As pessoas em todo o mundo afirmam que o clima tem uma conexão direta com a saúde, desde a capacidade de mudar os sintomas de doenças atuais até um aumento da suscetibilidade a uma nova doença. Pesquisadores tem estudado o impacto do clima no corpo humano há anos e descobriram que as mudanças repentinas de temperatura podem ter efeito direto sobre certas condições, aumentando os riscos de certos indivíduos.

Mudança de temperatura e suas consequências: enxaqueca

Descobriu-se que o risco de enxaqueca aumenta gradativamente com o aumento da temperatura. Alguns dos gatilhos do problema relacionados ao clima são luz solar brilhante, temperaturas quentes ou frias, alta umidade, ar seco, vento forte e mudanças de pressão barométrica. Não há muito o que você pode fazer, pois não pode controlar o tempo, mas há medidas que você pode tomar para reduzir o risco. Comece por manter um registro de quando você tem uma enxaqueca e verifique a previsão do tempo para acompanhar a temperatura, umidade e frio em cada crise de enxaqueca que você tiver. Você começará a identificar certas condições climáticas que podem estar causando enxaquecas. Procure essas condições na previsão para que você possa tomar medidas preventivas, como ficar em ambientes fechados quando está ventando ou muito frio.

Mudança de temperatura

A mudança repentina de temperatura pode trazer consequências negativas para sua saúde, e o cuidado é necessário para evitar doenças e outros problemas mais sérios. (Foto: Deccan Chronicle)

Mudança de temperatura física pode causar ataques cardíacos

Uma diminuição de temperatura pequena em qualquer época do ano pode ser associada a centenas de ataques cardíacos extras nos dias seguintes. Quando você entra no frio, os vasos sanguíneos se contraem, forçando a água a deixar a circulação. O sangue engrossa e é mais provável que coagule, aumentando o risco de ataque cardíaco. No clima quente, você perde água através do suor. Isso significa que há menos água no seu sangue, por isso está mais concentrado e provavelmente coagulando.

O quão bem você está preparado é mais importante do que a temperatura real. Usando roupas em camadas para que você possa se ajustar às mudanças faz a diferença, além de beber bastante líquido quando estiver quente e continuar ativo quando estiver frio.

Mudança brusca de temperatura causa: problemas pulmonares

Se você sofre de doenças pulmonares como enfisema ou bronquite crônica, as mudanças de temperatura (e não apenas o clima frio) representam um perigo. Quando faz calor, respiramos mais intensamente, pois isso leva mais energia e oxigênio para manter nossos corpos frescos. Isso pode intensificar sintomas como tosse e falta de ar, provocando até ataques de asma. Proteja-se normalizando as temperaturas de onde você está. Mantenha-se ativo, uma vez que o esforço físico mostrou reduzir o risco de infecções pulmonares. Fique atento aos avisos meteorológicos e certifique-se de verificar a previsão do tempo quando for sair de casa..

Aumento ou queda de temperatura pode provocar um eczema

Quando as temperaturas aumentam, a coceira causada pelo eczema pode piorar. Nossa pele é uma parte importante do nosso mecanismo de controle de temperatura e não funciona bem se você tiver eczema. Se você sofre desta doença, você achará que você fica quente mais rápido. O frio e o vento também podem secar a pele mais, piorando os sintomas. Ajude a gerenciar seus sintomas mantendo sua temperatura tão estável quanto possível. Não exagere o aquecimento ou no ar condicionado e fique em locais bem ventilados. Também é importante usar cremes hidratantes para a pele pelo menos duas vezes ao dia.

O choque térmico pode provocar dor nas articulações

Pessoas com problemas articulares relatam que o clima frio ou úmido causam dores mais fortes nelas. Uma teoria é que a pressão mais baixa permite que uma articulação inflamada inche mais, estimulando as fibras nervosas. Outra teoria é que as pessoas tendem a ser menos ativas durante o clima ruim, e esta falta de atividade pode fazer com que as articulações se endureçam. Estudos também mostraram que durante o inverno, quando o clima está frio e úmido, muitas pessoas tem uma baixa na vitamina D, o que também pode causar dores nas articulações.

Proteja suas articulações mantendo-se ativo. O exercício moderado regular estimula seus músculos e a cartilagem ao redor das articulações. Isso o manterá móvel e saudável. Certifique-se também de que que está recebendo bastante vitamina D na sua dieta.

Ouros problemas de saúde associados a mudanças na temperatura

Outros problemas comuns de saúde decorrentes de alterações climáticas incluem:

  • Fadiga
  • Estresse
  • Irritação da pele
  • Perda de apetite
  • Tosse

Esses problemas podem causar outros, devido a seus efeitos sobre seu sistema imunológico. Por exemplo, a fadiga e o estresse podem baixar seu sistema imune e permitir que você seja contaminado por um vírus, por exemplo.

Sempre que ocorrer uma mudança sazonal ou mudança repentina no clima, lembre-se de tomar uma dose extra de vitamina C sem demora. Ao fazê-lo, você pode escapar de contrair doenças e manter sua saúde intacta!

Como você lida com as mudanças bruscas de temperatura? Como protege seu organismo?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.