Toda célula em nosso corpo depende de uma quantidade abundante de oxigênio para um melhor metabolismo e vitalidade. Mas problemas respiratórios podem realmente atrapalhar isso. Problemas hereditários, vírus, doenças, ambientes hostis. Vários são os motivos destes problemas. Até motivos emocionais podem estar relacionados a estas doenças. Mas as soluções são simples e bem práticas.

  1. Para fatores ambientais e relacionados aos hábitos: arrume para sua casa algumas plantas de folhas bem verdes, que produzem oxigênio e absorvem a poluição do ambiente. Saia bastante da cidade, indo para as montanhas ou para o mar em busca de ar fresco. Faça exercícios de respiração profunda para renovar seus pulmões, limpando-os da poluição das grandes cidades. Se você fuma, se ame um pouco, pelo amor dos deuses, pare.
  2. Instruções para sua alimentação: evite produtos lácteos, açúcar, doces, farinha branca e arroz branco. Quando o problema melhorar, você pode começar a aumentar as doses de consumo diárias destes produtos. Coma muitas frutas e vegetais, além de beber muita água em temperatura ambiente. Chás e sucos são preferíveis ao invés de produtos refrigerados. Se você estiver gripado, sopa de alho com pimenta, canela gengibre e cravo ajudam a desbloquear as vias nasais, liberando a congestão. Vitamina C também pode ajudar bastante.
  3. Encarar seus problemas emocionais: faça uma análise de sua vida e problemas que podem estar te atrapalhando. Pode ser algum medo, fobias, insegurança. Pense positivo, se afirme como indivíduo e projete coisas boas, neutralizando tendências e emoções negativas. Existem algumas terapias que focam apenas na respiração para o tratamento de problemas emocionais. Elas podem te ajudar muito.
  4. Exercícios e técnicas: com a ajuda de diferentes exercícios e técnicas, você consegue remover a tensão da parte superior da coluna e de seu peito, ajudando na respiração. Com elas você também desenvolve um maior controle sobre os músculos respiratórios., além de aumentar o fluxo sanguíneo e a cura na região peitoral. Abra as vias aéreas, se elas estiverem bloqueadas. Estimule o funcionamento das glândulas adrenais e do sistema imunológico.
  5. Irrigação nasal: soro fisiológico nas vias nasais ajuda muito na hidratação das vias aéreas. Não use água: ela pode estar contaminada e atrapalhar mais do que ajudar.
Soluções para problemas do dia a dia

Muitas pesquisa já estão relacionando problemas respiratórios a distúrbios de humor, inclusive a depressão. E os tratamentos são simples, práticos e fáceis. (Foto: humana.com)

Muitas pessoas mal sabem como respirar. Com disciplina, isso pode ser facilmente modificado. Para começar, pratique alguns exercícios de respiração profunda. Respire o máximo que conseguir de uma vez pelo nariz, garantindo que o ar chegue na temperatura certa aos seus pulmões. Evite respirar pela boca. Solte todo o ar e repita o processo. Exercícios para aliviar a coluna e massagens também são bem conhecidos no alívio de problemas respiratórios. Yoga, tratamentos psicológicos, pilates, natação e outras coisas podem ajudar no tratamento também. Cuide de seu corpo e de sua mente e eles farão o trabalho de manter nossa saúde em perfeito estado.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.