O gel de carboidrato tem se tornado um companheiro inseparável de muitos corredores em dias de treinos e principalmente em corridas de provas longas. Este gel de carboidrato é um suplemento bastante utilizado pelos corredores graças a sua praticidade e por oferecer grande fonte energética.

Mesmo com os benefícios citados anteriormente, o seu consumo ainda gera muitas dúvidas entre atletas, treinadores e especialistas da nutrição esportiva. O maior debate existe porque a maioria das pessoas está fazendo a ingestão do gel por conta própria e sem a recomendação especializada.

Será que o gel de carboidrato faz mal? Quais os benefícios do gel de carboidrato? Qual é o momento certo de consumir o gel de carboidrato? Estas são as perguntas que vamos responder na sequência.

Qual a função do gel de carboidrato?

Os nutricionistas esportivos e maratonistas especializados informam que o gel de carboidrato tem a função de manter de maneira eficaz e rápida os níveis ideais de carboidratos no organismo.

Quando os níveis estão controlados, há uma redução da perda de glicogênio muscular e hepático, ou seja, não há a utilização de massa magra como fonte de energia durante as corridas e/ou atividades físicas. Quando o seu consumo é orientado de forma correta, o corredor consegue aumentar o desempenho durante a corrida.

Do que é feito o gel de carboidrato?

Atualmente existem várias marcas de gel no mercado, mas ao contrário do que as pessoas pensam, eles não todos iguais. Podemos afirmar que grande maioria contém os seguintes componentes:

  • Maltodextrina
  • Frutose
  • Dextrose
  • Ribose
  • Waxymaise
Quais as funções do gel de carboidrato?

Quando consumir o gel de carboidrato?

Diversos estudos apontam que a associação de dois ou mais tipos de carboidratos aumenta e facilita a oxidação desse nutriente. Portanto, a maioria destes géis possui mais de um tipo de carboidratos. Além dos nutrientes citados, alguns destes géis também podem conter:

  • Proteínas, principalmente o soro do leite conhecido como whey protein
  • Aminoácidos
  • Cafeína

Quando consumir o gel de carboidrato?

O nosso corpo tem um estoque natural de carboidrato que dura cerca de aproximadamente 1 hora de atividades físicas, podendo sofrer pequenas variações de acordo com a intensidade do mesmo.

Sabendo deste padrão, o aconselhado é que a ingestão de gel de carboidrato só aconteça quando o exercício físico ultrapassar 1 hora de duração. Especialistas indicam cerca de 60 gramas de carboidratos para cada hora de exercício.

Como existem exercícios mais intensos e cada pessoa responde de maneira diferente a suplementação, existem casos em que a ingestão pode acontecer a cada meia hora. É importante frisar que isso deve ser determinado pelo nutricionista após as avaliações e experimentações.

É natural encontrar corredores ingerindo o gel momentos antes da corrida. Os estudos realizados ainda não apontaram benefícios imediatos, o que se sabe é que quando o gel é consumido cerca de 20 minutos antes da atividade física, a sensação de cansaço e o risco de elevação da insulina e de queda de glicemia é reduzida consideravelmente.

Como ingerir o gel de carboidrato?

É indicado consumir o gel juntamente com água visando facilitar a diluição do gel e acelerando ainda mais a absorção do carboidrato. Cuidado com os excessos, ingerir o gel sem necessidade ou em altas concentrações aumenta as chances de problemas gastrointestinais e de desidratação. Quando há este excesso, a pessoa pode sentir vários problemas como, por exemplo, náuseas, diarréia e até vômitos.

O gel pode ser substituído por alimentos?

Existem carboidratos em diversos alimentos, mas é necessário realizar avaliações com um nutricionista para determinar quais os mais eficientes para o seu organismo. Os carboidratos estão presentes em frutas, batatas e mandioca.

Apesar dos benefícios da furta para a saúde, as mesmas são ricas em vitaminas e minerais e quando ingeridas de forma exagerada, a alta concentração de frutose também pode causar desconfortos gástricos.

Sempre indicamos para os praticantes de atividade física buscar orientação capacitada. O profissional de Educação Física certamente pode te orientar na escolha e forma de execução dos exercícios, assim como o nutricionista irá cuidar da sua alimentação.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.