Hoje vamos falar das varizes, um assunto bem delicado. As pessoas têm muito receio quanto à prática de exercício físico, sendo que algumas são por medo de agravar a situação e outras por vergonha.

Neste artigo vamos falar sobre tudo que envolvem as indesejadas varizes e sua relação com os exercícios físicos.

O que são varizes?

Varizes nada mais são que do que veias dilatadas, alongadas e tortuosas. Pessoas que apresentam este problema se queixam de muitas dores, cansaço e uma sensação de peso exagerado nas pernas.

As pessoas que possuem varizes podem ter complicações, além das terríveis manchas, a pessoa pode desenvolver úlceras, hemorragias, erisipelas e eczemas. Sendo assim é muito importante que as pessoas entendam que este problema deve ser tratado com uma doença e não somente como um problema estético.

Este quadro é mais frequente nas mulheres, estima-se que uma em cada cinco mulheres apresente varizes. Já no caso dos homens este quadro é mais raro, estimando-se que um em cada quinze homens apresente tal doença.

Quais os fatores que causam o surgimento das varizes?

O primeiro e principal fator é a predisposição genética. Outras situações também podem contribuir para o surgimento das varizes, são elas:

  • Gravidez
  • Tratamento de reposição hormonal
  • Uso de anticoncepcional
  • Sedentarismo
  • Obesidade
  • Tabagismo

As pessoas que passam grande parte do dia em pé ou sentada também entram no grupo de grande chance de desenvolver esta doença.

Como evitar as varizes?

Para as pessoas que estão correndo deste problema, a solução é realizar exercícios físicos com frequência, utilizar meias elásticas e principalmente manter o seu peso ideal.

O que causa varizes?

Quem tem varizes pode correr?

Quem tem varizes pode fazer exercício físico?

O exercício físico é excelente para o sistema circulatório, ou seja, praticar regularmente faz bem para o coração e para o pulmão, ajudando no controle da pressão alta e o diabetes.

Muitas pessoas dizem ou acreditam que quem tem varizes não pode praticar atividades físicas ou exercício físico, isso é verdade? Atividade física pode piorar as varizes?

Então vamos às respostas! Benefícios obtidos durante as práticas de exercício físico são infinitos não mesmo? Já falamos disso em diversos assuntos de nosso site, além disso, basta você lembrar que o sedentarismo foi citado acima como um dos fatores causadores das varizes.

A presença de varizes jamais deverá impedir a prática dos exercícios físicos, pelo contrário, os exercícios ajudam a reduzir a dor e o inchaço nas pernas.

Quais os melhores exercícios para quem tem varizes?

Sem dúvidas você deverá optar pelos exercícios que seja necessário a realização de movimentos repetitivos com as pernas, mas lembrando que não deve exigir força excessiva. A melhoria acontece porque estes exercícios promovem uma estimulação melhor da circulação facilitando o retorno do sangue ao coração.

Vejam agora uma lista com atividades físicas excelentes para serem praticadas, mesmo por pessoas que tem varizes.

  • Caminhada
  • Corrida
  • Andar de bicicleta
  • Natação
  • Hidroginástica

Para as pessoas que frequentam ou gostariam de frequentar a academia a nossa dica é que escolha exercícios na esteira, bicicleta ergométrica, aulas de ginástica e exercícios na piscina.

Não existem limitações quanto aos exercícios de levantamento de peso, porém devem ser evitadas cargas pesadas, ou seja, realize muitas repetições e com uma carga bem reduzida.

O mais importante na hora de escolher o exercício físico é gostar. A atividade se tornará mais prazerosa e o aproveitamento dos benefícios do mesmo será muito maior. Lembre-se de utilizar sempre roupas não muito apertadas, facilitando a circulação sanguínea.

Como sempre, NUNCA comece uma determinada atividade física sem consultar um profissional. Dependendo das causas das suas varizes, algumas atividades físicas podem ser realmente prejudiciais. Um médico angiologista é o melhor profissional para lhe orientar ao fazer esta escolha.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.