O consumo da canela não causa problemas de saúde quando usada em pouca quantidade. Mas antes de colocar a canela na sua dieta, principalmente se você tem alguma condição de saúde, um nutricionista ou seu médico podem oferecer informações importantes para proibir, limitar, ou liberar o consumo desse alimento na sua dieta.

Canela faz mal à saúde?

A canela possui alguns ingredientes ativos que podem causar efeitos colaterais. Por exemplo, algumas pessoas são sensíveis ao óleo essencial de canela. A maior preocupação de saúde em relação à canela vem de uma substância presente na canela chamada cumarina, que pode causar danos ao fígado.

Canela faz mal para o figado?

Os ingredientes ativos na canela são: cinamaldeído, flavonóides, e a cumarina. Flavonóides funcionam como antioxidantes e também podem ajudar a prevenir o câncer.

O óleo essencial de cinamaldeído é responsável pelo sabor e aroma da canela, possuindo propriedades anti-inflamatórias, anti-bacterianas e antivirais.

Já a cumarina tem propriedades anticoagulantes, e pode afetar a capacidade de coagulação do sangue. Para quem tem problemas no fígado e/ou problemas circulatórios, a canela já se torna perigosa só pela cumarina.

Efeitos colaterais da canela?

Tudo em excesso faz mal. Isso vale também para o consumo da canela, já que as reações adversas ao seu consumo só foram relatadas em consumo acima de 6 gramas por dia, ou quando o consumo da canela é feito de forma concentrada, como pelo óleo essencial de canela.

Alguns efeitos adversos à canela, seja no consumo ou aplicação tópica (sobre a pele), incluem: sensação de queimação na pele; irritação nos tecidos dentro de sua boca; doença hepática ou piora na condição hepática, se você já tem problemas de fígado.

Cuidado no consumo da canela

Consumir canela não é tão inofensivo quanto achamos. Algumas substâncias da canela podem atacar o fígado e até afetar elementos como a coagulação do sangue. (Foto: authoritynutrition.com)

Canela faz mal na gravidez?

Para mulheres grávidas, o consumo da canela pode ser ainda mais perigoso, pois o feto tende a acumular mais dessas substâncias e ser mais sensível a substâncias que afetam os sistemas do organismo. Portanto, grávidas devem evitar o consumo de canela, em qualquer quantidade.

Dosagem ideal diária de canela

Quem deve limitar a dose de canela que você pode consumir é um nutricionista ou seu médico. A proibição completa desse alimento também pode ser uma opção, se sua saúde é delicada ou para proteger a pessoa.

A dose recomendada é de 1 a 4 gramas de canela em pó, e 0,02 a 0,05 gramas de óleo de canela ao dia. Limite ao mínimo possível, pois tipos diferentes de canela também tem dosagens diferentes de substâncias como a cumarina.

Cuidados no consumo da canela

Converse com seu médico antes de consumir a canela se você tem uma doença hepática, diabetes ou você está grávida. A canela também pode interagir com vários medicamentos, incluindo os utilizados para controlar a diabetes. Não tome qualquer quantidade de canela se você usar qualquer medicação que pode prejudicar o fígado. Você não deve misturar suplementos de canela com ervas que afetam o fígado ou baixam o açúcar no sangue.

Acima de tudo: sempre consulte seu médico antes de fazer alterações à sua dieta.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.