Você se dirige para a cozinha do escritório para pegar um copo de água e você encontra uma caixa de guloseimas que parece estar chamando por você. Vou comer só uma rosquinha, você pensa. Porém, você já está na sua quarta rosquinha açucarada do dia.

Como uma pessoa inteligente e ambiciosa, você sabe que maus hábitos como esse o impeçam de atingir seus objetivos. Você sabe que você é capaz de manter o autocontrole. No entanto, apesar dos seus melhores esforços, você não tem conseguido mudar.

Quer se trate de lanchar no meio do dia, procrastinar ou pular exercícios, sentir-se impotente diante de maus hábitos pode realmente ter um impacto na sua motivação, até mesmo na sua auto-estima.  Se você tentou métodos diferentes outras vezes para mudar seus hábitos ruins, mas nada estava funcionando, é hora de uma nova abordagem que aproveite o melhor que a ciência tem a oferecer sobre a mudança de comportamento.

Como mudar hábitos?

Você pode passar horas pesquisando truques para a mudança de hábitos de vida. No entanto, se você não entender os hábitos a partir da psicologia, você nunca verá nenhum sucesso real. Seja para emagrecer, parar com um vício, ou mudar hábitos alimentares, é necessário compreender que hábitos são compostos por 3 estágios: Sinal, Rotina, Recompensa. No exemplo das rosquinhas, o Sinal é a fadiga. Isso desencadeia uma Rotina: levantar-se e dirigir-se à cozinha. A recompensa? O açúcar no seu sangue te dando mais energia.

Acontece que o ciclo do hábito é incrivelmente poderoso e é algo que fica incrustado em nossa psique. Também ajuda a explicar exatamente por que os hábitos são tão difíceis de mudar. A verdade é que nunca quebramos maus hábitos. Nós mudamos os comportamentos “ruins” substituindo-os por alternativas mais positivas.

Se você está pronto para abandonar os maus hábitos para sempre, sugerimos 3 etapas para alavancar o ciclo do hábito para finalmente mudar seu comportamento.

Mudando hábitos ruins

A mudança de hábitos ruins causará uma melhora na sua qualidade de vida e trará grandes vantagens para seu dia a dia. (Foto: Oprah.com)

A mudança de hábitos começa ao identificar os estágios

Primeiro identifique os Sinais, Rotinas e Recompensas que levam aos seus hábitos. Olhe para as circunstâncias que envolvem o comportamento, incluindo a hora do dia, com quem você está e quais emoções você está sentindo.

Por exemplo, reconheça que depois de um dia difícil no trabalho (Sinal), você chega em casa e se joga no sofá (Rotina). Logo depois, você começa o hábito alimentar ruim de pegar a primeira coisa que está na geladeira e comer (Recompensa) enquanto assiste seriados na televisão..

Quem busca como mudar hábitos comportamentais passará pelo estágio de buscar alternativas

Agora que você tem uma clara visão do que está acontecendo em cada etapa do seu ciclo de hábitos, faça um brainstorming de rotinas mais saudáveis ​​que produzirão os resultados desejados.

Que comportamentos alternativos podem fornecer uma recompensa comparável ao que você está tentando eliminar? O que mais lhe daria uma sensação de realização, felicidade, e relaxamento?

Crie uma lista de opções. Você poderia trocar sua compulsão de comer e assistir seriados por um banho e um shake de frutas energéticas? Concentre-se em novas rotinas que o ajudarão a relaxar depois de um dia estressante (Sinal) para se motivar rumo a comportamentos mais satisfatórios (Recompensa), como hábitos mais saudáveis para seu dia a dia.

Aqueles que buscam como se livrar de um hábito ruim devem comprometer-se a fazer mudanças e ajustes

Agora é hora de experimentar novas rotinas para ter uma noção do que funciona melhor para você. Faça compromissos capazes de testar novas rotinas e aborde isso como uma série de experiências. Talvez você tente ouvir um pouco de música pós-trabalho por duas semanas e acha que não é para você. Talvez você perceba que o shake de frutas não é ideal, mas um sanduíche natural desce melhor Após mais testes, você pode encontrar uma combinação que encaixa melhor na sua rotina e substitui bem a recompensa anterior..

A mudança de hábitos, como hábitos alimentares e para emagrecer, se completa com a antecipação de contratempos

A mudança de comportamento é difícil. Ninguém é imune ao deslize ocasional. Então, quando isso acontecer, não se rebaixe ou se retire para um pensamento negativo. Em vez disso, faça o seu hábito à prova de balas: antecipe e planeje os contratempos. Se você está tentando aderir a uma dieta, pense em situações que possam desafiar seus hábitos alimentares saudáveis, tais como jantares de negócios sofisticados, viagens para trabalho ou momentos de estresse elevado.

Uma vez que você aprender a trabalhar dentro da psicologia dos hábitos ao invés de trabalhar contra isso, é provável que você encontre um maior sucesso ao vencer comportamentos negativos de uma vez por todas.

Como você fez a mudança de hábitos negativos? Que sugestões tem para quem precisa mudar os hábitos?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.