No artigo de hoje vamos falar dos pés dos corredores, estes que são responsáveis por absorver os impactos e impulsionar o corpo repetidas vezes até que o corredor complete seu trajeto.

Portanto, é de extrema importância que os Corredores tenham muito cuidado com a saúde dos pés, lembrando que quando falamos corredores, não estamos falando apenas dos atletas, mas sim, de todas as pessoas que praticam corrida.

Cuidar bem do pé permite um bom funcionamento dos ossos que ao todo somam 26, além dos 112 ligamentos e 33 articulações. A harmonia estrutural desta região permite um melhor desempenho, menor desgaste e menos riscos de lesões. Você já parou pra pensar se está utilizando o tênis mais adequado para sua modalidade? Sabia que existem palmilhas ortopédicas que auxiliam na prevenção de tais lesões? Sim, sempre vamos dizer como é importante prevenir, antes que as lesões ocorram.

Como evitar lesões nos pés?

A utilização de um calçado de qualidade é o mais importante. Calçados que não oferecem conforto e estabilidade adequados certamente irão colocar a saúde dos seus pés em risco.

É importante informar que se você sente dores ao correr, é porque algo está com problema, sendo assim, é importante buscar uma opinião médica para fazer uma avaliação mais concreta e realizar o processo de tratamento ideal para permitir boa recuperação.

Trouxemos uma lista com as 5 lesões dos pés mais comuns. Vejam todas elas, suas características e quais são as situações que as provocam.

O que é Esporão de Calcâneo?

Acontece quando existe uma formação de um calo ósseo no calcanhar. Diagnóstico que só pode ser feito com precisão através de um exame de Raios-X. Este esporão provoca uma ferida nos tecidos adjacentes, a sensação é a mesma de quando pisamos descalços sobre pedras.

O que é Artrite e Artrose?

A artrite é confirmada quando há um processo inflamatório articular reumático e/ou agudo. Já a artrose é confirmada quando existe de forma crônica, um processo de degeneração da cartilagem articular e articulações. Ambas as situações são causadas por sobrecarga e desequilíbrios biomecânicos.

O que causa dores nos pés?

O que causa Fascite Plantar?

O que é Fascite Plantar?

Refere-se a uma inflamação da fáscia do pé, que é um tecido que cobre os músculos da sola do pé. Causada geralmente por sobrecargas que são relacionadas a diversos fatores como, por exemplo, a pisada hiper pronada. Outros fatores também são agravantes, utilização de sapatos inadequados, além de impacto excessivo também podem causa estresse na fáscia, consequentemente gerando um processo inflamatório e muita dor.

O que é Tendinite?

Também é caracterizada por um processo inflamatório, mas este é localizado na bainha dos tendões. Pode ser um resultado de lesão, falta de nutrientes como, por exemplo, as vitaminas do complexo B. O fator natural envelhecimento também pode causar Tendinite, uma vez que o tendão tende a perder sua elasticidade com o passar dos anos. As mais frequentes são no tendão de Aquiles, causando bastante dor da panturrilha até o calcanhar.

O que é Fratura por Estresse?

Caracterizada por trincas pequenas nos ossos que são relacionadas aos ossos que ajudam na absorção do impacto, além de sobrecarga excessiva por períodos de longa duração. Cerca de 70% das pessoas tem ou já tiveram lesões de fratura por estresse, muitas destas pessoas passam a desenvolver um quadro crônico por não tratar no início da lesão.

Como tratar as dores dos pés?

Existem diversos tratamentos para tais problemas, claro que casa caso requer um procedimento diferente, sendo assim, é de extrema importância consultar com um podólogo, realizar os exames para poder realizar o melhor tratamento para seu caso.

Sessões de fisioterapia, injeções de corticoide ou até mesmo uso de um anestésico local podem minimizar a dor. Alguns casos podem necessitar de de cirurgia para reendireitar as articulações, o tratamento neste caso é a quiropraxia. Ela tem a capacidade de reajustar as articulações, restaurando a biomecânica e principalmente restabelecendo o equilíbrio articular ideal.

Em alguns casos de lesões menores ou estado inicial, apenas uma imobilização do local já é suficiente para restabelecer o quadro normal. Utilização de bota imobilizadora ou muletas nestes casos reduz o impacto e/ou a pressão na área lesionada. Isso já permite uma melhoria no processo anti-inflamatório.

Dicas para diminuir tais problemas é sempre manter um bom balanço nos pés, assim você permite uma ação conjunta de ambos os joelhos, do quadril e também da coluna vertebral, não havendo sobrecarga e nem desequilíbrio em nenhuma dessas regiões, as chances de desenvolver dores ou doenças são mínimas.

É importante informar que o tratamento quiroprático não age apenas na recuperação de lesões, ele também tem papel fundamental como método de prevenção das mesmas.

Chegamos ao final deste artigo e esperando ter auxiliado a todos. Vale lembrar que antes de qualquer prática esportiva, você deve consultar um médico e buscar informações, recomendações e conhecer suas limitações.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.