Um implante dentário é uma raiz artificial para o dente colocada em sua mandíbula para segurar uma prótese dentária ou uma ponte. Os implantes dentários podem ser uma opção para as pessoas que perderam um dente ou mais dentes devido à doença periodontal, uma lesão ou algum outro motivo.

Tipos de implantes dentários

Existem basicamente dois tipos de implantes dentários:

Endostal (no osso): este é o tipo mais comumente usado de implante. Os vários tipos incluem parafusos, cilindros ou lâminas colocadas cirurgicamente no osso maxilar. Cada implante contém um ou mais dentes protéticos. Este tipo de implante é geralmente usado como uma alternativa para os doentes com pontes ou dentaduras removíveis.

Subperiosteal (no osso): estes são colocados na parte superior da mandíbula com uma estrutura de metal saindo através da gengiva para segurar a prótese. Estes tipos de implantes são usados ​​para pacientes que são incapazes de usar dentaduras convencionais e que têm altura óssea mínima.

Posso usar um implante dentário?

O candidato ideal para um implante dentário tem boa saúde geral e bucal. Saúde óssea adequada em sua mandíbula é necessário para suportar o implante, e os melhores candidatos têm tecidos da gengiva saudáveis ​​que estão livres da doença periodontal, tal como a gengivite ou tártaro.

Os implantes dentários estão intimamente ligados com os tecidos da gengiva e ossos subjacentes na boca. Os periodontistas são os que se especializam precisamente nessas áreas. Não só periodontistas têm experiência em trabalhar com outros profissionais de medicina dentária, eles também têm o conhecimento especial, de formação e instalações que você precisa ter os dentes com um visual natural e que não fiquem estranhos na boca. Seu dentista e periodontista irão trabalhar em conjunto para fazer o implante corretamente.

Como é o procedimento de implante dentário?

Este procedimento é um esforço de equipe entre você, seu dentista e seu periodontista. Seu periodontista e dentistas irão examina-lo para determinar onde e como seu implante deve ser colocado. Dependendo da sua condição específica e o tipo de implante escolhido, o seu periodontista irá criar um plano de tratamento sob medida para atender às suas necessidades.

Passo a passo do implante dentário

Na foto, da esquerda para a direita: a base do implante, o suporte para a prótese dentária e, finalmente, a colocação da prótese. Este procedimento é feito dente por dente, sendo a base do implante uma substituta para a raiz do dente. (Foto: www.biodentproject.com)

Implante dentário de um único dente: passo a passo

Se você tem de substituir um único dente, um implante e uma coroa podem substituí-lo com facilidade. Ele substitui tanto o dente natural perdido quanto sua raiz. O outro tratamento comum para a perda de um único dente, uma ponte fixa suportada pelos dentes, requer que os dentes adjacentes sejam raspados para suportar a ponte cimentada.

Como um implante dentário substitui a raiz do dente, o osso é melhor preservado. Com uma ponte, uma parte do osso que anteriormente rodeava o dente começa a ser reabsorvida (deteriorada). Os implantes dentários integram com seu maxilar, ajudando a manter os ossos saudáveis ​​e intactos. Portanto, não confunda a ponte com o implante dentário, pois esta segunda opção oferece menos riscos e muito mais saúde.

Para o procedimento do implante dentário, que se parece com um parafuso ou cilindro, precisa se colocado em sua mandíbula. Ao longo dos próximos dois a seis meses, o implante e o osso são permitidos a se unirem para formar uma âncora para o dente artificial. Durante este tempo, um dente provisório pode ser usado no local do implante, de modo a não causar impactos estéticos significativos.

Muitas vezes, um segundo passo do procedimento é necessário para expor o implante e anexar uma extensão. Esta tampa de cicatrização temporária completa a base sobre a qual o seu novo dente será colocado. As suas gengivas irão se curar durante algumas semanas após este procedimento.

Existem alguns sistemas de implante (de uma só fase) que não requerem esta segunda etapa. Estes sistemas utilizam um implante que já tem a peça de extensão ligada. Seu periodontista irá aconselhá-lo sobre qual sistema é melhor para você.

Cada caso é diferente, e algumas dessas etapas podem ser combinadas quando as condições permitirem. Seu dentista irá trabalhar com você para determinar o melhor plano de tratamento.

Implante dentário de vários dentes: passo a passo

Se você precisa implantar vários dentes, pontes implanto-suportadas podem substituí-los. Os implantes dentários substituem seus dentes naturais perdidos e algumas das raízes. Os implantes dentários oferecem várias vantagens sobre outras opções de substituição de dentes. Além de parecer e funcionar como os dentes naturais, pontes implanto-suportadas substituem dentes sem o apoio de dentes naturais adjacentes. Outros tratamentos comuns para a perda de vários dentes, tais como pontes fixas ou próteses parciais removíveis, são dependentes de apoio dos dentes adjacentes.

Além disso, como pontes implanto-suportadas irão substituir algumas de suas raízes do dente, o osso é mais bem preservado. Com uma ponte fixa ou prótese parcial removível, o osso que antes rodeava a raiz do dente pode começar a reabsorver-se (deteriorar-se). Os implantes dentários se integram com seu maxilar, ajudando a manter os ossos saudáveis ​​e intactos.

Primeiro, os implantes, que se parecem com parafusos ou cilindros, são colocados na sua mandíbula. Ao longo dos próximos dois a seis meses, os implantes e osso são permitidos a se unirem para formar âncoras. Durante este tempo, uma opção de substituição temporária de dentes pode ser usada nos locais de implante. Pilares ligados aos implantes formam uma base para novos dentes. Um segundo passo do procedimento pode ser necessário para expor os implantes e anexar extensões. Estas tampas de cura temporárias completam a base sobre a qual os seus novos dentes serão colocados. As suas gengivas vão se curar durante algumas semanas a partir deste procedimento. Existem alguns sistemas de implante (de uma só fase) que não requerem esta segunda etapa. Estes sistemas utilizam um implante que já tem a peça de extensão ligado. Seu periodontista irá aconselhá-lo sobre qual sistema é melhor para você.

Os dentes de substituição, ou pontes, serão criado para você pelo seu dentista e anexados a pequenos postes metálicos, chamados de pilares. Tal como no implante de apenas um dente, cada caso é diferente, e algumas dessas etapas podem ser combinadas quando as condições permitirem. Seu dentista irá trabalhar com você para determinar o melhor plano de tratamento.

Implante dentário para vários ou todos os dentes

Temos um exemplo na foto de como é feito o implante dentário através de uma prótese que substitui vários ou todos os dentes. Na técnica usada na foto, nem todos os dentes ganham uma nova raiz, mas a prótese ficará fixada à mandíbula através de implantes dentários feitos no osso, substituindo as raízes de alguns dentes. (Foto: www.timberlinefamilydentistry.com)

Implante dentário para substituir todos seus dentes: passo a passo

Uma ponte completa implanto-suportada ou prótese total pode substituí-los. Pontes e próteses totais implanto-suportadas são mais confortáveis e estáveis do que dentaduras convencionais, permitindo-lhe manter uma capacidade de morder e mastigar mais natural. Além disso, como pontes e próteses totais implanto-suportadas vão substituir algumas de suas raízes do dente, o osso é mais bem preservada. Com dentaduras convencionais, o osso que anteriormente cercava as raízes dos dentes começa a reabsorver-se (deteriorar-se). Os implantes dentários se integram com seu maxilar, ajudando a manter os ossos saudáveis ​​e intactos.

No longo prazo, os implantes podem ser mais estéticos e mais fáceis de manter do que dentaduras convencionais. A perda de massa óssea que acompanha dentaduras convencionais leva a recessão do maxilar e um sorriso em colapso, pouco atraente. Dentaduras convencionais tornam também difícil de comer certos alimentos.Dependendo do número de implantes colocados, o dispositivo de conexão que vai conter os novos dentes pode ser apertado sobre o implante, ou pode ser utilizada um ponto de contato para o encaixa e desencaixe da prótese. Pontes completas ou próteses totais serão criadas para você e ligadas a estas conexões, chamadas de pilares, ou outro dispositivo de conexão semelhante.

Cirurgias que podem ser necessárias junto ao implante

Uma chave para o sucesso do implante é a quantidade e qualidade do osso em que o implante está sendo colocado. A mandíbula traseira superior tem sido tradicionalmente uma das áreas mais difíceis para colocar com êxito implantes dentários devido à quantidade insuficiente e qualidade óssea e a proximidade ao seio nasal. O aumento do seio nasal pode ajudar a corrigir esse problema, elevando o assoalho do seio e trabalhando o desenvolvimento ósseo para a colocação de implantes dentários. Várias técnicas podem ser usadas para aumentar o seio e permitir a expansão do osso. Numa técnica comum, é feita uma incisão para expor o osso. Em seguida, um pequeno círculo é cortado dentro do osso. Esta peça óssea é levantada para dentro da cavidade nasal, muito parecido com uma porta de armadilha, e o espaço por baixo é preenchido com material de enxerto ósseo. Seu periodontista pode explicar as suas opções para materiais de enxerto, o que pode regenerar osso perdido e tecido.

Preenchimento das cavidades dentárias

Na foto, passo a passo do preenchimento da gengiva para que o osso danificado seja regenerado e possa receber o implante dentário para futura fixação da prótese. (Foto: www.implantdentistcharlotte-nc.com)

Deformidades e problemas dentários no maxilar superior ou inferior pode deixá-lo com osso insuficiente para colocar implantes dentários. Para corrigir o problema, a gengiva também pode ser levantada a partir de sua parte superior para expor o defeito ósseo. O defeito é então preenchido com osso ou substituto de osso para construir a base do implante. Este defeito pode ter sido causado pela doença periodontal, uso de próteses, defeitos no desenvolvimento, lesão ou trauma. Não só esta deformidade causa problemas na colocação do implante, como também pode também causar um recuo sem atrativos na linha da mandíbula perto dos dentes ausentes que podem ser difíceis de limpar e manter. Para corrigir o problema, a gengiva deves ser levantada para expor o defeito ósseo. O defeito é então preenchido com osso ou substituto de osso para construir a base. Seu periodontista pode informá-lo sobre suas opções para materiais de enxerto, que podem ajudar a regenerar osso perdido e tecido.

Em ambos os casos, após o enxerto, a incisão é fechada e a cura é esperada. Dependendo de suas necessidades individuais, o osso geralmente se desenvolve por cerca de quatro a 12 meses antes de um implante poder ser colocado. Após os implantes serem colocados, é necessário um período adicional de cura. Em alguns casos, o implante pode ser colocado no mesmo momento em que o seio é aumentado.

Levantamento dos seios nasais para implante dentário

Na foto, um exemplo de como é realizado o levantamento dos seios nasais para que haja material ósseo suficiente para receber um implante dentário. (Foto: www.dentalimplantsclinicdelhi.com)

O que posso esperar depois de receber um implante dentário e uma prótese?

Como você sabe, os próprios dentes necessitam de cuidados caseiros diários e visitas regulares ao dentista. Os implantes dentários são como seus próprios dentes e exigirão os mesmos cuidados. Afim de manter o seu implante limpo e sem placa bacteriana, escovação e uso do fio dental ainda se aplicam, além de aumentar um pouco a frequência ao dentista. Cerca de 2 a 4 vezes por ano é uma boa frequência de visitar ao seu dentista. Após o tratamento, o seu periodontista irá trabalhar em estreita colaboração com você e seu dentista para desenvolver o melhor plano de cuidados para você. Periódicas visitas de acompanhamento serão agendadas para monitorar seus implantes, dentes e gengivas para se certificar de que eles são saudáveis. O procedimento em si é relativamente simples, mas pode ser longo devido à possível necessidade de preenchimento ósseo antes da realização do implante.

Ainda tem alguma dúvida? Deixe nos comentários e faremos o possível para ajudá-los!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.