Uma das melhores coisas sobre a escalada é toda a gente incrível e com ideias legais para conversar durante a prática do esporte. Claro, há uma certa etiqueta que tornará ainda mais provável que você realmente faça amizades com eles. São as regras não escritas da escalada, que vão garantir sua segurança e de seus companheiros durante a prática do esporte. Porém, antes de chegar nessas regras, que tal conhecer um pouco da história da escalada no Brasil?

História da escalada no Brasil

A escalada no Brasil tem conheço no montanhismo dos bandeirantes, que exploravam os lugares mais inóspitos do país e mapeavam o território nacional. Só a partir dos séculos XIX e XX que a escalada como um esporte ou prática comum começa a tomar forma, com um destaque especial para as décadas de 1940 e 1950, quando se deu a conquista de grandes picos e montanhas ao redor do mundo.

Na década de 1960, o mundo viu a consolidação da escalada como um esporte, enquanto no Brasil essa consolidação e crescimento tomaram forma nas décadas de 1980 e 1990. Merece destaque o papel do estado do Rio de Janeiro na promoção desse esporte no país, que desde então se tornou um dos principais centros para a prática do esporte que hoje é praticado por todo o Brasil e ao redor do mundo.

Mas quais foram as regras da escalada criadas durante esse período e que continuam válidas até hoje?

Regras da escalada: não deixar traços

Isso deveria ser bom senso, mas mesmo assim é importante notar. Assim como em qualquer outra aventura ao ar livre, como mochilões e acampamentos, é importante certificar-se de que tudo o que você traz para a sua subida, você leva de volta com você. Não deixe a bagunça para trás e arruine as coisas para as pessoas próximas ou o ambiente natural.

Use pós na cor da rocha que você vai escalar

Se você puder, pesquise a cor da rocha antes de sair para que você possa trazer a cor que mais combina com a rocha. Às vezes, isso é obrigatório dependendo da localização, mas, mesmo que não seja, ajuda outras pessoas a apreciar a experiência mais se você não deixar uma grande bagunça de marcas nos paredões.

Quais são as regras da escalada

As regras das escalada garantem a segurança de seus praticantes, evitando riscos desnecessários. (Foto: Red Bull)

Não use pó demais

A última coisa que qualquer alpinista quer é ter o pé ou os dedos escorregados porque alguém antes deles usou pó demais. Seja respeitoso e use apenas a quantidade que você realmente precisa. Se você tem dúvidas sobre a quantidade, converse com um escalador mais experiente para te ajudar.

Não se sinta obrigado a ensinar, mas seja útil e honesto aos seus companheiros de escalada

Se alguém precisar de uma pequena ajuda com um problema e você sabe como fazê-lo, é um gesto amigável oferecer uma sugestão ou duas, mas não sinta que precisa passar um passo a passo para a pessoa. E nunca, nunca dê instruções erradas para uma pessoa. Não esqueça que escalar é perigoso.

Ajude em todas as situações de emergência

No caso de emergência, faça a sua parte para ajudar seus companheiros de escalada. Para isso, é necessário compreender os procedimentos necessários para diferentes emergências na escalada, algo que escaladores mais experientes prontamente vão ensinar aos mais novos. Tenha certeza de garantir aprender tudo para evitar problemas.

Não quebre ou perfure a rocha para criar pontos de apoio

Embora este tipo de regra caia em “não deixar rastros” e deveria cair no bom senso, procure não danificar a rocha natural, cortando ou perfurando, ainda que uma subida pareça impossível. Talvez seja impossível ou talvez você não esteja pronto para uma escalada tão difícil. De qualquer maneira, deixe a rocha do jeito que você encontrou.

Preste atenção aos sons

Talvez você goste de ouvir música durante uma escalada. Porém, pode ser perigoso ouvir música enquanto você faz uma escalada em um paredão, principalmente com colegas de escalada. Além de ouvir música poder te atrapalhar a ouvir seus colegas que podem estar precisando de ajuda, pode ser perigoso não ter os ouvidos atentos a mudanças no tempo, como ventos mais fortes e chuvas. Todo cuidado é pouco.

Nos diferentes tipos de escaladas, não tente criar atalhos

Apesar de existirem diferentes tipos de escaladas, uma regra é clara em todas elas: não tente criar atalhos ou ajudar outros a encontrarem seus caminhos. Deixe as pessoas tentarem seus próprios caminhos e pedirem ajuda por conta própria. Assim como o Parkour e muitos outros esportes radicais, a escalada tem uma coisa de ser uma luta de você contra você mesmo, atingindo novos limites, e é importante que todos tenham a oportunidade de ultrapassar tais limitações antes de receberem ajuda.

Não acelere os outros durante a escalada

Enquanto espera para fazer a sua escalada, não apresse ninguém na rocha, mesmo que pareça estar levando para sempre. Use o tempo para traçar sua rota, conversar com outras pessoas ou realizar outras tarefas, mas não fique impaciente e tente apressar alguém. Isso pode acarretar em lesões sérias por conta de fazer as coisas sem planejamento.

Tente coisas novas na escalada, mas com segurança

Se você é uma pessoa incrível que é amigável e útil, você certamente atrairá pessoas que são incríveis, amigáveis ​​e úteis, então você não precisará se preocupar com vergonha se tentar algo e falhar. O importante na escalada é se divertir, mas com segurança e monitoramento de um escalador mais experiente, sempre.

Quais outras regras vocês usam nas escaladas?

Marcadores: ,
Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.