Na maioria dos casos de mau hálito persistente (halitose), o cheiro vem de um acúmulo de germes (bactérias) dentro da boca. Estes estão em detritos de alimentos, na placa e na gengivite, ou em um revestimento na parte traseira da língua. Boa higiene oral muitas vezes resolve o problema. Ou seja, escovar os dentes regularmente, limpar entre os dentes, limpar a língua, e o uso de enxaguantes bucais. Outras causas de mau hálito persistente são incomuns. mas podem ocorrer e causas esse incômodo problema.

O que é o mau hálito?

Mau hálito significa que você tem um cheiro desagradável em sua respiração que outras pessoas percebem quando você fala ou expira. O número exato de pessoas com mau hálito não é conhecido, mas é um problema comum, com uma porcentagem relativamente alta da população vivenciando o problema pelo menos uma vez na vida.

Como posso saber se tenho mau hálito?

Um problema principal com mau hálito é que muitas vezes a única pessoa a não perceber é a pessoa afetada. Você se acostuma com seu próprio cheiro e não tende a notar seu próprio mau hálito. Muitas vezes, a única maneira de saber sobre isso é se uma pessoa comentar com você sobre o problema. No entanto, a maioria das pessoas é muito educada, e acaba não comentando sobre o mau hálito de outra pessoa. Você pode ter que confiar em um membro da família ou um amigo íntimo para ser honesto e dizer-lhe se você tem mau hálito.

Talvez você possa perguntar ao seu dentista da próxima vez que você fizer um check-up. Um dentista normalmente será capaz de dizer se você tem mau hálito. Gengivite é uma causa comum de mau hálito e um dentista será capaz de aconselhar sobre o tratamento nesse caso..

Algumas pessoas sugerem um teste simples que você pode fazer para detectar o mau hálito. Lamba o interior de seu pulso. Espere alguns segundos para que a saliva seque. Em seguida, cheire a parte lambida do pulso. Se você detectar um cheiro desagradável, é provável que você tenha mau hálito.

Problemas devido ao mau hálito

Um dos principais problemas com o mau hálito é que ele é difícil de detectar. Mas descobrir a causa e a solução são as partes fáceis do problema. (Foto: Healthable)

Mau hálito: causas

A maioria dos casos de mau hálito vem de germes (bactérias) ou detritos que se acumula dentro da boca. Mas há outras causas que podem estar resultando no mau hálito.

Mau hálito matinal: é normal e ocorre porque a boca tende a ficar seca durante a noite. Isso normalmente desaparece quando o fluxo de saliva aumenta logo após o café da manhã.

Boca seca: causado por uma redução no mecanismo de limpeza da boca como resultado do fluxo reduzido de saliva. Há muitas causas de uma boca seca. A causa mais comum é após uma noite de sono, mas pode ocorrer também devido à desidratação, cComo um efeito colateral de alguns medicamentos, como sintoma de algumas doenças, após a radioterapia para a região da cabeça e pescoço, certos alimentos e bebidas.

Químicos em alimentos: podem entrar na corrente sanguínea e, em seguida, serem expirados para fora dos pulmões. A maioria das pessoas está familiarizada com o cheiro de alho, alimentos picantes e bebidas alcoólicas na respiração de pessoas que recentemente comeram ou beberam estes.

Alimentos: vários outros alimentos e medicamentos podem causar um cheiro na respiração. Este tipo de mau hálito é temporário e facilmente curado por não comer o alimento. No entanto, algumas pessoas comem alimentos condimentados todos os dias e, como resultado, terão um cheiro típico na sua respiração.

Fumar: é possível dizer se uma pessoa é uma fumante por sua respiração. Parar de fumar é a única cura para este tipo de mau hálito. Fumar também aumenta o risco de desenvolver gengivite, outra causa de mau hálito.

Dieta ou jejum: pode causar um cheiro na respiração. Isto é devido aos produtos químicos chamados cetonas que são subprodutos da divisão da gordura. Algumas cetonas são então expiradas com cada respiração.

Causas médicas: incomuns, mas possíveis. Algumas pessoas com problemas nasais podem ter mau hálito. Por exemplo, um pólipo no nariz, sinusite ou um pequeno objeto preso em uma narina (ocorre mais comumente em crianças) pode causar um mau cheiro. Nesta situação, o cheiro tende a ocorrer apenas, ou mais severamente, quando você expira pelo nariz. Não é tão perceptível quando você expira pela boca. Infecções ou tumores do pulmão, garganta, boca ou amígdalas também podem causar o mau hálito. Nestes casos médicos, há geralmente outros sintomas que indicam a causa. Por exemplo, um nariz entupido, dor de sinusite, uma temperatura alta (febre), etc. Se você estiver bem e não tiver outros sintomas além do mau hálito, o cheiro provavelmente vem de um acúmulo de bactérias na boca. Outras causas médicas são improváveis.

Síndrome do odor de peixe podre: esta é uma rara causa médica que pode causar mau hálito. Ela normalmente provoca respiração e odor corporal que é muitas vezes como um cheiro de peixe. Isso ocorre porque o corpo perde a capacidade de quebrar adequadamente a trimetilamina, que é encontrada em certos alimentos. Há então um acúmulo de trimetilamina no corpo que é liberado no suor, urina e respiração. Exames de sangue e de urina podem ajudar a confirmar esse diagnóstico.

Como tirar mau hálito de forma caseira e prevenir para que ele não aconteça de novo?

A maioria das pessoas que tem mau hálito pensam que o mau cheiro vem de bactérias e detritos dentro da boca. À medida que as bactérias quebram as proteínas e outros detritos na boca, liberam gases com mau cheiro. As causas mais comuns podem ser solucionadas de forma simples..

Comida presa entre os dentes: escovar os dentes normalmente não pode limpar pedaços de alimentos que podem ficar presos entre os dentes. O alimento então apodrece e fica cheio de bactérias. A limpeza regular entre os dentes pode limpar e evitar este problema.

Placa, tártaro e gengivite: placa é um depósito macio e esbranquiçado que se forma na superfície dos dentes. Ela se forma quando as bactérias se combinam com alimentos e saliva. A placa contém muitos tipos de bactérias. Tártaro é placa calcificada endurecida. Ela se adere firmemente aos dentes. Gengivite significa infecção ou inflamação dos tecidos que cercam os dentes. Se suas gengivas parecem inflamadas, ou sangram regularmente quando você limpa os dentes, é provável que você tenha gengivite. A gravidade pode variar de leve a grave. Escovar os dentes após cada refeições, usar fio dental e enxaguantes bucais 3 vezes ao dia podem contribuir para eliminar ou reduzir esses problemas.

Revestimento na parte de trás da língua: em algumas pessoas, um revestimento se desenvolve na parte de trás da língua. Não está claro por que isso ocorre. Pode ser muco que goteja a partir da parte posterior do nariz. O revestimento pode conter muitas bactérias. Isto explica porque o mau hálito pode às vezes ocorrer em pessoas que tem uma boa higiene bucal. Uma boa solução aqui, além de escovar a língua, é lavar o nariz com soro fisiológico, para reduzir o gotejamento.

Pedras da amígdala: estas são aglomerados de material calcificado que se formam nas fendas e curvas das amígdalas. Eles são compostos principalmente de cálcio, mas podem conter outros ingredientes, como magnésio e fósforo, e podem parecer com um pequeno caroço nas amígdalas. Raramente prejudicial, eles podem ser um incômodo e difícil de remover e muitas vezes pode causar mau hálito. É possível removê-las de forma caseira, mas é mais recomendado deixar essa solução para seu dentista.

Como curar o mau hálito?

Conversando com seu dentista, você será capaz de diagnosticar a causa principal do mau hálito e encontrar uma solução definitiva para seu problema. Pode ser que você só precise escovar mais os dentes, ou tomar mais água. Seja qual for a solução encontrada, sempre conte com seu dentista para te auxiliar na cura do problema.

Como você faz o tratamento do mau hálito? Quais foram as causas do seu mau hálito?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.