Disidrose! O que é e como tratar?

Escrito na categoria "Beleza" por Bruno Almeida.

Aquela coceira frequente e intensa nas mãos ou nos pés geralmente são provocadas pela disidrose. Bem mais comum no verão, ela se manifesta principalmente entre os dedos, mas se não for tratada, a mesma tende a evoluir para as palmas das mãos ou para a sola dos pés.

O que é disidrose?

A disidrose também pode ser chamada por eczema ou dermatite. Ela é uma doença que se caracteriza por erupções de pequenas bolhas líquidas nas mãos e nos pés, tendo ligação direta com a retenção de suor. A palavra disidrose significa:

Este termo muito utilizado pela primeira vez no ano de 1873. Naquela época os estudiosos acreditavam que a doença estava relacionada com distúrbios sudoríparos. A disidrose causa tanta coceira que o ao coçar a área afetada, as bolhas eliminam o líquido resultando em um processo inflamatório.

Quais as causas da disidrose?

Ainda não se conhece exatamente as causas que levam ao desenvolvimento da disidrose, mas os estudiosos informam que a mesma esteja ligada ao stress, suor excessivo, constante contato com ambientes úmidos e em outros distúrbios hormonais.

O que causa a disidrose?

Tudo sobre a disidrose

Quais os sintomas da disidrose?

Há um surgimento de pequenas bolhas geralmente nos lados dos dedos e palmas das mãos e em menor frequência nas solas dos pés. Nos casos mais graves as pequenas bolhas podem se unir e formar uma bolha maior.

Depois de aproximadamente 3 a 4 semanas, as bolhas tendem a secar e a pele fica muito ressecada, rachada e apresenta vermelhidão intensa ficando bem dolorida. Em alguns casos, a inflamação pode afetar a matriz das unhas causando deformidade nas mesmas.

Qual o tratamento para a disidrose?

Para um tratamento eficaz dos problemas de pele, diversos cuidados são necessários. Qual o melhor sabonete para a pele? Existem diferenças entre os cremes e pomadas? Sim, e eles tem ligação direta na manutenção da boa saúde da pele. Confiram quais as melhores maneiras de tratar a disidrose a seguir:

Cortisona – Os cremes e pomadas de cortisona aceleram o processo de cicatrização das bolhas. É importante não utilizá-los com demasia, uma vez que a cortisona pode causar graves efeitos colaterais.

Ureia – É possível encontrar nas farmácias, cremes à base de ureia. Estes cremes têm efeitos esfoliantes e hidratantes para a pele.

Vitaminas – As melhores vitaminas para promover a saúde da pele são A e E. Estas vitaminas ajudam bastante em casos de desnutrição.

Óleo de coco extra virgem – Para tratar a disidrose com este óleo, deve-se aplicar uma pequena quantidade nas regiões afetadas. Após a aplicação você deve cobrir com luvas ou meias de algodão para maximizar os efeitos de hidratação.

Sal de Epsom – Este mineral ajuda na remoção de ácidos indesejáveis da pele. Coloque 450 gramas em uma banheira com água morna e faça um banho de imersão. Este mineral contribui para a redução do inchaço e vermelhidão.

Como prevenir a disidrose?

É importante frisar que qualquer tratamento requer uma indicação médica. Portanto, antes de fazer uso de qualquer tipo de creme, óleo ou pomada, o mais aconselhado é buscar um dermatologista e avaliar o problema.

Sobre o autor

Autor Bruno Almeida

Bruno Almeida é formado em Educação Física pela UFV - Universidade Federal de Viçosa. Foi aluno destaque do instituto e agora compartilha seus conhecimentos no site Saúde Melhor!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista. Procure sempre orientação médica presencial antes de consumir ou utilizar qualquer produto ou substância terapêutica.