Hoje vamos falar um pouco sobre caminhar e correr. Duas atividades físicas bem populares e que cada dia mais agrega mais praticantes. Com o crescimento do número de adeptos, também surgem às dúvidas, qual delas é mais benéfica para a saúde?

Atualmente é fácil responder esta pergunta, porque existe uma quantidade enorme de estudos sendo feita em cima destes aspectos. Na sequência de nosso artigo vamos apontar os benefícios de ambas e quais as desvantagens.

Mas a primeira conclusão que chegamos é que tudo vai depender de seu objetivo e como busca chegar até ele.

Um ponto positivo para os corredores é que eles já experimentaram a caminhada, isso é possível afirmar porque raramente uma pessoa realiza uma corrida sem caminhar primeiro, mas existem exceções.

Na busca pela saúde, existem situações em que as passadas cadenciadas vencem a corrida, já em outras situações a corrida vence a caminhada, mas o ideal e que mais trará benefícios sem dúvida é a combinação de caminhada e corrida.

Confira alguns aspectos e comparações da corrida ou da caminhada, e saiba como decidir pela atividade que mais atende seu objetivo segundo as suas capacidades. Começamos então pelas caracterísicas específicas da corrida

Perder e/ou manter o peso corporal

  • Estudos deixam claro que as pessoas que praticam corrida emagrecem com maior facilidade quando se comparado as pessoas que faz caminhada. Isso acontece não somente ao alto gasto calórico, mas sim porque existe uma regulação melhor dos hormônios o que diminui o apetite.

Desenvolvimento e fortalecimento dos músculos

  • Para conseguir manter-se em alta velocidade, o corpo é muito exigido, principalmente a musculatura das pernas, do abdômen, além das costas e braços. Além de fortalecer a musculatura, a corrida promove melhoria da resistência física.

Proteção contra doença nos olhos

  • Por mais difícil que seja acreditar, a corrida previne o surgimento da catarata. Além da prevenção contra o glaucoma, que é um distúrbio que lesiona o nervo óptico.

Garantia de um bom sono

  • Para as pessoas sedentárias, os pequenos e mais vagarosos passos já são ótimos, porque os mesmo estimulam a produção de hormônios como à endorfina, por exemplo. Este hormônio tem a função de relaxar o corpo e ajuda na melhoria da qualidade do sono. Mas a intensidade das passadas deve ser de acordo com a capacidade física da pessoa.

Sensação de alegria

  • Já que falamos da endorfina, ela também tem papel fundamental com o bom humor. Ela é uma das moléculas responsáveis por dar aquela sensação de prazer. Quanto mais intenso é o exercício, mais endorfina foi produzida, mas prazer poderá ser desfrutado.
Todas as vantagens e desvantagens da corrida

Correr é melhor que caminhar?

Agora vamos abordar as características específicas da Caminhada

Protege o coração

  • Em estudos realizados nos EUA, foi detectado que a taxa de colesterol, o risco de sofrer com diabete, hipertensão e infarto, foi reduzida de maneira semelhante entre pessoas que corriam e os que marchavam.
  • Como a caminhada exige menos do coração, ela foi mais indicada para as pessoas que amadoras em corrida e principalmente para quem acabou de sair do sedentarismo.

Fortalecer os ossos

  • O impacto estimula a produção de massa óssea. Sendo muito importante para promover uma espécie de reciclagem adequada dos ossos. Outra vantagem em relação à corrida, é o numero menor de fraturas por estresse. Uma ótima atividade para quem sofre com osteoporose é a caminhada.

Prevenção de lesões

  • A rapidez e intensidade de quem pratica corrida provocam uma sobrecarga, que em longo prazo podem causar contusões. Estudos apontam que é necessário um fortalecimento dos músculos e articulações antes de iniciar corridas em alta intensidade.

Aumentar o sistema imunológico

  • As caminhadas leves ou moderadas permitem um aperfeiçoamento das funções das células de defesa diante dos micróbios nocivos.

Vale frisar que indiferente de você optar por correr ou por caminhar, o mais importante é realizar atividade física, as desvantagens de ambos, não são nada perto dos riscos de quem não faz nada.

Além de dúvidas sobre correr na rua ou na esteira? Onde tem menos riscos? Ainda existem as pessoas que não tem opção de escolha e só podem correr na rua. Como fazer em dias de chuva? Sem contar nas mudanças de ritmo pelo tráfego de pessoas ou até mesmo desviando de obstáculos, coisas que são frequêntes.

A nossa dica principal é que você primeiro busque um médico de confiança e realize exames para que possa lhe liberar ou não para praticar atividade física. Principalmente se você quer iniciar a corrida que é uma atividade mais intensa.

Além do médico, você deve buscar orientação de um profissional de Educação Física, visando atender seu objetivo. Ele terá condições de orientá-lo de forma correta e te proteger de riscos desnecessários.

Lembre-se de que a atividade física deve lhe proporcionar prazer, se você gosta de caminhar e não gostar de correr, continue caminhando, se você gostar de correr e não gosta de caminhar, continue correndo. Desfrute ao máximo do prazer que ambas podem te oferecer e respeite seus limites.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.