Neurite é o termo médico usado para a inflamação dos nervos. Popularmente conhecido como nervo embolado ou comprimido, pode ocorrer devido a uma série de causas, incluindo trauma mecânico, lesão química, deficiências nutricionais, infecções, doenças hereditárias e doenças sistêmicas. A inflamação de um nervo sensorial pode apresentar formigamento, sensações anormais ou dores. Quando os nervos motores são afetados, os sintomas podem envolver fraqueza muscular ou mesmo paralisia em casos graves. Alguns nervos são nervos mistos, o que significa que as fibras sensoriais e motoras são afetadas levando a um complexo de sintomas. Uma vez que os sintomas da neurite não são específicos para uma mesma causa, várias investigações diagnósticas podem ter de ser consideradas. O tratamento dependeria então do fator causal e das doenças subjacentes.

Nervo inflamado no braço, pernas, costas e outros lugares: diagnóstico

O principal objetivo das medidas adotadas para o diagnóstico da neurite é identificar a causa. Isso fornece informações importantes sobre se a neurite pode ser tratada ou não. Alguns tipos de neurite podem ser curadas, mas outras só podem ser gerenciados para proporcionar alívio sintomático.

O diagnóstico da neurite requer o histórico médico completo e exame físico completo, com exame neurológico detalhado. Vários conjuntos de investigações também são úteis no diagnóstico da neurite.

Exames de sangue podem ser realizados para detectar infecções e inflamação, diabetes, deficiências nutricionais, doenças autoimunes, e testes oculares para a neurite ótica, que incluem testes para visão de cor e acuidade visual, além da detecção de edema ou inflamação do disco ótico. O reflexo da luz é testado para verificar a reação da pupila e testes de resposta visual são realizados para detectar áreas danificadas do nervo ótico.

Diagnóstico de neurite

O nervo inflamado pode causar dores e outros sintomas relacionamentos. Portanto, é importante tomar cuidado para diagnosticas corretamente o problema e evitar danos mais permanentes ao seu organismo. (Foto: Neuropathy Treatment Group)

Um exame de punção lombar permitirá a análise do líquido cefalorraquidiano em pacientes com suspeita de encefalite ou meningite.

Testes de condução nervosa e eletromiografia são geralmente usados ​​para confirmar neuropatias. O teste de condução nervosa é usado para verificar a função elétrica dos nervos periféricos, medindo a força e a velocidade dos sinais nervosos transmitidos. Também ajuda na localização da parte afetada do nervo. A eletromiografia é um teste diagnóstico útil em pacientes com neurite envolvendo os nervos motores onde há sintomas de fraqueza muscular ou paralisia.

A biópsia do nervo não é um teste de rotina, mas pode ser feito em um grupo seleto de pacientes para confirmar o diagnóstico. Uma pequena amostra do nervo afetado é biopsiada e examinada por um patologista. A biópsia permite a detecção de alterações físicas dentro e ao redor do nervo.

Estudos radiológicos (ressonância magnética, tomografia computadorizada ou raios-X) são importantes na neurite resultante da compressão ou trauma do nervo. Também é útil na identificação de tumores e lesões granulomatosas em condições como a sarcoidose. Mais importante ainda, estudos radiológicos são utilizados para excluir outras doenças que podem imitar a neurite.

Nervos inflamados da perna, pescoço, braços e costas: tratamento

A abordagem mais eficaz para o tratamento e gestão da neurite é identificar a causa e tratá-la em conformidade. O tratamento para a neurite é limitado, e se o fator causal não pode ser removido ou administrado, então o tratamento sintomático pode ser a única opção restante.

A terapia medicamentosa para a neurite em si, e não uma causa subjacente, é limitada. É principalmente destinada a dor neuropática e depende da gravidade da dor. Medicação também pode fornecer alívio de curto prazo para os outros sintomas de neurite.

A dor leve pode responder a certos medicamentos, desde que receitados pelo médico. Dor moderada a grave pode exigir analgésicos opioides ou combinações de medicamentos para o tratamento. A dor aguda pode exigir o uso de corticosteroides, embora isso tenha um papel mínimo na dor neuropática crônica. Outros sintomas de neurite, tais como sensações anormais, podem ser aliviados no curto prazo por corticosteroides. É também uma das melhores opções para pacientes com neurite ótica, pois evita a perda da visão.

A medicação para alívio da dor sintomática em pacientes com dor neuropática crônica inclui o uso de medicamentos para o tratamento das dores e cremes de capsaicina. A lidocaína e outros anestésicos locais só são considerados para dor neuropática insuportável grave. Podem ser administrados como uma aplicação tópica ou injeções.

É importante ressaltar que esses tratamentos só devem ser realizados com o acompanhamento de um profissional médico.

Pacientes com envolvimento de nervos motores na neurite podem se beneficiar de fisioterapia. Os músculos afetados são mobilizados para manter a gama completa de movimento dos músculos e articulações associadas. Fisioterapeutas podem usar uma série de modalidades de tratamento, incluindo aplicação de calor e frio, estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS), terapia de acupressão/ponto de gatilho, acupuntura/agulhamento a seco, massagem, exercícios passivos e ativos para manter os movimentos normais.

Suplementação nutricional para a neurite

A modificação dietética e a suplementação nutricional são consideradas nos casos de neurite associada a deficiências. Dor neurítica, dormência, fraqueza e outros sintomas relacionados à deficiência nutricional podem ser aliviados com a suplementação de uma série de micronutrientes. A vitamina B12 promove o crescimento dos nervos e a sua regeneração. A tiamina (vitamina B1) ajuda na cicatrização de lesões nervosas e reduz os sintomas de neurite. O cálcio e o magnésio são importantes na condução do impulso nervoso. A lecitina é importante para a proteção e reparo dos nervos..As proteínas, um macronutriente, também são importantes na reparação e função do nervo. Só faça mudanças na dieta após recomendação médica, no entanto.

Cirurgia para a neurite

O papel da cirurgia no tratamento da neurite é limitado. A cirurgia é de valor na neurite relacionada à compressão do nervo ou lesão física. Vários procedimentos também podem ser realizados nos estágios avançados da neurite onde a gestão médica não é eficaz. Os procedimentos de denervação cirúrgica podem ser feitos em pacientes que sofrem de dor neuropática extrema.

Ficou alguma dúvida sobre a neurite? Deixem nos comentários suas perguntas, e responderemos o mais rápido possível.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.