No artigo de hoje vamos trazer dicas para barra fixa e te ajudar a definir a musculatura abdominal e outras com o este exercício. Veja neste artigo como é o treino de barra fixa para iniciantes e como treinar barra fixa todos os dias.

Primeiro você deve entender que treinar barra fixa é bem diferente de apenas ficar pendurado nela. Podemos dizer que é bem o contrário, pois o exercício barra fixa é um dos mais complexos exercícios devido a sua alta intensidade.

Talvez muitas pessoas não saibam, mas existem variações deste exercício, sendo que esta variação é determinada pela posição da pegada na barra.

Daí surge à pergunta, porque buscar um exercício tão complexo? A resposta está na quantidade de benefícios deste exercício, a barra fixa na musculação exige bastante força e trabalha os músculos: grande dorsal, trapézio, redondo maior, bíceps, braquial e braquiorradial.

Onde fazer barra fixa?

Atualmente é possível adquirir barra fixa para instalar na porta da sua casa. Essa barra é encontrada facilmente na internet e além de ser bem barata, ela é extremamente fácil de instalar.

Outra opção para quem quer se exercitar com barra fixa, mas não tem condições de comprá-la para praticar em casa é ir aos parques públicos. Mesmo no país onde o governo não se importe muito com a qualidade de vida da população, existe um grande número de equipamentos de barra fixa em ambientes públicos.

Por fim, a opção de ir às academias. Ambiente onde você encontrará os equipamentos e uma orientação especializada para favorecer e maximizar o resultado de seu treino.

Como fazer barra fixa?

O primeiro ponto importante é o aquecimento. Jamais pense em chegar a uma barra fixa e começar o exercício sem realizar uma preparação articular antes. Essa atitude certamente irá aumentar os riscos de lesões e reduzir a capacidade de realização do mesmo.

É muito importante que você consiga realizar o exercício de forma correta, não adiantando você se pendurar na barra e não ter força para erguer o seu corpo. Se este é o seu caso, você irá precisar fortalecer a sua musculatura em outros exercícios de musculação antes de se aventurar na barra fixa.

Para realizar um bom aquecimento, o exercício de flexão de braço é uma excelente opção para preparar seu corpo para a carga e intensidade necessária na barra fixa.

Dicas para fazer barra fixa corretamente

Como fazer barra fixa?

Quais os tipos de treino para barra fixa?

Como citamos no inicio do artigo, existem variações do exercício barra fixa. Chegou a hora de conhecer as características de cada variação.

  • Pegada pronada – acontece quando o dorso das mãos fica voltado para você durante a realização do exercício. Nesta pegada existe uma solicitação menor dos bíceps, tornando essa pegada a mais difícil.
  • Pegada supinada – acontece quando as palmas das mãos ficam voltadas para você durante a realização do exercício. Nesta pegada, existe a solicitação do bíceps, tornando o movimento mais fácil que na pegada pronada.
  • Pegada neutra – Acontece quando as palmas das mãos se posicionam voltadas uma para a outra. É um exercício de difícil realização devido à falta de estruturas com barras paralelas.

Outra dica importante é quanto à escolha do tipo de pegada, se você consegue realizar todas elas, o nosso conselho é que realize todas elas dentro do seu treino. Utilizando todas elas na sessão você conseguirá recrutar e exercitar uma grande quantidade de músculos.

Como fazer barra fixa?

  • Segurar bem firme na barra pode parecer à coisa mais óbvia do mundo, mas muitas pessoas sofrem queda na barra por não dar atenção para este ponto.
  • Esteja atento quanto à distância entre as mãos, porque elas devem estar posicionadas ligeiramente além da largura de seus ombros.
  • Os músculos dos braços e costas devem exercer força suficiente para erguer seu corpo até a altura de seu peitoral.
  • Nunca deverá se contorcer, se inclinar, se entortar. Lembre que a barra fixa deve ser realizada em um movimento retilíneo na vertical, movimentando apenas os braços.
  • Após alcançar a altura do peitoral, tente segurar esta posição por 1 segundo e em seguida desça lentamente até a posição inicial.

Depois de um tempo de treino respeitando os seus limites, você certamente irá obter um condicionamento físico para realizar várias repetições e chegar a considerar o exercício com fácil.

Neste momento é hora de utilizar cargas extras de peso para maximizar o resultado, essa carga pode ser utilizando aquele peso nos tornozelos muito utilizado por pessoas que frequentam academias.

Cuidados ao realizar barra fixa

É importante respeitar os limites de seu corpo. Lembre que todo exercício de musculação exige muita intensidade das articulações, então todo exagero pode ser muito perigoso.

Também é fundamental não soltar o corpo de uma vez na fase de descida do exercício. A velocidade exagerada pode provocar lesão grave nos ombros e nos punhos.

Estamos perto de finalizar mais um artigo pessoal e nossa dica mais importante de todas é que você busque orientação de um profissional de Educação Física. O exercício de barra fixa é bem complexo e oferece diversos benefícios que dificilmente irá alcançar realizando o treino sem orientação. Por fim, jamais inicie qualquer treino sem antes realizar um exame médico.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.