A prática de exercícios físicos é extremamente saudável e traz muitos benefícios para nosso organismo. O problema é que esses exercícios, principalmente a musculação, podem trazer consigo alguns problemas de pele. Tais problemas podem ser causados diretamente por mudanças no seu organismo ou por questões ambientais, como o uso de toalhas muito úmidas, tomar banho em vestiários sem o uso de chinelos, ou mesmo seu próprio suor. E quais são esses problemas?

Problemas causados pela musculação: acne

Muitas pessoas que praticam a musculação podem achar que estão com muito mais espinhas do que tinham na adolescência. Isso acontece por alguns motivos: contaminação pelas mãos sujas, mudanças hormonais causadas pelo aumento nos exercícios físicos, usar um tapete para Yoga/Pilates que não esteja muito limpo, não beber água suficiente (seu corpo precisa de mais água quando você faz a musculação).

A dica aqui é usar uma toalha bem limpa para a sua musculação, preferencialmente mais de uma se você for ter mais de uma sessão no dia, e limpar todo o equipamento que você for utilizar com álcool em gel. Após todas as aulas, tome um bom banho para evitar contaminação da pele e formação de espinhas.

Infecções causadas pela musculação

Mesmo se você não suar tanto assim, vestir suas roupas de academia pode prender as bactérias por tempo suficiente para levar a erupções cutâneas e infecções de pele. Além disso, se você demorar a trocar de roupa depois de uma sessão de musculação, o excesso de umidade pode causar estragos em partes mais sensíveis, e até incentivar a proliferação de fungos. Não importa o quão intensa for sua musculação, tome banho e troque de roupa até no máximo 30 minutos após ter acabado.

Problemas de pele musculação

A musculação pode prejudicar bastante nossa pele, mas cuidados básicos evitam que nossa saúde seja tão prejudicada. (Foto: www.womenshealthmag.com)

Bolhas causadas pela musculação

Principalmente quem está comprando um tênis novo, pode acabar com algumas bolhas nos pés após alguns dias de prática, até o seu pé se adaptar ao calçado novo. Ou talvez, você ganhou uma bolha porque fez algum exercício errado, resultando em uma bolha na mão, por exemplo. Para resolver o problema, duas dicas são essenciais: uso de meias corretas para o exercício, que afastem a umidade do corpo, e uso de luvas para proteger suas mãos durante as rotinas de musculação mais pesadas.

Coceira causada pela musculação

Quando você está na musculação, sua frequência cardíaca e fluxo sanguíneo amentam, milhões de minúsculos capilares na pele se expandem rapidamente. Isso faz com que nervos vizinhos enviem uma mensagem para o cérebro, que interpreta a experiência como uma sensação de coceira. Isso é completamente natural, especialmente quando você está se ajustando a uma nova rotina de treino. Enquanto o seu corpo for se ajustando, a sensação de coceira vai diminuindo.

A coceira também pode ser um sinal de alguma alergia, fungo, ou bactéria se proliferando. Aí é hora de redobrar os cuidados com a pele, principalmente após a prática dos exercícios físicos. Se for o caso de irritação na pele, vale a pena consultar um dermatologista para recomendação de cremes que possam ser aplicados para amenizar a irritação.

Atrito e fricção da pele na musculação é igual a irritação

Umidade mais atrito é igual a irritação na pele. Se você estiver praticando a musculação com algum tecido que permita alguma folga com a pela, a fricção constante pode provocar irritação. Invista em roupas de exercícios que sejam feitas de material absorvente, preferencialmente sem pontos de costura, e o mais justa possível ao corpo, de material elástico.

Estrias causadas pela musculação

Principalmente quem faz a musculação sem acompanhamento pode ter a formação de estrias com muita facilidade. Isso porque as estrias se formam, geralmente, quando a pele é muito esticada ou reduzida de uma só vez, causando rasgos na formação das células. Pessoas que malham com pressa para formar músculos rapidamente, fazem dietas loucas, querem malhar um ou outro grupo de músculos apenas, são as que mais tem tendência a esse tipo de problema. A solução é simples: musculação com acompanhamento profissional e para quem já tem estrias, cremes especiais e laser, no caso de estrias mais antigas.

Rugas causadas pela musculação

Acabamos fazendo as piores caretas enquanto estamos indo aos nossos limites em um treino intenso, mas não queremos que o nosso rosto fique com essas expressões para sempre. Quanto mais torcido ficar nosso rosto, maior será a tendência a produzir rugas permanentes. Aqui, a dica é manter uma rotina de cremes e hidratação da pele antienvelhecimento diária, de acordo com o seu tipo de pele. Invista também em cremes que tenham colágeno, para estimular a elasticidade da pele.

Pelos encravados na musculação

Geralmente causado pelo mesmo problema do atrito, os pelos encravados são extremamente incômodos, e acontecem em regiões mais sensíveis ou nas pessoas que tem mais pelos, quando eles estão crescendo. A solução aqui, se você tem esse problema, é depilar a região que fica irritada, ou usar roupas mais folgadas para a musculação.

Muitas mudanças na pele causadas pela musculação ocorrem porque as pessoas não se preocupam com uma dieta balanceada. Por isso, é importante sentar com um nutricionista e fazer uma boa dieta, para que sua pele e seu corpo sempre tenham os nutrientes necessários para manter uma boa saúde.

Como é que fica sua pele depois da musculação? Você notou alguma diferença na pele depois que começou a malhar? Qual?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.