4 remédios caseiros para bronquite

Escrito na categoria "Saúde" por André M. Coelho.

Remédios caseiros são realmente sua melhor aposta quando se trata de tratar bronquite. Estudos de pesquisa mostraram que os antibióticos não são eficazes para o tratamento da bronquite. Apesar da evidência de ineficácia e diretrizes claras no mundo da medicina, a taxa de prescrição para bronquite aguda na verdade aumentou. Evitar o uso excessivo de antibióticos para bronquite aguda deve ser uma pedra angular dos cuidados de saúde de qualidade. Mas o primeiro passo sempre começa com o diálogo com um bom profissional médico, capaz de recomendar os melhores procedimentos de tratamento curativo e preventivo. Só use os tratamentos abaixo se seu médico recomendar.

Seu objetivo quando você tem bronquite deve ser remover o catarro em seu peito e mover para que você possa expeli-lo. A abordagem mais direta para os pulmões é o ar que você respira, por isso os tratamentos de inalação são o primeiro recurso. Pense neles como uma limpeza a vapor para suas vias aéreas. A comida e a bebida certas também podem ajudar a manter o muco em movimento.

Ao mesmo tempo, você vai querer combater germes no ecossistema do seu corpo e evitar que eles se prendam ao muco. Vamos então para as sugestões de tratamento caseiro.

Remédio caseiro para bronquite: vapor

Você pode fazer isso apenas tomando um banho quente, é claro. Ou colocar água fervente em uma tigela e inclinar-se sobre ela, colocando uma toalha sobre a cabeça. Inalar o vapor ajudará a soltar as secreções em seus pulmões.

Para tornar o tratamento a vapor ainda mais eficaz, adicione algumas gotas de óleo de eucalipto ou óleo de pinho à água. O eucalipto ajuda a amolecer o muco nas vias aéreas obstruídas e possui algumas propriedades antibacterianas. Se você quiser usar folhas de eucalipto, simplesmente ferva-as em uma panela de água, retire do fogo e inspire o vapor. O óleo de pinho atua como um expectorante, assim ele ajudará você a “expelir” a fleuma dos tubos brônquicos.

Execute um umidificador no seu quarto quando estiver dormindo para umedecer o ar que você respira. Mas certifique-se de seguir as instruções do fabricante para a limpeza do umidificador. Caso contrário, bactérias e mofo podem se acumular.

Se você tem um ultrassom, umidificador de névoa fria, adicione o conteúdo de um frasco de 3% de peróxido de hidrogênio e um quarto de xícara de água. O peróxido de hidrogênio funciona para reduzir o muco e pode até ajudar a controlar a infecção. Você pode deixar o umidificador funcionando dia e noite, para que você respire constantemente os vapores.

Tratamento de bronquite

Trate a bronquite naturalmente para ficar com uma saúde melhor. (Foto: WebMD)

Remédio para bronquite caseiro: hábitos alimentares

Para diluir o muco e ajudá-lo a tossir mais facilmente, beba muita água, pelo menos oito copos de 250 ml por dia. E evite bebidas alcoólicas e cafeinadas, que desidratam o sistema e tornam o muco mais difícil de ser desalojado.

Coma pimentas, salsa picante ou pratos preparados com pimenta caiena. Os alimentos apimentados não só fazem seu nariz funcionar como também diluem o muco nos pulmões, ajudando você a tossir de forma mais produtiva.

Beba chá de verbasco, que é um remédio popular tradicional para doenças respiratórias e oferece uma outra maneira de limpar o muco de seus pulmões. Ele contém saponinas, que ajudam a soltar a fleuma, juntamente com uma mucilagem gelatinosa que acalma as membranas mucosas cruas. Ferva um copo de água, retire do fogo e coloque duas colheres de chá de folhas de verbasco secas. Deixe o chá em infusão por 10 minutos, depois coe as folhas molhadas e beba o chá. Você pode beber até três xícaras por dia.

O leite de vaca contém lactalbumina, que estimula a produção de muco no trato respiratório superior e inferior e nos intestinos. Quando os humanos bebem leite de vaca, o resultado é uma produção excessiva de muco. Evite.

Tratamento caseiro para bronquite: suplementos

A N-acetilcisteína, uma forma do aminoácido cisteína, ajuda a afinar e afrouxar o muco. Tome uma dose de 600 miligramas três vezes ao dia entre as refeições, até que a bronquite tenha desaparecido. Se você está tratando bronquite de curta duração, continue tomando por mais algumas semanas após a tosse desaparecer.

Equinácea e astrágalo são ervas que fortalecem o sistema imunológico e ajudam a combater bactérias e vírus. Tome 500 miligramas de cada erva quatro vezes ao dia para bronquite aguda ou duas vezes por dia para bronquite crônica.

O ácido R-lipóico é um poderoso nutriente antioxidante que é vital no reparo de vias aéreas inflamadas. Como outros antioxidantes, como as vitaminas E e C, o ácido R-lipóico contribui para a sua saúde, neutralizando os efeitos de moléculas nocivas chamadas radicais livres, que danificam as células. Normalmente, seu corpo produz ácido lipóico suficiente, mas quando há inflamação, as células ficam estressadas e precisam de toda a ajuda possível. Tome 100 miligramas de ácido R-lipóico três vezes ao dia com as refeições.

O poder da prevenção para a bronquite

Para prevenir bronquite crônica, o conselho mais importante é: não fume. Se você é um fumante, comece a conversar com um psicólogo e um psiquiatra para encontrar o melhor meio de parar com o cigarro.

Se o seu trabalho o expuser a muito pó, fumos ou poluentes, qualquer um dos quais possa contribuir para a bronquite crônica, certifique-se de que está a usar a máscara ou respirador adequado para filtrar as impurezas do ar que respira.

Para reduzir o risco de contrair bronquite viral, lave as mãos frequentemente e mantenha-as longe do rosto, especialmente quando estiver perto de alguém com resfriado. Limpe seu nariz e seios com spray nasal salino. Ou use uma medicação sem receita de limpeza do seio recomendada pelo seu farmacêutico. Deve ajudar a evitar que alérgenos e agentes infecciosos entrem em seus pulmões.

A vitamina C ajuda a combater os vírus respiratórios. Ela funciona bem em conjunto com flavonoides suplementares, também chamados de bioflavonoides. Como medida preventiva, tome até 2.000 miligramas por dia de vitamina C com flavonoides em doses divididas. Com doses mais altas de vitamina C, algumas pessoas ficam com diarreia.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

André fez parte de uma das primeiras equipes de Parkour no Brasil. Desde então, atuou junto de educadores físicos, nutricionistas, fisioterapeutas e profissionais da saúde para aperfeiçoar seus conhecimentos. Desde 2012, escreve dicas de saúde e exercícios físicos que aprendeu e continua aprendendo. Em 2019 tornou-se instrutor de Muay Thai e Kickboxing, compartilhando com seus alunos para ensinar tudo que aprendeu.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista. Procure sempre orientação médica presencial antes de consumir ou utilizar qualquer produto ou substância terapêutica.