O manjericão é um tempero muito conhecido, principalmente na cozinha italiana. É também uma erva muito fácil de ser cultivada em casa. O que poucos sabem é dos benefícios que o manjericão pode trazer para sua saúde com o chá feito de suas folhas. Mas se você ainda não conhece esses benefícios, é hora de conhecer e ficar por dentro das vantagens desse ótimo chá.

Chá de manjericão é bom para prevenir a coagulação do sangue

O manjericão é rico em vitamina K, essencial na prevenção da coagulação sanguínea. Apenas 2 colheres de sopa de manjericão podem fornecer 29% do valor diário recomendado de vitamina K. Além disso, o manjericão tem a capacidade de reduzir os níveis de triglicérides e colesterol, uma combinação que obstrui os vasos sanguíneos. Assim, reduzindo o nível de triglicérides e colesterol pode ajudar a prevenir doenças cardiovasculares até certo ponto. Afinal, ter triglicérides elevados e colesterol LDL também aumentam o risco de ter aterosclerose, ataque cardíaco e derrame. Todos estes são parcialmente decorrentes de vasos sanguíneos entupidos.

Chá de manjericão serve para fortalecer os ossos e aliviar a artrite

Manjericão é abundante em cálcio e magnésio. Estes componentes são críticos para ossos fortes e, portanto, o consumo de manjericão ajuda a fortalecer os ossos. Além disso, contém um certo tipo de óleos essenciais chamado eugenol, que é capaz de bloquear a atividade da enzima ciclooxigenase (COX). Também é rico em (E)-beta-cariofileno (BCP). Ambos os ingredientes conferem ao manjericão suas propriedades anti-inflamatórias e proporcionam alívio de problemas articulares, como a artrite reumatoide.

Manjericão melhora o sistema imunológico

É rico em antioxidantes, como a vitamina C, que são úteis para estimular o sistema imunológico. Houve um estudo mostrando que há mais atividades antioxidantes do que outros antioxidantes padrão no extrato de etanol no manjericão, sugerindo que ele pode ser um agente antioxidante mais poderoso do que outros agentes antioxidantes existentes.

O chá de manjericão previne problemas cardíacos

O manjericão também contém vitamina A, um poderoso antioxidante que protege as estruturas do corpo. Isso também inclui os vasos sanguíneos protegidos dos danos causados ​​pelos radicais livres. Isso ajuda a evitar que o colesterol no sangue se torne oxidante e, por sua vez, ajuda a prevenir a aterosclerose, os ataques cardíacos e o derrame.

O chá de manjericão trata de cânceres precoces e avançados

Embora não se saiba até que ponto a dose de monoterpenos atinge a essa planta, os monoterpenos impedem o processo de carcinogênese nos estágios de iniciação e progressão do câncer. Como tal, o consumo regular desta planta real também pode ajudar a prevenir o câncer ocorra.

O manjericão alivia o estresse

Contém 0,2 a 1% de óleos essenciais, principalmente linalol e metil chavicol (estragol), mas também cineol e cinamato de metila. O linalol é amplamente utilizado para reduzir o estresse e, embora possa causar reações alérgicas a certas pessoas, é improvável que sua presença no manjericão acione essa reação. Acima de tudo, esta erva tem efeitos suaves e sedativos que podemos usar para tratar nervosismo, irritabilidade, ansiedade, estresse e insônia.

Chá de manjericão

O chá de manjericão traz diversos benefícios para sua saúde e um sabor único para sue paladar. (Foto: NaturalON)

Propriedades anti-envelhecimento do chá de manjericão

O manjericão é rico em antioxidantes, componentes que são eficazes em se livrar de moléculas nocivas e prevenir danos causados ​​pelos radicais livres. Portanto, pode combater o envelhecimento e problemas de pele, aliviando os radicais livres. Estudos também validaram o uso dessa erva na promoção da juventude na medicina ayurvédica. Diz-se que o manjericão também atua no nível celular para tratar dos problemas do envelhecimento. Outra maneira de usá-lo é moer as folhas frescas e aplicá-las na pele problemática.

Combate aos problemas de pele

Esta erva aromática é dito para se livrar da acne também, o que novamente não é surpreendente, considerando seus antioxidantes e propriedades antibacterianas. Isso significa que os antioxidantes impedirão que os radicais livres danifiquem a pele e, assim, evitem que ocorra mais acne e, ao mesmo tempo, erradiquem as bactérias ou inflamações que induzem as acnes.

Manjericão como um agente anti-inflamatório

O manjericão contém sesquiterpenos, óleos essenciais que são anti-sépticos e anti-inflamatórios. Eles funcionam como um estimulante do fígado e das glândulas e contêm cariofileno e valenceno. Isso não é surpreendente, porque a medicina ayurvédica usa extensivamente esta erva por suas propriedades anti-sépticas e antivirais.

O chá de manjericão atua como anti-séptico

Além disso, você também pode usá-lo para se livrar de verrugas e manchas na pele, graças às suas propriedades antibacterianas. Se você vai a lugares onde há muitos insetos, você pode até mesmo usar suas folhas frescas como repelente de insetos e usar seu suco para tratar picadas de cobra e picadas de insetos. Altamente multifuncional, não é?

O manjericão restringe as bactérias

As propriedades antibacterianas de manjericão podem ser atribuídas ao seu teor de óleos voláteis, tais como estragol, cineol, linalool, limoneno, etc., todos os quais são capazes de limitar o crescimento de bactérias nocivas. Por exemplo, manjericão restringe o crescimento de Listeria monocytogenes, Staphylococcus aureus e Escherichia coli. O que é ainda mais surpreendente é que estudos sugeriram que o manjericão pode inibir algumas bactérias resistentes a antibióticos e reduzir os efeitos negativos dessas bactérias resistentes. Isso significa que adicionar esta erva a vegetais frescos não só aumenta o sabor, como também diminui o número de bactérias nocivas que consumimos.

Trata cólicas abdominais, constipação e diarreia

O teor de fibras do manjericão pode ajudar na constipação, enquanto o conteúdo de eugenol ajuda na dor do estômago. Mais uma vez, o seu conteúdo de (E)-beta-cariofileno (BCP) pode ser útil no tratamento da doença inflamatória do intestino e outras doenças relacionadas com a inflamação. Outro estudo também mostrou que a presença de manjericão pode diminuir muito o número de bactérias infecciosas que causam diarreia. Como tal, consumir o manjericão enquanto come outros vegetais frescos, como a salada, pode ajudar a reduzir o risco de contrair diarreia, além de garantir a segurança dos produtos frescos que você consome.

Manjericão trata a gripe e seus sintomas relacionados

Como contém óleo essencial, você pode usar esta planta real para tratar náuseas e evitar vômitos, sendo que ambos são sintomas de resfriado. Suas propriedades antissépticas, expectorantes e antibacterianas também são úteis no tratamento da enxaqueca, dores de cabeça tensionais e febre. Além disso, você também pode usar o manjericão para aliviar a tosse e a dor de garganta.

O manjericão aumenta a atividade diurética

Tem efeito diurético, por isso pode ser útil no tratamento de problemas urinários. Os diuréticos ajudam a eliminar o sal e a água do corpo através da urina. O processo de excreção remove sódio e água e, assim, reduz a pressão nas paredes das artérias, diminuindo a quantidade de fluido que flui através dos vasos sanguíneos. A razão pela qual diurético é útil é que ele pode tratar doenças como insuficiência cardíaca e doença renal, que ocorre junto com o excesso de líquido no corpo.

Aumenta a produção de leite materno e promove boa circulação

Tradicionalmente, a família encoraja o uso de manjericão para aumentar a produção de leite materno em mães lactantes, além de promover a circulação sanguínea após o parto. As mães lactantes devem discutir seu uso a longo prazo e possíveis efeitos colaterais com os médicos antes de começar a consumir manjericão em uma base regular.

Manjericão reduz o nível de açúcar no sangue

Um estudo com pacientes diabéticos mostrou que o consumo de manjericão diminuiu o nível de glicose. Outra pesquisa também descobriu que pode ter o potencial de inibir a diabetes, afetando o índice glicêmico. Embora estes sejam promissores para diabéticos, os pesquisadores precisam realizar mais estudos para garantir seus efeitos na redução do nível de glicose. Ainda assim, certamente o consumo de manjericão ainda irá beneficiá-lo, seja ou não eficaz no combate ao diabetes, porque há muitos outros benefícios que ele pode ter em sua vida.

Livra-se do mau hálito

Tem mau hálito? Não se preocupe agora, você pode apenas mastigar folhas de manjericão fresco para um bafo mais fresco. A razão pela qual o manjericão fresco funciona é porque reduz a produção intestinal de gases. Além disso, o manjericão tem um forte cheiro agradável que irá mascarar o seu mau hálito. Matando dois coelhos com uma cajadada, hein?

Manjericão trata doenças respiratórias

Outros estudos também descobriram que o manjericão pode tratar doenças respiratórias, incluindo sintomas da tuberculose. Mesmo assim, precisamos de mais estudos para testar sua eficácia, uma vez que os pesquisadores concluam a formulação de medicamentos baseados em manjericão para combater a tuberculose.

Manjericão melhora a visão

100 gramas de folhas de manjericão fresco fornecem a dose diária recomendada de vitamina A (264 microgramas por 100 gramas). A vitamina A é conhecida há muito tempo por ter propriedades antioxidantes e é altamente importante para a saúde da visão. Por exemplo, o consumo regular desses vegetais pode eliminar os problemas nos olhos e a cegueira noturna.

Em conclusão, a maioria dos benefícios de saúde do manjericão pode ser atribuída à presença de óleos essenciais e muitas outras vitaminas, bem como minerais que ele tem.

Para fazer o chá de manjericão, basta colocar as folhas em imersão em água quente por 5 a 10 minutos. Depois, beba com um pouco de adoçante. Você pode gelar a mistura para consumir depois.

Ficou alguma dúvida? deixem nos comentários suas perguntas e iremos responder!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.