No artigo de hoje vamos discutir um assunto muito polêmico, correr descalço. Atualmente este assunto tem sido tema de vários estudos e discussões entre especialistas. Pesquisas têm sido realizadas com mais veemência, e vamos te mostrar quais os pontos positivos e negativos de correr descalço agora.

Existem diferenças entre correr descalço na areia e em outras superfícies duras? Existem diferenças entre correr descalço na esteira ou de tênis? Por fim, correr descalço faz bem ou faz mal? Descubra todas as respostas ao longo deste artigo e saiba diferenciar os mitos e verdades.

Para começar vamos falar das opções variadas de modelos de tênis que prometem diversos benefícios. Existem molas metálicas, amortecedores de ação dupla e alguns são tão modernos que contam com componentes eletrônicos em seu sistema de amortecimento.

Parece ser algo espetacular, mas pesquisas apontam que a maioria dos tênis de corrida não pode ajudar na melhoria do desempenho dos atletas. Pior ainda, vários deles não atuam com eficiência na prevenção de lesões.

O assunto é tão polêmico que imediatamente após o resultado destas pesquisas, vários médicos especializados neste assunto vieram a público discordando dos mesmos. Segundo os mesmos, o bom e velho conceito da medicina desportiva continue válido, correr de tênis é indispensável.

Quais os benefícios de correr sem tênis?

Os defensores desta ideia afirmam que correr descalço promove um aumento da flexibilidade, além de reduzir o gasto energético, o que acaba potencializando a eficiência durante o exercício. Correr descalço auxilia no fortalecimento da musculatura do pé.

Quando praticado de forma correta, correr descalço permite que os pés tenham uma capacidade melhor de sentir o terreno e permitir as adaptações proprioceptivas, situações que favorecem melhoria do equilíbrio e prevenção de lesões.

Correr descalço faz bem?

Vantagens e desvantagens de correr descalço

Quais são as desvantagens de correr descalço?

Um grupo de médicos americanos deu um depoimento afirmando que 95% da população que corre descalço acaba tendo algum tipo de problema. Segundo os especialistas, isso acontece porque é muito raro encontrar indivíduos biomecanicamente perfeitos.

Sendo assim, a ampla maioria das pessoas vai precisar de algum tipo de calçado durante a corrida, seja ele apenas para sustentação ou atuando para corrigir a passada irregular, algo que é muito mais comum do que você imagina.

O calçado tem função importante durante a corrida. Muitos pensam apenas em amortecimento e evitar ferimentos ao pisar em algum objeto, mas a função principal talvez não seja conhecida pela maioria. O calçado auxilia na distribuição da carga de forma uniforme nos pés.

É importante frisar que existem diversos tipos de terrenos onde se pode praticar uma corrida, grama, areia, asfalto, esteira, isso sem contar nas variações de distância e intensidade.

Existem diferenças de acordo com o terreno?

Sim, existem! É totalmente diferente correr na esteira do que na rua, assim como correr na grama e na areia também é diferente. Sendo assim, com tamanha variação, onde é indicado correr descalço? Existem situações em que isso é benéfico?

Especialistas em biomecânica afirmam que quando o atleta é bem adaptado aos movimentos da modalidade, o mesmo poderá correr descalços em grama bem aparada e também na areia.

Caso a pessoa não tenha muita experiência motora na modalidade, é contra indicado este tipo de pratica. Pessoas com sobrepeso, pés muito rígidos e diabéticos também se enquadram no grupo de pessoas que não devem correr descalço.

Como todos sabem, as empresas de materiais esportivos estão sempre por dentro das mudanças e tentam estar um passo a frente para continuar vendendo seus produtos. Nos últimos anos cresceu o número de pessoas que investiram na compra do Five Fingers.

Este calçado é um misto de sapatilha e meia de borracha, ele lembra um pouco aquele pé de pato que é utilizado para natação. Este novo calçado visa atender justamente as pessoas que querem praticar atividades físicas com a sensação de estar descalço.

Considerações finais

Este realmente é um assunto bem complexo e que ainda deve render muitas discussões e estudos. Não queremos formar sua opinião, buscamos apenas te informar sobre as possibilidades e definir os pontos positivos e negativos de cada situação.

É correto afirmar que pelo menos por enquanto, ainda compreende-se que correr de tênis é mais saudável e mais seguro. Mas o que ainda é certeza, é que você jamais deve iniciar uma atividade física sem orientação profissional e liberação médica.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.