Sem os cuidados adequados ou por lesão ou uso excessivo, o joelho pode ficar estressado ou danificado, levando a dores, o inchaço ou outros problemas. Apesar de alguns casos o inchaço e a temperatura elevada do joelho serem administráveis ​​em casa, os sintomas que são graves são acompanhados por dormência, formigamento ou febre, ou que continuam por mais de uma semana, requerem avaliação por um profissional médico.

O que pode ser o joelho quente e inchado?

Quase 1/3 dos adultos com idade superior a 45 anos relatam algum grau de dor no joelho. Na verdade, o joelho é tratado com mais frequência por ortopedistas do que qualquer outro local do corpo, e mais de 11 milhões de consultas médicas são feitas a cada ano por causa de problemas no joelho. Atletas correm maior risco de sofrer de dores e inchaço nos joelhos, em especial aqueles que participam de esportes de contato e impacto.

Algumas das razões mais comuns para o inchaço e aumento da temperatura nos joelhos são:

  • Ligamentos inchados ou rasgados;
  • Danos no menisco (cartilagem)
  • Joelho de corredor.

Porém, os joelhos são partes delicadas, que podem envolver várias outras causas mais complicadas.

Fragmentos de ossos. Às vezes, uma lesão no joelho pode desprender fragmentos do osso ou cartilagem. Estas peças podem ficar presas na articulação, causando dores e inchaço.

Bursite. A bursa é um saco de fluido que amortece e protege as articulações. Existem várias em diferentes partes do seu joelho. O uso excessivo, uma queda, ou repetida flexão pode irritar a bursa, causando dor e inchaço. Um ” cisto de Baker ” – um inchaço de uma da bursa na parte de trás do joelho – também pode resultar de lesões e de condições como a artrite.

Síndrome da banda iliotibial. A banda iliotibial é um pedaço de tecido resistente que se estende desde o quadril até a sua canela. Se é irritada pelo uso excessivo ou outros problemas, ela pode ficar inchada e causar dor no lado exterior do joelho.

Síndrome de plica Medial. A plica é uma dobra de tecido na articulação do joelho. Quando fica irritada por excesso de uso, inchaço e dor no joelho podem ocorrer.

Doença de Osgood-Schlatter. Esta condição provoca um inchaço doloroso abaixo do joelho, onde um tendão da rótula se conecta à canela. É geralmente causada pelo uso excessivo e irritação do tendão. A dor pode ir e vir com o tempo. É especialmente comum em meninos e meninas adolescentes (13 e 14 anos de idade).

Osteoartrite. Esta condição é uma causa frequente de dor no joelho em atletas e não-atletas que tem mais de 60 anos.

Deslocamento parcial da rótula (ou subluxação patelar). Nesta condição, a rótula desliza fora de posição, causando dor no joelho e inchaço. É muitas vezes o resultado de uma defeito físico em suas pernas, em vez de uma lesão. É particularmente comum em adolescentes.

Tendinite, ou inchaço dos tendões. Os tendões são cordões de tecido resistente que conectam os ossos e músculos. O uso excessivo pode deixar os tendões inflamados e doloridos.

Retorno de lesões antigas. Se uma antiga lesão no joelho não foi tratada adequadamente, pode causar dores ocasionais ou permanentes.

Drenando líquidos dos joelhos

Em alguns casos mais graves e, geralmente, em lesões antigas que retornam, pode ser necessário que o médico faça uma drenagem de líquidos dos joelhos durante o tratamento. (Foto: kneeswellingnopainsrgl.wordpress.com)

Por que o joelho fica quente e inchado?

Para cuidar da dor e dos problemas que estão prejudicando seu joelho, seu organismo aumentará a irrigação de sangue para os joelhos. Além disso, seu metabolismo enviará plaquetas, glóbulos brancos e muitos outros elementos de seu sistema para acelerar a cura dos joelhos, podendo também resultar no acúmulo de água e até pus nos joelhos, dependendo do problema.

Diagnóstico dos joelhos quentes e inchados

O diagnóstico da causa subjacente da dor no joelho é difícil por causa do grande número de possíveis causas e à semelhança dos seus sintomas. Um histórico médico completo e exame físico do joelho afetado, muitas vezes desempenha um papel importante no diagnóstico de imagens ou outros testes.

Um teste de ressonância magnética é útil para ajudar a diagnosticar lesões de tecidos moles, e um raio-X pode detectar a maioria dos casos de doença articular e fraturas ósseas. A tomografia computadorizada pode ser necessária se houver suspeita de um pedaço solto de cartilagem ou outro distúrbio ósseo. Os exames de sangue e/ou biópsias podem auxiliar no diagnóstico de quaisquer causas médicas de dor e inchaço no joelho.

Qual é o tratamento para inchaço no joelho?

O tratamento para a dor no joelho depende de sua lesão específica. Lesões que causam dores nos joelhos, muitas vezes, se curam por conta própria. Para acelerar a cura, você pode:

Descansar seu joelho. Relaxe por alguns dias e evite atividades intensas.

Gelo, Calor ou uma combinação dos dois. Faça por 20-30 minutos a cada 3-4 horas por 2-3 dias ou até que a dor acabe. Você pode começar a tratar com gelo nos primeiros dias de lesão, depois alternar para tratamento com calor ou o choque térmico.

Comprimir seu joelho. Use uma banda elástica ou tensores para comprimir seus joelhos e ajudar no suporte à articulação.

Eleve seu joelho. Quando você está sentado ou deitado, para reduzir o inchaço, coloque sua perna sobre uma cadeira, mesa ou travesseiro.

Tome analgésicos anti-inflamatórios. Medicamentos anti-inflamatórios não esteroides, vão ajudar com a dor e inchaço. No entanto, estes medicamentos podem ter efeitos colaterais e devem ser usados apenas ocasionalmente, a menos que seu médico diga especificamente o contrário. Não use estes medicamentos sem antes ir a um médico, pois o remédio pode mascarar sintomas importantes à um diagnóstico correto.

Alongar e fortalecer. Praticar alongamento e fortalecimento muscular, se o seu médico recomendá-los.

Cirurgia. Para resolver alguns casos, pode ser necessário um procedimento cirúrgico. As pessoas com bursite precisam ter o excesso de fluido retirados do joelho. A cirurgia pode ser necessária para remover fragmentos de ossos ou fixar uma rótula deslocada.

Quando meu inchaço do joelho vai melhorar?

O tempo de recuperação da dor do joelho depende da sua lesão específica. Além disso, as pessoas se recuperam em velocidades diferentes. Enquanto você fica melhor, pergunte ao seu médico se você deve começar uma nova atividade que não vai agravar a sua dor no joelho. Por exemplo, os corredores podem tentar nadar para reduzir o impacto e, ao mesmo tempo, não ficarem parados.

Faça o que fizer, não apresse as coisas. Não tente voltar ao seu antigo nível de atividade física até que:

Você não sinta dores em seus joelhos quando você dobra ou estica.

Você não sente dor em seu joelho quando você caminha, correr, ou salta.

Seu joelho ruim se sente tão forte quanto o seu joelho ileso.

Se você começar a usar o seu joelho antes de ser curado, você pode causar danos permanentes.

Como prevenir inchaço nos joelhos?

Mudanças no estilo de vida podem ajudar a prevenir a dor e inchaço, acelerando a recuperação de problemas existentes e danos degenerativos. A perda de peso é essencial para curar problemas no joelho, se você estiver com sobrepeso ou obeso. O exercício físico regular, sapatos bem ajustados e equipamento desportivo adequado ajudar a fortalecer o joelho e reduzir o risco de lesões. Pare de se exercitar se você sentir dor em seu joelho, sempre aumente a intensidade do seu treino de forma gradual. Alongue as pernas antes e depois da atividade física, usando joelheiras para evitar bursite. Use sapatos que se encaixam bem e oferecem apoio suficiente, além de fazer exercícios para manter os músculos das coxas sempre fortes.

Você já teve dores nos joelhos? O que fez para reduzir o inchaço e problemas nos joelhos?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.