Um furúnculo é uma infecção que afeta grupos de folículos pilosos e tecido da pele nas proximidades. Condições relacionadas ao furúnculo incluem carbunculose e a foliculite.

Furúnculo: causas

Furúnculos são muito comuns. Eles são mais freqüentemente causados pela bactéria Staphylococcus aureus. Eles também podem ser causados por outros tipos de bactérias ou fungos que se encontram na superfície da pele. Danos ao folículo piloso permitem a infecção para crescer mais profundamente no folículo e os tecidos abaixo dela.

Os furúnculos podem ocorrer nos folículos pilosos em qualquer parte do corpo. Eles são mais comuns na face, pescoço, axilas, nádegas e coxas. Pode haver um ou muitos furúnculos. Há uma associação possível entre problemas emocionais e o aparecimento de mais furúnculos no corpo. Muitas pessoas experimentam o furúnculo inicialmente como uma simples espinha que fica infeccionada. Roupas íntimas muito justas também podem causar furúnculos nas virilhas, principalmente após depilações com a pele delicada e irritada.

Furúnculo: sintomas

O furúnculo pode começar como um área dura, rosa- vermelha, inchada e quente na pele. Com o tempo, ele vai se se tornar um balão ou cisto cheio de água. A dor piora à medida que ele se enche de pus e tecido morto. A dor diminui quando o furúnculo começa a ser drenado. O furúnculo pode drenar por conta própria mas, mais frequentemente, o furúnculo deve ser aberto para ser drenado.

Os principais sintomas de um furúnculo incluem:

  • Uma protuberância na pele do tamanho de uma ervilha , mas pode ser tão grande quanto uma bola de golfe;
  • Centros de cor branca ou amarela (pústulas);
  • Se espalhando para outras áreas da pele ou se juntando com outro furúnculo;
  • Crescimento rápido;
  • Formação de secreção ou crostas.

Outros sintomas podem incluir:

  • Fadiga;
  • Febre;
  • Mal-estar geral;
  • Coceira antes do furúnculo se desenvolver;
  • Vermelhidão da pele ao redor do furúnculo.

Furúnculo: exames e testes

O médico geralmente pode diagnosticar um furúnculo com base em sua aparência. Uma amostra de células pode ser enviada para o laboratório de cultura para procurar por estafilococos ou outras bactérias causadoras do furúnculo e assim, proporcionar um tratamento mais apropriado e direcionado para o caso.

Evolução de um furúnculo

Um furúnculo pode começar como uma simples espinha e evoluir para uma bola de pus do tamanho de uma bolinha de golfe. (Foto: www.treatmentofboils.com)

Furúnculo: tratamento médico e tratamento caseiro

Um furúnculo pode curar por conta própria depois de um período de coceira e dor leve. Mais frequentemente, eles se tornam mais doloroso quando o pus se acumula. Geralmente, o furúnculo precisa se abrir e ser drenado afim de ser curado completamente. Isso ocorre com mais freqüência dentro de 2 semanas.

Para um tratamento caseiro, coloque compressas mornas sobre o furúnculo várias vezes ao dia para acelerar a drenagem e cura. Nunca esprema um furúnculo ou tente abrir um furúnculo com um corte em casa. Isto pode espalhar a infecção. Continue a colocar, compressas úmidas mornas sobre a área após o furúnculo ser aberto.

  • Em alguns casos, você pode precisar de uma cirurgia para drenar furúnculos profundos ou grandes. Em alguns casos, furúnculos podem se tornar cistos. Obtenha tratamento médico se você tem:
  • Furúnculo que dura mais de 2 semanas;
  • Furúnculos retornando;
  • Você tem um furúnculo em sua coluna ou no meio do rosto;
  • Você está com febre ou outros sintomas com o furúnculo;
  • O furúnculo provoca dor;
  • Repetidos furúnculos no mesmo lugar/próximos.

É importante manter um furúnculo sempre limpo:

  • Curativos limpos e constantemente trocados;
  • Lave as mãos muito bem depois de tocar um furúnculo;
  • Não reutilize ou compartilhe panos ou toalhas. Lave as roupas , panos , toalhas e lençóis ou outros itens que entram em contato com as áreas infectadas em água muito quente;
  • Jogue fora curativos usados ​​em um saco selado para que o fluido não encoste em nada.

O seu médico pode receitar antibióticos por via oral ou uma injeção se o furúnculo é muito ruim ou volta com frequência. Para casos recorrentes, injeções de benzetacil podem ser recomendadas. Sabonetes antibacterianos e cremes não podem ajudar muito, uma vez que o furúnculo se formou.

Furúnculo: prognóstico

Algumas pessoas têm repetidas infecções e são incapazes de evitá-los. Furúnculos em áreas como o canal do ouvido ou nariz podem ser muito dolorosos. Um prestador de cuidados de saúde deve tratar furúnculos do nariz. Furúnculos que se formam juntos podem expandir e juntar-se, causando uma condição chamada carbunculose.

Furúnculo: possíveis complicações

Abcesso da pele, medula espinal (abscessos e infecções), cérebro , rins, ou outros órgãos pode ser possível. Infecção do cérebro, endocardite, osteomielite são também associadas a infecções com furúnculos. Cicatrizes permanentes quase sempre acontecem após um furúnculo. Sepsia é possível, caso o paciente não tome os cuidados necessários com a higiene dos curativos e da região afetada. A propagação da infecção a outras partes das superfícies do corpo ou da pele é comum, principalmente quando o paciente toca o furúnculo e outras partes do corpo.

Quando entrar em contato com um profissional médico?

Ligue para o seu prestador de cuidados de saúde se o furúnculo aparece na face ou na coluna vertebral, pois há risco real de infecção no cérebro ou medula espinhal. Procure um médico também se o furúnculo não se curar com tratamento em casa dentro de 1 semana. Ao ocorrer juntamente com uma febre, manchas vermelhas saindo da ferida, grande acúmulo de líquido na área, ou outros sintomas de infecção, o médico também deve ser procurado.

Furúnculo: prevenção

Sabonetes antibacterianos, uso de anti-sépticos, lavagem correta das mãos e higienização após o uso do banheiro são formas eficazes de prevenir os furúnculos, além de manter uma imunidade alta para evitar infecções bacterianas com facilidade.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.