A saúde das suas unhas, pele, cabelos, orelhas e boca podem estar te enviando sinais importantes sobre deficiências nutricionais e a saúde de seu corpo. Um exemplo clássico é o escorbuto, uma deficiência de vitamina C em seu corpo. Muito antes de seu corpo desenvolver o escorbuto, seu corpo irá demonstrar sinais de níveis baixos de vitamina C com outros sintomas, como as juntas do corpo apresentando dores e sangramento nas gengivas.

Doses recomendadas de vitaminas podem variar de país para país. Nós já vimos aqui no blog onde encontrá-las com maior facilidade e quais podem ser os possíveis malefícios do seu excesso. Se mesmo seguindo estes guias, seu corpo apresenta sinais de falta de vitaminas, é muito importante que você procure um médico. Existem doenças raras que podem impedir ou dificultar a absorção de nutrientes pelo seu organismo. Além disso, os problemas que você tem podem não estar relacionados diretamente com a falta de vitaminas, mas sim outras doenças que podem ser até mais graves. A recomendação de ouro é sempre procurar um médico antes de ter certeza de seu problema.

Dieta saudável

Cuidado: nem todo sintoma aqui relatado é ligado diretamente a deficiência de vitaminas. Antes de assumir qualquer coisa, procure um médico. (Foto: actividadfisica10.blogspot.com.br)

Avisos dados, vamos aos possíveis problemas causados pela falta de vitaminas no organismo:

Cabeça

  • Cabelos secos: deficiência de ácidos graxos essenciais
  • Cabelos grisalhos prematuramente: deficiência de vitamina B5
  • Perda de cabelos: deficiência de folato, vitaminas B5, B6, complexo B, ácidos graxos essenciais, toxicidade de vitamina A ou outros aspectos ambientais também podem influenciar isso.
  • Caspa: deficiência de ácidos graxos essenciais, antioxidantes, vitamina B6 ou complexo B. Pode indicar também baixa acidez do estômago.

Pescoço

  • Marcas na pele, em volta do pescoço, braços e costas podem significar intolerância a glicose ou níveis de insulina reativos. Pode ser um dos primeiros sinais de problemas com regulação dos níveis de insulina no sangue.

Rosto

  • Acne: deficiências de zinco, vitamina A e ácidos graxos essenciais. Menores níveis de ácidos estomacais e consumo excessivo de gorduras ruins, como as do tipo trans.
Orelhas
  • Excesso de cera: deficiência de ácidos graxos essenciais

Boca

  • Cáries nos dentes: deficiência de vitamina B6 e minerais, especialmente sílica, cálcio e o boro
  • Gengivas sangrando: deficiência de vitamina C e bioflavonóides
  • Rachaduras nos cantos da boca: deficiência de vitamina B2 ou complexo B

Língua

  • Feridas na língua: deficiências de vitamina B12, folato, zinco ou ferro
  • Língua pálida: baixos níveis de ferro

Olhos

  • Círculos escuros embaixo dos olhos: baixos níveis de quercetina, vitamina C e cromolina para ajudar com alergias
  • Manchas flutuando nos olhos: deficiências de vitamina K, vitamina C e bioflavonóides

Unhas

  • Ângulo plano/forma de colher: deficiência de ferro
  • Inflamação na cutícula: deficiência de zinco
  • Linhas horizontais ou verticais brancas nas unhas: deficiência de minerais provavelmente causada por baixa acidez do estômago
Pele
  • Pele seca: deficiência de ácidos graxos essenciais, vitamina A ou vitamina E
  • Pequenos inchaços vermelhos nas costas dos braços: deficiência de vitamina A, E, zinco ou ácidos graxos essenciais. Mal absorção de nutrientes pode ser a causa
  • Cura lenta de ferimentos: deficiência de vitamina A, C, zinco ou ácidos graxos essenciais. Diabetes é também uma causa possível
  • Machucados fáceis: deficiência de vitamina K, C, E ou bioflavonóides
Mãos
  • Peles perto das unhas e dedos protuberantes: deficiência de zinco
  • Pele rachando nas pontas: deficiências de zinco, vitamina E ou ácidos graxos essenciais
  • Mãos frias: deficiência de ácidos graxos essenciais, vitamina B3, E, B12 ou ferro. Pode ser causada também por anemia ou síndrome de Raynaud

Quando considerar estes sinais, tente incluir os nutrientes em sua dieta antes de tomar qualquer postura sobre sua situação. Outros fatores de saúde e genéricos podem causar sintomas físicos. O que você deve se perguntar é sobre sua rotina de alimentação: você se alimenta bem? Tem variado pratos e nutrientes? Algumas mudanças de hábitos alimentares causam efeitos em dias. Outros demoram até anos. Mas é necessária uma análise crítica das causas dos problemas o quanto antes para saber se são sinais de coisas mais graves ou apenas deficiências vitamínicas.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.