No artigo de hoje vamos falar sobre os pés dos corredores e apresentar 6 dicas para te ajudar a cuidar melhor deles. Os pés são para os corredores como as rodas para um carro. Portanto, é fundamental mantê-los em ótimas condições.

Para correr sem dores indesejadas e manter a saúde dos pés não é preciso muito esforço, apenas atentar para alguns detalhes e compreender que os cuidados começam antes mesmo de calçar o tênis.

1 – Calçados do dia-a-dia

É muito importante estar atento aos calçados utilizados no dia-a-dia assim como os que usam para correr, não adiantando ter cuidado apenas quando vai correr. Os calçados da sua rotina diária devem oferecer o mesmo conforto que o tênis que utiliza nas corridas, se não for possível, que ele esteja o mais próximo disso.

2 – Lubrificante

Muitas pessoas fazem uso de lubrificantes para minimizar os efeitos dos atritos entre as partes do corpo, principalmente na virilha e nas axilas. O estranho é que pouquíssimas pessoas utilizam este recurso para cuidar dos pés. Sabiam que ao lubrificar os pés, você estará reduzindo o risco de fricção e as chances de desenvolver bolhas.

Como cuidar dos pés antes da corrida?

Como cuidar dos pés depois da corrida?

3 – As meias

Existem meias melhores que as outras para correr? A resposta é sim! Nunca é demais lembrar que jamais devem utilizar meias de algodão, elas dificultam a transpiração e aumentam as chances de desenvolver bolhas e mau cheiro. Façam sempre uso de meias próprias para praticar atividade física.

Na hora de comprar a meia para praticar atividade física, observe bem o que deve fazer parte:

  • Meias de fibra são ótimas opções para drenar umidade e deixar os pés secos.
  • Malha e costuras grossas causam irritação.
  • O tamanho deve ser o ideal. Se estiver apertada demais, a mesma irá atrapalhar a circulação sanguínea, se estiver frouxa demais, ela irá causar excesso de fricção no pé.

4 – Calçado ideal

O calçado para treinar é seu maior aliado ou vilão. Quando a pessoa escolhe o calçado apenas pelo preço ou beleza, a mesma está correndo sérios riscos de criar problemas relacionados ao desconforto e/ou ineficaz do mesmo.

O seu tênis pode influenciar drasticamente na forma como os seus pés sentiram os efeitos da corrida. Para te ajudar na hora de escolher o calçado para correr, observe atentamente os pontos a seguir:

  • Tamanho – Pessoas que utilizam calçados um número acima ou abaixo estão abrindo portas para desconfortos desnecessários, ou seja, é importante escolher o tênis que se encaixa perfeitamente ao seu pé e ofereça o máximo de conforto possível.
  • Espaço para os dedos – O espaço para os dedos também deve ser observado ao comprar um tênis, se os dedos ficam muito juntos, as chances de desenvolver bolhas e unhas negras são bem altas.
  • Encaixe no pé – O tênis mais bonito nem sempre vai ser o melhor pra seu pé, a grande variedade de formato dos pés causam diferenças significativas entre os modelos existentes. Sendo assim, é importante que o pé fique bem encaixado dentro do tênis e sem espaço para ficar deslizando para os lados, nem para frente e para trás.

5 – Gelo

O aquecimento e inchaço dos pés são naturais depois de correr, uma ótima dica é imergi-los em água fria ou aplicar gelo logo após praticar a atividade física. Já é cientificamente comprovado que aplicar frio reduz inflamações e acelera a recuperação.

É importante ter cuidado com o tempo de aplicação do gelo, o tempo máximo deve ser de 15 minutos. Para as pessoas que não conseguem suportar a aplicação com gelo, indicamos que deixem os pés debaixo de uma torneira com água fria.

6 – As unhas

Unhas grandes podem encravar facilmente ou causar algum ferimento nos dedos, sem contar que elas rasgam as unhas e podem ter maior atrito com o calçado causando a famosa unha preta.

Grande parte das pessoas não tem o devido cuidado com as unhas, mas é indispensável cortá-las regularmente em linha reta e aparara as pontas com uma lixa. Nem todo mundo leva jeito para esse tipo de tarefa, se não o souberem como fazer, peça ajuda a alguma podologista.

Chegamos ao final deste artigo e queremos alertá-los sobre os riscos de praticar atividade física sem orientação capacitada e sem a liberação médica. Não adianta seguir todos os passos que indicamos e cuidar apenas de seus pés, pense que sua vida é importantíssima e a prevenção é indispensável.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.