quantidade X em peso muscular, ela muda de categoria de competição, o que seria ruim para ela. Então, no treino, ela ainda inclui uma dose controlada de aeróbico para manter a massa muscular sob controle.

Qual a melhor musculação

Uma melhor rotina de musculação é aquela que vai proporcionar os melhores resultados para os objetivos que você deseja atingir. (Foto: www.coachmag.co.uk)

Melhor treino de musculação: defina um objetivo primeiro

O que há em comum nos três treinos acima? Objetivos claros. No meu caso, os objetivos são ganhar força, definir o corpo, e perder peso. Do educador físico, hipertrofia, resistência, e força. Da fisiculturista, hipertrofia e manutenção do peso. Toda pessoa que vai começar um treino de musculação precisa começar a partir da definição de um objetivo. Ao defini-lo, a rotina de treino pode ser criada a partir desse objetivo, incluindo todo um treinamento que corresponda às suas expectativas. Veja que no meu caso, ao invés de me obrigar a praticar algo que eu não gosto, eu adaptei a rotina de exercícios para algo que eu gosto de fazer. E aí, entramos em outra questão importante do melhor treino de musculação.

Melhor treino é também o que funciona para você

Conversando com educador físico, ele mostrou algumas fotos de alguns anos atrás, antes de começar com o personal training, e quando os padrões de corpo eram outros. Ele disse que de tempos em tempos ele acaba tendo que mudar os objetivos porque muda um pouco a “moda” da hipertrofia, apesar de manter um equilíbrio em todos os grupos musculares, para se preparar para todas as mudanças. Ele deixou claro que não gosta de fazer aeróbico, mas inclui esse exercício na forma de uma hora de treino de alta intensidade todos os dias na sua rotina de treinamento. Foi como ele adaptou o treino para funcionar melhor para ele.

Já para a fisiculturista, a rotina é bem pesada e puxada, porque além de uma dieta estrita, a musculação para ela é como esculpir uma obra de arte: todo dia ela tem que trabalhar um grupo muscular diferente. Depois de algumas competições em que ela recebeu um feedback sobre os músculos das costas que não estavam tão definidos, basicamente porque ela não gosta de malhar costas, ela passou a fazer exercícios de musculação de braços que incluam os músculos das costas, para deixar o treino completo.

No meu caso, tenho duas hérnias de disco na lombar, e basicamente todos os movimentos do Muay Thai usam a cintura. O que fiz foi acrescentar alongamentos e exercícios de fortalecimento do abdome para dar suporte à coluna, e evitar que a hérnia prejudique os movimentos, ou cause uma dor muito forte.

Acompanhamento profissional para o melhor treino

Talvez a mais importante dica para encontrar o melhor treino não esteja nem na adaptação do treino, ou no tipo de treino que você adotar, mas no acompanhamento profissional que você tiver para seu treino. Todos os três exemplos tiveram um acompanhamento profissional para a criação de rotinas de treinamento, tanto fisioterapeutas quanto médicos e nutricionistas que orientaram muito bem a forma como é para cada rotina ser criada, de acordo com os objetivos e limitações de cada um. Ao criar sua rotina de musculação, você deve contar com o apoio e suporte desses profissionais para a melhor rotina possível, e os melhores resultados.

Qual é a melhor musculação na sua opinião? Como você acha que pode adaptar uma rotina de treinamento para seus objetivos?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.