A Escala de Sonolência de Epworth é uma escala destinada a medir a sonolência diurna, medida através do uso de um questionário muito curto. Isso pode ser útil no diagnóstico de distúrbios do sono. Ela foi introduzida em 1991 pelo Dr. Murray Johns do Hospital Epworth, em Melbourne, na Austrália.

O questionário pede ao sujeito que classifique a sua probabilidade de adormecer em uma escala de probabilidade crescente de 0 a 3 para oito diferentes situações que a maioria das pessoas se envolvem em durante a sua vida diária, embora não necessariamente todos os dias. A pontuação para as oito perguntas são somadas para obter um único número. Um resultado total baixo é considerado normal, enquanto um número maior indica que deve ser procurado um médico para a verificar se há algum problema problema.

Os resultados também podem ser utilizados para diagnosticar de forma inicial alguns distúrbios de sono, como possibilidade de apnéia do sono leve a grave, ou até a narcolepsia. Algumas perguntas na escala mostraram-se melhores preditoras de transtornos específicos do sono, embora testes adicionais possam ser necessários para fornecer um diagnóstico preciso.

Para fazer o teste, você vai precisar de caneta e lápis ou algum lugar onde possa anotar suas respostas. Use como referência sua vida atual, sua rotina. Qual a probabilidade de você dormir em cada uma das situações abaixo? Utilize a seguinte escala para escolher o número mais apropriado para cada situação (seria ideal que alguém te entrevistasse e anotasse as respostas, evitando que você sabote seus resultados):

  • 0 = nenhuma chance de cochilar
  • 1 chance = ligeiro de cochilar
  • 2 = moderado oportunidade de cochilar
  • 3 = chance alta de cochilar
Escala de Epworth

E aí? Quais foram seus resultados? Seu sono tem qualidade ou está precisando de uma revisada? (Foto: afip.com.br)

Agora, vamos às situações.

  • Sentado e lendo
  • Assistindo TV
  • Sentado inativo em um lugar público (por exemplo, um teatro ou uma reunião)
  • Como passageiro de um carro por uma hora sem parar
  • Deitado para descansar à tarde, quando as circunstâncias o permitirem
  • Sentado e conversando com alguém
  • Sentado calmamente após o almoço sem álcool
  • Em um carro, enquanto parado por alguns minutos no trânsito

Agora some o resultado total. Se você tirou um resultado entre 1-6, parabéns! Você está dormindo o suficiente!Resultados entre 7-8, sua situação é um pouco mais preocupante e já é hora de se preocupar com a qualidade de sua cama, seus travesseiros, ver se você tem andado muito estressado nos últimos tempos, se tem praticado exercícios físicos regularmente e se alimentado bem. Um resultado 9 ou maior é extremamente preocupante e você deve buscar uma ajudar médica imediatamente. Normalmente as pessoas começam procurando um psiquiatra, mas já existem clínicas especializadas no tratamento do sono. Assim, você estará garantindo que está tentando ter a melhor qualidade de sono possível.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.