As cáries são áreas permanentemente danificadas que se desenvolvem em furos no esmalte de seus dentes. Qualquer pessoa que tenha dentes pode ter uma cárie. Elas são mais comuns em crianças pequenas, adolescentes e adultos mais velhos.

O que é carie dental e os tipos de cáries

Existem três tipos de cáries, basicamente. Cáries superficiais lisas, que aparecem nos lados dos dentes; cáries de fóssulas e fissuras, que aparecem nas superfícies irregulares na parte superior de seus dentes. e as cáries radiculares, que aparecem sobre as raízes de seus dentes, abaixo de sua linha de gengiva. Basicamente, a cárie, nessas situações, é o dente sendo corroído por bactérias, que acabam se acumulando em um pedaço do dente e corroendo o esmalte.

Cárie inicial: os sintomas

Os sintomas de uma cárie dependem do tipo de cárie e da gravidade da cárie dentária. Quando uma cárie começa a se desenvolver, você provavelmente nem sabe que ela está lá. Quando uma cárie vai ficando maior ou mais profunda, você pode experimentar

  • Dor de dente
  • Dor ao morder
  • Sensibilidade ao calor, frio e doces
  • Furos visíveis ou pontos pretos em seus dentes

Visitas regulares ao dentista a cada seis meses podem ajudá-lo a detectar qualquer problema cedo. Encontrar uma cárie antes que comece a lhe causar a dor pode ajudá-lo a evitar danos extensos e a perda do dente. Se começar a sentir dor e dor na boca, consulte o seu dentista o mais rapidamente possível.

Por que tratar a cárie

A cárie no dente deve ser detectada o mais rápido possível, evitando que o problema se alastre e possa causar a perda de um ou mais dentes. (Foto: HealthTap)

Como a cárie se inicia?

A superfície dura ou esmalte de seus dentes pode tornar-se danificado ao longo do tempo pelas bactérias, partículas de alimentos e ácidos que ocorrem naturalmente na sua boca, formando um filme pegajoso chamado placa. Esse filme é chamado placa, cujo ácido começa eventualmente a corroer o esmalte dos seus dentes. Uma vez que o ácido corrói o esmalte, ele começa a danificar a dentina, que é a segunda camada mais macia de seus dentes, mais facilmente danificada.

Se a cárie dentária continuar sem tratamento, a polpa (parte mais interna) dos dentes pode ser afetada. A polpa de seus dentes abriga vasos sanguíneos e nervos. Quando a decomposição se espalha para a polpa, pode causar danos nos nervos. O dano no nervo resulta em dor, irritação e inchaço. Quando a cárie dentária se torna avançada, pus pode se formar em torno do dente, já que o seu sistema imunológico tenta lutar contra cárie. Este acúmulo de pus causa bactérias, que só agravam ainda mais as dores das cáries.

Cárie dentária: tratamento caseiro e no dentista

O tratamento de sua cárie dependerá do quão severa ela for. É preciso se consultar com um dentista para saber o que pode ser feito, antes de qualquer procedimento caseiro.

Preenchimentos e coroas: seu dentista pode usar um enchimento para reparar o buraco em seu dente. Os enchimentos podem ser feitos de uma variedade de materiais, incluindo metal e resina. Durante um enchimento, seu dentista remove a porção que foi afetada pela cárie de seu dente usando uma broca e preenche o buraco com o material. Coroas são usadas se uma grande quantidade de seu dente precisa ser removida. Coroas são feitas de metal ou porcelana. Elas geralmente cobrem toda a superfície superior do seu dente.

Canais e extrações de raiz: se a cárie atingir o interior do seu dente, um canal radicular pode ser necessário. Os canais radiculares envolvem remover o nervo danificado do seu dente e substituí-lo por um preenchimento. Contrariamente à crença popular, os canais radiculares não são mais dolorosos do que o preenchimento normal.

Extração do dente: se o seu dente está além de qualquer reparação, o seu dentista irá realizar uma extração ou remoção de dentes. Seu dentista pode cirurgicamente remover seu dente e substituí-lo com um falso, se você desejar.

Flúor: é um mineral natural que pode fortalecer o esmalte dos dentes. Ele torna os dentes mais resistentes à decomposição causada por ácidos e bactérias. Os tratamentos com flúor também podem reverter sinais precoces de cárie dentária. No tratamento caseiro, basta usar enxaguantes bucais com flúor até 3 vezes por dia e uma pasta de dentes com flúor. É importante não fazer a ingestão da substância.

O que posso fazer para evitar que as cavidades se formem?

Cuidar bem de seus dentes é a melhor maneira de prevenir cáries. A prevenção das cáries começa em casa, mas os exames dentais regulares são necessários também.

Use pasta de dentes que contém flúor é a primeira linha de defesa contra as cáries. O flúor pode parar e até mesmo inverter a cárie dentária, tornando-se uma arma poderosa na luta contra as cáries. Escove os dentes pelo menos duas vezes por dia, uma vez de manhã e uma vez antes de dormir. Se puder, escove os dentes após todas as refeições.

Use o fio dental entre os dentes diariamente para remover as partículas de alimentos e evitar a acumulação de placa.

Visite o dentista regularmente e pergunte a ele se você poderia se beneficiar de selantes dentais. Um selante dental é um material plástico adicionado à superfície de mastigação dos dentes, geralmente nos dentes traseiros. O material preenche as fissuras e sulcos para prevenir a cárie dentária.
Evite lanches frequentes e a quantidade de alimentos doces e pegajosos que você come. Lanchinhos constantes podem criar uma fonte quase constante de cáries dentárias. Alimentos açucarados e bebidas carbonatadas também podem danificar o seu esmalte.

Se você fizer um lanche, enxágue a boca com uma bebida não adoçada depois para ajudar a remover as partículas de alimentos e bactérias de sua boca.

Cuidar bem de seus dentes e gengivas é uma parte importante de permanecer saudável. Um acúmulo de bactérias na boca pode ser perigoso. As bactérias podem viajar de sua boca para sua corrente sanguínea e até o seu coração, onde pode causar endocardite. Algumas pesquisas também associaram bactérias orais ao risco de doenças cardíacas, artérias obstruídas e acidente vascular cerebral

Pratique boa higiene oral e visite seu dentista regularmente. Isso pode ajudá-lo a prevenir e tratar um acúmulo de bactérias nocivas na boca, bem como cáries e gengivite.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.